A física é uma das matérias abordadas durante o ensino médio e nos vestibulares, inclusive no Enem. Por isso, ela exerce uma importância muito grande não apenas para aqueles que desejam ingressar em cursos relacionados a área mas também para os estudantes em geral.

Criamos esse post para te ajudar a entender mais sobre o assunto, a conhecer suas fórmulas e a saber como aprender física. Confira abaixo:

O que é física?

Antes de mais nada, é importante situar-se a respeito do seu significado e qual a importância da física para o universo. Então vamos lá:

Vindo do termo grego "Physiké", no qual o significado é "natureza", a física foi definida como o ramo da ciência em que se estuda a natureza.

Porém, com o passar do tempo e a necessidade de aprofundar os estudos, as ciências naturais ganharam outras duas aliadas: a Química e a Biologia, dando a Física uma maior liberdade e novos campos para pesquisa e estudo.

De uma forma geral, pode-se dizer que, o que a física estuda são os fenômenos e o que acontece com a matéria no espaço e no tempo,  buscando a justificativa através de leis.

A Física é dividida em ramos e cada um visa estudar um tema específico. Saiba quais são os ramos da física:

Física Mecânica

Uma coisa é certa: tudo está em constante movimento. Seja a terra, o sol, os automóveis, o sangue que circula em nossas veias... A Física Mecânica é o ramo que visa estudar esses movimentos e está dividida em 3 subcategorias. São elas:

  • Clássica: estuda os movimentos do cotidiano;
  • Relativista: estuda os corpos com velocidades próximas a velocidade da luz;
  • Quântica: estuda os movimentos que ocorrem dentro dos átomos.

Física Cinemática

Na Física Cinemática o foco do estudo também é o movimento. Contudo, neste caso, não são consideradas as massas dos corpos e nem as forças aplicadas sobre eles. As suas subdivisões são:

  • Cinemática escalar: estuda os movimentos que acontecem sem a necessidade de estimar a direção e o sentido;
  • Cinemática vetorial: estuda os movimentos considerando a direção e o sentido.

Física Termologia

Esse é o ramo da física que estuda os fenômenos relacionamos à temperatura e ao calor. As suas subdivisões são:

  • Calorimetria: estuda a transferência de calor entre sistemas;
  • Termodinâmica: estuda os fenômenos relacionados ao trabalho mecânico x calor.

Física Óptica

Óptica é o ramo da física que visa o estudo da luz, presente desde a antiguidade até os dias atuais. Ela é dividida em vários ramos, e as duas principais subdivisões são:

  • Óptica Geométrica: estuda como os raios percorrem trajetórias retilíneas;
  • Óptica Física: estuda o comportamento ondulatório, onde a luz é vista como onda.

Física Ondulatória

A Ondulatória estuda todos os fenômenos que estão relacionados às ondas e suas características, propriedades e comportamentos, que estão divididas em dois grupos. São eles:

  • Ondas Mecânicas: precisam de um meio material para propagação;
  • Ondas Eletromagnéticas: não necessitam de um meio material para propagação.
Tudo que eu preciso aprender em ciencias exatas
Conheça quais são os ramos da física e suas fórmulas

Física Elétrica e Magnética

Neste ramo da física, são estudados os fenômenos que possuem relação elétricas e magnéticas. Suas subdivisões são:

  • Eletrostática: estuda o comportamento das cargas elétricas em repouso;
  • Eletrodinâmica: estuda o comportamento das cargas elétricas em movimento;
  • Eletromagnetismo: estuda a relação entre os dois fenômenos (elétricos e magnéticos).

Física Moderna

Esse ramo foi desenvolvido no século XX afim de atualizar os estudos da física e incluir novos ramos de estudo:

  • Física Quântica: estuda fenômenos em escalas moleculares atômicas e nucleares;
  • Física Nuclear: estuda os fenômenos relativos aos núcleos atômicos.

Além dos ramos citados anteriormente, os conceitos da física também foram bastante úteis para a criação da físico-química, uma divisão da química que faz o estudo físico da espécie química. Ou seja, neste ramo, o "casamento" das duas ciências da natureza foi necessário para o fornecimento de resultados importantes.

Quais os experimentos da física no Ensino Médio?

Como foi citado anteriormente, a física não é importante apenas para os alunos que desejam ingressar em cursos relacionados, mas também para todos os estudantes, uma vez que física e vestibular andam lado a lado. Para atingir um bom resultado no vestibular, é necessário que você saiba como estudar física para se preparar para as questões de física no Enem e vestibulares no geral.

Outro benefício de se aprender a física no Ensino Médio é que, ao ter acesso ao conteúdo, você poderá compreender mais a fundo sobre a natureza e os fenômenos que ocorrem a nossa volta.

No Ensino Médio é muito comum que os aprendizados teóricos sejam aliados aos experimentos práticos para tornar a física interativa e garantir maior entendimento da disciplina. Abaixo vamos citar dois experimentos da física que são possíveis de serem feitos em sala de aula:

Dilatação

Para realizar essa experiência, será necessária 4 materiais simples: papel alumínio, toalha de papel final, pinça e vela. Com os materiais em mãos, pegue uma tira de papel alumínio com o auxílio da pinça e coloque-o sobre a vela acesa. Você vai observar que, embora o alumínio seja um metal que apresenta dilatação quando exposto ao sol, neste caso, não haverá nenhuma alteração.

Em um segundo momento, corte uma tira de papel e uma tira de alumínio, ambas do mesmo tamanho. Coloque uma sobre a outra e, novamente com o auxílio da pinça, pegue-as e leve-as ao fogo, posicionando a parte de metal para baixo. Neste momento você irá observar uma curvatura considerável da lâmina para cima. E a razão disso? Bom, isso acontece pois a dilatação do alumínio é superior a do papel, empurrando a tira para cima.

Pressão Atmosférica

Quer conhecer quais são os efeitos da pressão atmosférica? Esse é mais um experimento fácil para ser realizado. Você precisará apenas de um copo de vidro, um recipiente com água, uma vela e uma bexiga cheia.

O primeiro passo será esquentar o ar dentro do colo colocando-o com a boca virada para a vela. Feito isso, pegue a bexiga cheia e encoste-a na boca do copo e coloque o copo virado para cima dentro do recipiente com água. Aguarde um momento até que a água esfrie o ar dentro do copo. Após isso, tente puxar a bexiga para cima e veja que o copo estará "grudado" ao balão, sem conseguir que eles se separem.

exercicios de fisica para alunos do ensino medio
Os experimentos auxiliam no aprendizado e tornam a física interativa

Mas por quê isso acontece? Ao esfiar o ar de dentro do copo, a pressão interna diminui, fazendo com que a pressão atmosférica empurre a bexiga para dentro do corpo, prendendo-o ali. Ao realizar este experimento você poderá perceber que para conseguir "desgrudar" a bexiga vai precisar fazer certa pressão, ou seja, a pressão atmosférica é realmente grande.

Gostou dessas dicas e quer mais ideias de exercícios de física para ensino médio? Confira nesse link aqui.

Pra que serve a fórmula chamada de sorvete?

Quando se trata de fórmulas, a física possui uma grande variação e vamos confessar: é praticamente impossível saber todas de cabeça. Porém, é legal levar em consideração que há algumas que você precisa saber, tendo em vista que o que mais cai na prova de física no Enem são as temidas fórmulas.

Mas é possível deixar a física fácil, por incrível que pareça. Basta fazer associações. A fórmula sorvete é um excelente exemplo disso.

A importancia da fisica para seu bom desempenho no vestibular
Aprenda os macetes de como decorar as formulas de física enem

Mas afinal... Do que se trata?

A equação MRU (Movimento Retilíneo Uniforme) é conhecida como sorvete devido a sua junção, já que, ao vê-la, pode soar você dizendo "sovet". Veja abaixo:

  • S = So + V . t

Sendo: S = espaço final; So = espaço inicial; V = velocidade e t = tempo.

Essa equação tem como objetivo calcular o movimento realizado em uma trajetória retilínea constante, sem que seja necessária a ação de uma aceleração.

Outras dicas de memorização

Agora que você já aprendeu como memorizar a fórmula sorvete, que tal pensar em outras frases e palavras para associar outras fórmulas também? Assim, sempre que associar uma nova fórmula a algo que fica mais fácil de memorizar, os riscos de dar branco nas fórmulas física Enem são menores. Confira os exemplos abaixo:

  • P . V = n . R . t (fórmula para medir a pressão de gases e líquidos)

Macete: "P"or "V"ocê "N"unca "R"ezei "T"anto.

  • Q = ti (fórmula para calcular a intensidade de corrente elétrica)

Macete: "Q"uero "t"e "i"ludir

Quais são as fórmulas de física mais conhecidas?

No mundo da física existem muitas fórmulas que vão desde as mais básicas até as mais avançadas. Por isso você precisa ver qual é o seu grau de conhecimento para ir aprimorando com o tempo. Existe a física para iniciantes, onde todo o conceito básico será passado, até o conhecimento mais avançado, que são fórmulas de física Enem que você precisa treinar. Confira abaixo as 10 fórmulas mais conhecidas:

Velocidade Média

Essa é, sem dúvidas, uma das mais conhecidas e mais cobradas nas provas de vestibulares. A fórmula da velocidade média é:

  • Vm = s/t

Segunda lei de Newton

De acordo com essa lei, para que um objeto mude o estado de movimento só é necessário uma força resultante da massa e da aceleração. Veja como fica essa equação:

  • Fr = m . a

Calorimetria

A calorimetria é o ramo da física que estuda os fenômenos que transferem energia (calor). Veja qual é a fórmula que calcula a quantidade total de calor em um corpo:

  • Q = m . c . Δθ

Movimento Retilíneo Uniforme

Como citada anteriormente, a "sorvete" também está na lista das top 10 fórmulas mais conhecidas. Então... Só para relembrar:

  • S = So + V . t

Pressão

A fórmula a seguir é utilizada para o cálculo da pressão de líquidos e gases. Confira:

  • P . v = n . R . T
O que mais cai em fisica no enem
Saiba quais são as fórmulas de física mais conhecidas e se prepare para o vestibular

Eletricidade

Para o estudo da eletricidade, também há uma fórmula bastante famosa vista em provas como o Enem. Segue abaixo:

  • V = R . i

Empuxo

Empuxo quer dizer a força resultada através do fluido sobre um corpo. Para calcula-lo, utilize a seguinte fórmula:

  • E = d . V . g

Equação de Torricelli

Essa fórmula tem como objetivo localizar a velocidade de um móvel em MRU sem que o seu tempo seja revelado, da seguinte forma:

  • vf² = v0² + 2 . a . s

Distância

Outra fórmula bem tradicional e que todos estudantes devem saber é a seguinte:

  • d = v . t

Velocidade das Ondas

E, por último, para calcular a velocidade das ondas é necessário utilizar a seguinte fórmula:

  • V = x . f

Bom, esperamos que este post tenha colaborado nos seus estudos sobre os princípios da física e suas fórmulas. Caso você tenha ficado com dúvida, não deixe de comentar aqui para que possamos esclarecê-la. Aproveite para compartilhar com seus colegas e não deixe de ficar de olho em nosso blog para acompanhar nossas próximas publicações.

Nos vemos por aqui!

Precisando de um professor de Física ?

Você curtiu esse artigo?

5,00/5, 1 votes
Loading...

Malu

Publicitária de profissão e de coração, estudante de RH, mãe de pet, e, nas horas vagas, amante da arte, do esporte e da moda. Prazer, Malu. (: