Na era digital em que vivemos, há muitas coisas pelas quais devemos ser gratos. Ações positivas, como comunicação instantânea com amigos por meio da mídia social, uma riqueza de recursos online ou horas intermináveis de entretenimento multimídia podem ser desfrutadas com o mínimo de barulho.

No entanto, infelizmente, o advento da tecnologia também abriu as portas para uma série de comportamentos e ações negativas, tornando a segurança na Internet um grande problema. Essas ações incluem a disseminação de malwares, o comprometimento das informações pessoais do usuário e a tendência relativamente recente de cyberbullying.

Neste artigo, vamos abordar algumas das melhores maneiras de ajudar alguém que é vítima do cyberbullying e o que você pode fazer para evitar que isso aconteça no futuro.

Os melhores professores de Informática Educativa disponíveis
Everton
4,9
4,9 (13 avaliações)
Everton
R$59
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Guacira
5
5 (22 avaliações)
Guacira
R$80
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Weuler
5
5 (26 avaliações)
Weuler
R$50
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Gabriel
5
5 (24 avaliações)
Gabriel
R$30
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Kaique
5
5 (45 avaliações)
Kaique
R$40
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Kleverton
5
5 (9 avaliações)
Kleverton
R$100
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Regina
5
5 (10 avaliações)
Regina
R$60
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Jay
5
5 (12 avaliações)
Jay
R$90
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Everton
4,9
4,9 (13 avaliações)
Everton
R$59
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Guacira
5
5 (22 avaliações)
Guacira
R$80
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Weuler
5
5 (26 avaliações)
Weuler
R$50
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Gabriel
5
5 (24 avaliações)
Gabriel
R$30
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Kaique
5
5 (45 avaliações)
Kaique
R$40
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Kleverton
5
5 (9 avaliações)
Kleverton
R$100
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Regina
5
5 (10 avaliações)
Regina
R$60
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Jay
5
5 (12 avaliações)
Jay
R$90
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Vamos lá

Curso informatica: o que é cyberbullying?

Um homem usando laptop.
O cyberbullying é um problema sério que afeta muitos jovens.

Um termo que é cada vez mais utilizado atualmente, cyberbullying é o que você já imagina, pois se refere a atos maliciosos ou abuso verbal por meio da tecnologia.

O cyberbullying pode ocorrer por meio de todas as plataformas digitais e não se limita apenas às mídias sociais, embora a segurança nas mídias sociais não deva ser ignorada. Na verdade, não se limita apenas à Internet, mas também pode se estender a mensagens de texto por meio de telefones celulares.

As principais formas de cyberbullying são o compartilhamento de conteúdo prejudicial contra a vontade da vítima e o envio de mensagens ofensivas ou fotos / vídeos não solicitados.

Essa forma online de bullying pode ser especialmente cruel e assustadora para a vítima, pois pode parecer impossível escapar dela. Diferentemente do bullying na escola, por exemplo, com o cyberbullying a vítima pode se sentir presa, já que provavelmente está sempre perto de alguma forma de tecnologia.

Para piorar as coisas, muito pode passar despercebido, já que muitas interações online ou por texto são privadas e anônimas. O anonimato é um elemento particularmente preocupante do cyberbullying, dando ao agressor licença livre para dizer o que quiser sem medo de repercussões.

Mas saiba que se você conhece alguém que está sofrendo bullying virtual, ainda há muitas coisas que você pode fazer para ajudar. Mesmo que você não tenha experimentado isso antes, é útil saber como agir no caso de ter que lidar com isso um dia.

Como identificar sinais de uma possível vítima?

Homem com a cabeça nas mãos.
Esteja atento às emoções negativas como um sinal de cyberbullying.

Um bom ponto de partida antes de tomar medidas drásticas é verificar se a pessoa com quem você está preocupado está sofrendo intimidação virtual.

Fique atento aos sinais abaixo. Você pode até ser capaz de detectar o cyberbullying antes que seja tarde demais.

Embora esses sinais não sejam definitivos, se você notar alguns deles em seu amigo ou ente querido, não descarte o cyberbullying.

Emoções negativas dominantes

Um dos primeiros sinais de que a pessoa pode estar enfrentando cyberbullying é que ela demonstra com regularidade uma série de emoções negativas.

Isso pode incluir: ansiedade, medo, estresse, constrangimento ou vergonha. Embora essas emoções sejam experimentadas pela maioria das pessoas em um momento ou outro, se elas reaparecem consistentemente, então algo pode estar acontecendo.

Um sinal revelador de cyberbullying é quando a pessoa em questão demonstra essas fortes emoções negativas sempre após usar a tecnologia. Nesse caso, você estaria certo em suspeitar que algo pode estar acontecendo.

Sintomas físicos

Junto com as emoções negativas mencionadas acima, você também pode observar sintomas físicos como náuseas ou dores de cabeça frequentes.

Eles também podem mostrar sinais de cansaço, o que pode ser resultado de uma preocupação excessiva com o cyberbullying.

Mudanças comportamentais

Em termos de comportamento, alguém que está sofrendo cyberbullying pode mencionar que quer fugir ou expressar grande desconforto todo dia.

Se a pessoa em questão for estudante de uma escola, o cyberbullying pode levá-la a expressar um forte desejo de ficar longe da escola.

Socialmente, a pessoa pode se isolar, rejeitando a oportunidade de conversar com outras pessoas ou sair com amigos. Eles também podem parar de fazer coisas que antes amavam, como seu hobby favorito.

Por último, pode alterar a atenção e concentração, deixando a pessoa inquieta na aula, possivelmente ruminando as trocas que teve recentemente online ou por meio de texto.

Mudança nos hábitos online

O último tipo de sinal é uma mudança nos hábitos online. A pessoa que suspeita de estar sofrendo bullying virtual pode parecer verificar seu telefone ou tablet a cada poucos segundos ou interromper todas as atividades com o dispositivo repentinamente.

Por isso a segurança do telefone é extremamente importante. Certifique-se de estar informado sobre os riscos e as coisas que você pode fazer.

A relutância em compartilhar sua atividade online ou a exclusão de um perfil de mídia social também podem ser sinais de que há algo que a pessoa não quer que saibam.

Como você pode ajudar? Dicas no curso de informática

Uma menina e sua mãe se abraçando
Informação, educação e suporte são importantes desde cedo na proteção contra a violência virtual.

Agora que fornecemos a você algumas ferramentas para ajudar a identificar se alguém está sofrendo bullying virtual, vamos dar uma olhada em algumas das opções disponíveis para ajudar a pessoa em questão.

Esteja presente

Tal como acontece com o bullying normal, o conforto e a sensação de segurança são essenciais para a vítima. Como tal, você deve fazer o seu melhor para criar um ambiente seguro para ela, no qual ela se sinta confortável ​​para se expressar e se abrir, se assim o desejar.

Por ser uma fonte de energia positiva, você pode ajudar a desviar o foco da negatividade que eles estão sofrendo como resultado do cyberbullying.

É improvável que você consiga convencê-los de que o bullying não importa ou é insignificante; então o melhor que você pode fazer é ser a luz em suas vidas e dar-lhes alguma esperança.

Outra coisa que você pode fazer se tiver certeza de que a pessoa está sofrendo bullying virtual é perguntar se ela precisa de ajuda para lidar com o problema. Ao oferecer seu apoio, ela se sentirá menos sozinha em sua luta e, às vezes, isso é o mais necessário.

Convide-a a alterar suas configurações de privacidade na Internet para proteger suas informações pessoais e, a seguir, sugira que ela bloqueie ou exclua o agressor. Se isso não funcionar e o bullying persistir, você deve tomar outras medidas.

Denuncie

Apesar de às vezes parecer que a Internet é um lugar sem governo, existem várias autoridades que podem ajudar a lidar com o cyberbullying.

Se você decidir que o melhor curso de ação é denunciar o agressor, então você vai precisar ajudar seu amigo para coletar evidências do assédio.

De mensagens de texto a fotos: tire printscreens das interações para que as autoridades tenham algo concreto para fazer.

Assim que tiver essa evidência, dependendo da plataforma, você poderá relatá-la à autoridade competente. Por exemplo, os fóruns têm administradores com o poder de remover usuários; as plataformas de mídia social têm recursos de "denúncia" e, se for grave o suficiente (ameaças físicas, por exemplo), você também tem a opção de denunciar para a polícia.

Se o cyberbullying envolver outro aluno da escola da vítima, a opção adequada seria conversar com o diretor.

Obtenha mais informações sobre segurança no telefone.

Use recursos online

Existem alguns sites que ajudam a lidar com o cyberbullying e alguns até oferecem uma linha de apoio para a qual a pessoa que está sofrendo bullying pode ligar sempre que precisar.

Um desses sites é o escolasembullying.com.br, desenvolvido pela Abrace – Programas Preventivos® para auxiliar escolas e redes de ensino de todo o Brasil no combate e prevenção ao bullying escolar. Trata-se de um programa de ação interdisciplinar que prepara escolas e instituições por meio da disponibilização de recursos teórico-metodológicos para combater e prevenir o bullying escolar.

Você deve tentar consultar esses sites antes de agir, pois eles podem fornecer conselhos realmente úteis sobre como proceder, dependendo do problema específico.

O que não fazer: aprenda sobre violência virtual

Agora que cobrimos as principais coisas que você pode fazer para ajudar seu amigo que está sofrendo cyberbullying, vamos dar uma olhada rápida em algumas das coisas que você não deve fazer.

Ficar quieto

Embora às vezes seja desconfortável se envolver e muitos de nós paralisamos e soframos em situações como o bullying, ficar quieto é uma das piores coisas que você pode fazer.

Se você não falar contra o bullying, ou disser algo para apoiar seu amigo, seu silêncio pode ser interpretado como aprovação à violência, o que os fará se sentir pior.

Dizer que o que aconteceu não foi nada legal já pode fazer uma grande diferença.

Esperar

Quanto mais você esperar para resolver um caso de cyberbullying, é mais provável que piore para a pessoa que está sofrendo, e a última coisa que você deseja é que ela sofra algum dano.

Tome uma posição ativa e defenda seu amigo, mesmo que pareça que não é seu lugar. O bullying pode ter um efeito extremamente adverso em algumas pessoas, e pode persistir com eles por toda a vida ou levar a consequências terríveis.

Tornar a situação mais leve

Embora o humor possa definitivamente ajudar a aliviar a tensão às vezes, o bullying é um problema sério e deve ser tratado como tal.

Se você tentar amenizar o bullying para a pessoa que está sofrendo, ela pode não ver a boa intenção por trás disso e pode se sentir ainda mais ferida e vulnerável.

>

A plataforma que conecta profes particulares e alunos

1ª aula gratuita

Gostou desse artigo? Deixe uma nota!

5,00 (1 note(s))
Loading...

Fernanda

Socióloga e mestre em Letras Modernas pela Sorbonne. Entre França e Brasil, trabalho com jornalismo e projetos socioeducativos há 20 anos. Apaixonada por música, cinema e yoga. Acredito na cultura e na educação como pilares de transformação da sociedade.