Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Como atualizar a versão do PHP no WordPress?

De Marcia, publicado dia 05/06/2019 Blog > Artes e Lazer > Informática > Que versão PHP usar em seu site WordPress?

“Nós, aficionados por computador, preferimos gastar nosso tempo hackeando nossos computadores em vez de usá-los para fazer algo produtivo.”  Dave Barry

Com mais de 18 milhões de usuários em todo o mundo, o WordPress é o sistema de gerenciamento de conteúdo preferido (CMS) por aqueles que desejam criar um site sem qualquer aborrecimento. No entanto, alguns decidem se aventurar na programação da web para melhorar a funcionalidade da sua página.

Configurar um servidor web, hospedar um site showcase, escrever o script, instalar o plugin, escolher um nome de domínio… todas as etapas da criação do site podem ser feitas com bastante facilidade. Mas qual versão do PHP usar para ser compatível com o WordPress e desenvolver sua página sem erros?

Ferramentas da web A plataforma Word press é uma opção simples para quem deseja criar um site, sem entender de programação.

Se você também deseja criar um site mais elaborado, mas ainda tem essas dúvidas, aqui estão algumas respostas. Acompanhe.

Qual é a relação entre PHP e WordPress?

Antes de embarcar na criação de um site dinâmico, como a linguagem de programação PHP permite, é importante “começar pelo começo”: entender o que é PHP, como o WordPress é feito e qual é a relação entre os dois recursos.

O que é a linguagem PHP?

PHP é uma linguagem de computador inventada nos anos 90 que permite a criação de páginas web dinâmicas. Ao contrário das páginas da web estáticas, as páginas dinâmicas da web são aquelas cuja exibição pode variar dependendo da pessoa que visualiza a página em questão ou a hora do dia (ou qualquer outra variável).

A linguagem PHP é usada por muitas empresas e também pessoas físicas. De fato, o código PHP é mais ou menos simples de usar e acessível a pessoas comuns. Não é necessário ter uma formação em engenharia ou ser um desenvolvedor web para codificar com sucesso uma página em PHP.

Além disso, a linguagem PHP permite gerenciar um banco de dados grande e acomodar muitos visitantes ao mesmo tempo em uma única página. Uma de suas maiores vantagens é que ela é OpenSource. Isso significa que todos, sem exceção, podem usar essa linguagem de programação da web gratuitamente.

Como o WordPress é feito?

O WordPress também está disponível no modo Open Source. Quanto ao PHP, muitos cientistas da computação se apropriam do CMS, o utilizam e o transformam para evoluir de ano para ano.

Um CMS é um sistema de gerenciamento de conteúdo que permite criar sites sem aprender programação. Portanto, é possível criar um site mesmo sem saber como codificar em PHP ou outro (Java, HTML, etc.).

Estamos falando de um sistema que oferece muitas oportunidades e abriu o campo de possibilidades para o desenvolvimento web do consumidor. Assim, é possível criar um site, um blog, um portfólio, etc., com muita facilidade.

O CMS WordPress é feito a partir da linguagem PHP relacionada a um banco de dados MySQL. Pode ser usado diretamente online ou baixando o software em um computador.

Embora muitos sites ainda não sejam criados a partir do CMS, os sites do WordPress representam aproximadamente um terço de todos os sites on-line existentes.

Como eles trabalham juntos?

Como explicado anteriormente, você não precisa conhecer o PHP para criar um site na plataforma WordPress. No entanto, é essencial conhecer essa linguagem se você quiser desenvolver ou modificar determinados recursos que já vêm configurados previamente.

Graças ao PHP, é possível modificar diretamente o site ou usar um plugin (vários plugins funcionam bem, dentre os quais “Insert PHP” ou “Allow PHP in Posts and Pages”). Nesse caso, depois de instalar o plug-in apropriado, tudo o que resta é integrar as linhas de código que você deseja no código-fonte do site. Devemos então adicionar cabeçalhos ou outros recursos para que eles se encaixem bem entre os demais. Não se esqueça de alterar também o design (fonte, cor, etc.) para não ter problemas de consistência.

Criando pela web Todos os elementos do site são definidos na programação.

O melhor é escrever suas linhas de código em um software de anotações e depois inserí-las para que você não se perca pelo caminho no meio da escrita.

Qual versão do WordPress é melhor usar?

A plataforma WordPress foi criada no início dos anos 2000. Em outras palavras, àquela época, a linguagem PHP ainda estava em sua infância. Os primeiros usuários do sistema começaram sua aventura no PHP versão 4. Hoje, o código PHP está em sua sétima versão.

Desde o final de 2016, a versão 7 do PHP chegou. Entretanto, ela continua a sofrer mudanças de ano para ano. Assim, as novas versões são chamadas de 7.2, 7.3, etc. O CMS WordPress está, portanto, ligado a cada nova versão do PHP para melhorar seus recursos. Atualmente, o WordPress também está na versão 7.

Mas podemos usar outras versões?

O site WordPress tem o cuidado de indicar esta nota em seu ambiente:

“Para executar o WordPress, seu host deve suportar:

PHP versão 7.3 ou superior.
MySQL versão 5.6 ou superior OU MariaDB versão 10.0 ou superior.
Suporte HTTPS »

Outras versões do PHP podem ser usadas, como o PHP 5.2.4+. Porém, essas versões anteriores normalmente vem acompanhadas do seguinte aviso:

“Essas versões estão no final da vida útil e podem expor seu site a violações de segurança. ”

Programando na forma correta A linguagem da programação engloba vários elementos que trabalham juntos.

O WordPress também aconselha seus usuários sobre o tipo de rede necessário para o bom funcionamento do CMS:

“Recomendamos o Apache ou o Nginx como os servidores mais robustos e funcionais para executar o WordPress, mas qualquer servidor que suporte PHP e MySQL funcionará. Dito isto, não podemos testar todos os ambientes possíveis e cada um dos hosts listados em nossa página dedicada suporta a configuração acima e muito mais, sem quaisquer problemas. ”

Como modificar sua versão para o seu site WordPress?

Para você, que deseja criar o seu site, o ideal é trabalhar na versão 7 do PHP. A versão mais recente é a 7.3.0. Usar esta versão mais recente garante que as opções do site funcionem, mas também aumenta a segurança da sua página.

A versão 7 do PHP é superiormente bem-sucedida em relação á versão 5, versão 6, ou outras, tendo sido deliberadamente considerada no processo pelos desenvolvedores.

Embora seja possível usar algumas versões anteriores para criar ou modificar um site do WordPress, você pode perder muitos recursos novos que melhoram muito a experiência de desenvolvimento da web.

Então, como faço para trocar minha versão antiga por uma mais nova?

Apenas para integrar o novo código PHP em seu programa, a mudança de versão requer a instalação de um plugin. Este é chamado “SG Optimazer”. Em seguida, ele permite mover para a versão mais recente do PHP e, assim, melhorar a criação no WordPress.

Você já pode ter baixado o plugin SG Optimizer. Se este for o caso, basta atualizá-lo antes de começar a usar. Se você ainda não o fez, ele é instalado rapidamente a partir do WordPress.

Você deve então verificar se o tema do seu site, bem como os plugins diferentes que você costuma utilizar nele, são compatíveis com a nova versão do PHP. Esta etapa é feita executando uma varredura através do SG Optimizer. Tal verificação poderá dizer se o seu site pode ou não atualizar para a próxima versão. Se este for o caso, o processo não é mais complicado do que clicar em um botão para iniciar a atualização.

Caso contrário, todos os plugins incompatíveis serão exibidos. Então, é necessário atualizá-los, um por um, depois reiniciar a operação de varredura e, finalmente, atualizar a versão do PHP.

O plugin SG Optimizer também permite reverter para versões anteriores, se necessário. Esse pode ser o caso se problemas de plug-in ocorrerem, por exemplo. Você pode então escolher a versão que mais lhe convier.

Deve-se ter em mente que a última versão é muito mais segura, mas também muito mais rápida que as versões anteriores.

Quer aprender outras ferramentas também? Que tal um curso excel avançado?

Com que frequência as atualizações são feitas?

A linguagem PHP está em constante evolução. Desde a década de 90, muitas pessoas, apaixonadas por programação, estão trabalhando para mudar esse código e assim obter sempre o melhor. Mas é preciso entender que é porque a linguagem é Open Source que tudo isso se torna possível.

Uma programação atualizada Desenvolvedores da web estão sempre atualizando as versões disponíveis das ferramentas.

Os desenvolvedores da web estão sempre trabalhando nesse sentido. Não é porque você acabou de mudar a sua página para a última versão que você ficará ali, estagnado para sempre. Correções de bugs e melhorias ainda vão ocorrer ao longo dos anos, até o surgimento de uma nova versão. Pode ser que as modificações sejam ainda mais frequentes, mensais, por exemplo.

Portanto, é possível atualizar através do plugin SG Optimizer todo mês, e assim se cria uma espécie de ritual. Mas tal medida não é necessária, no entanto.

Isso pode ser útil se você identificar alguns erros e bugs no seu site. Nesse caso, a atualização pode eventualmente corrigí-los se a equipe de desenvolvedores tiver resolvido o problema. Caso contrário, uma atualização a cada ano pode ser uma boa média para evitar ficar louco com todas as mudanças que ocorrem o tempo todo.

O importante é estar sempre atento às novidades que vão surgindo. Dessa forma, você garante as melhores ferramentas para criação do seu site e proporciona a melhor experiência aos usuários. Bora começar a buscar essas ferramentas? Mãos à obra e boa sorte na sua programação!

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...
avatar