Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Atestações de fluência no idioma da Alemanha

De Camila, publicado dia 30/10/2017 Blog > Idiomas > Alemão > Certificados do Goethe-Institut após aprender alemão

Nos mundos profissional e acadêmico, um diploma a mais pode fazer toda a diferença. Ele pode ser o diferencial que levará o candidato a conseguir uma promoção, uma vaga de emprego ou a entrada em uma tão sonhada universidade.

Em se tratando da língua alemã, certificados para comprovar o nível do idioma é o que não falta. O Goethe-Institut, organismo mundialmente reconhecido pelo trabalho de difusão da língua e cultura da Alemanha, oferece várias provas destinadas à avaliação do domínio do idioma.

Seja para dar aulas particulares, ingressar em uma instituição de ensino germanófona ou comprovar suas capacidades face a uma empresa, os diplomas oferecidos pelo instituto alemão são os mais fiáveis e reputados.

A classificação dos níveis vão de A1 (iniciantes) a C2 (bilíngue de alto nível), de acordo com os parâmetros europeus comuns de referência linguística.

Outra vantagem dos diplomas do Goethe-Institut é que eles são igualmente reconhecidos pelo governo alemão, caso seus portadores precisem passar por processos de pedido de visto, naturalização, etc.

Seu objetivo é fazer um dos testes oferecidos por esta grande instituição germanófona? Então confira algumas dicas que contribuirão para sua preparação rumo ao sucesso.

A1 – Alemão para iniciantes

“Ninguém nasce pronto, é preciso esforço e determinação.” – Autor desconhecido

Os nativos germanófonos não nascem sabendo falar alemão; eles aprendem ao longo de vários anos, ao mesmo tempo em que se desenvolvem como criança.

O aluno iniciante que acaba de começar a ter aulas de alemão precisa de muita paciência, pois o caminho é longo, já que o idioma da Alemanha é muito diferente do nosso bom e velho português.

Não existe nenhum gênio que não tenha, um dia, sido iniciante no assunto em que domina. Que o digam Albert Einstein e Wolfgang Goethe. Afinal de contas, antes de dominarem a física e as letras, eles precisaram aprender primeiro a falar, ler e escrever.

É preciso ter paciência e ser motivado para aprender a língua da Alemanha. É preciso esforço e dedicação para dominar o alemão.

Sendo assim, se você acaba de ingressar no mundo germanófano, respire fundo e não desanime diante da primeira dificuldade, seja ela com a pronúncia, o vocabulário, os verbos irregulares ou as declinações.

Um bom método para incentivar os estudos e avaliar o progresso no aprendizado é fazendo as provas do grupo “Goethe-Zertifikat A1“, disponibilizadas pelo Goethe-Institut.

A primeira delas que pode ser feita é a “Start Deutsch 1“. Como o próprio nome indica, esta é a primeira de todas as avaliações para quem acabou de começar a fazer aulas e ainda está “engatinhando”. No entanto, é preciso ter idade mínima de 16 anos para ser considerado apto à inscrição.

O “Start Deutsch 1” testa os conhecimentos linguísticos elementares do aluno, como a compreensão de perguntas e de indicações, ou ainda pequenos diálogos que turistas poderiam colocar em prática ao visitar um país de língua alemã.

Uma parte da prova é dedicada à capacidade de entender sinalizações de trânsito, números, unidades de medidas e pequenos textos.

As avaliações são feitas em grupo e dividas da seguinte maneira:

  • Prova oral – 15 minutos
  • Prova escrita – 65 minutos

Outra prova para os iniciantes é a “Fit in Deutsch 1“. Voltada para o público jovem, ela valoriza as habilidades a uma comunicação simples. A “Fit in Deutsch 1” é divida em:

  • Prova escrita – 60 minutos
  • Prova oral – 15 minutos

A avaliação oral pode ser feita em grupo ou dupla.

A2 – Rumo ao melhor conhecimento da língua

A segunda etapa a ser alcançada no mundo das avaliações de proficiência da língua alemã é a “Goethe-Zertifikat A2“.

O certificado “Start Deutsch 2“, assim como seu predecessor, demanda idade mínima de 16 anos para a inscrição. As habilidades linguísticas avaliadas também são basicamente as mesmas, porém, com um enfoque mais aprofundado, já que os alunos aqui estão mais capacitados.

Um estudante do nível A2 já deve conseguir desenvolver os seguintes pontos em alemão:

  • Negociar e chegar a acordos sobre determinadas questões durante, por exemplo, um debate;
  • Redigir textos mais longos;
  • Compreender matérias de jornais e revistas;
  • Etc.

A duração da prova escrita é de 70 minutos e compreende a avaliação das seguintes habilidades:

  • Compreensão oral;
  • Compreensão escrita;
  • Expressão escrita aplicada (responder a um e-mail ou preencher um formulário, por exemplo).

É preciso fazer prova de uma boa escrita para o nível em que se é testado. A avaliação das habilidades de escrita é obrigatória para se conseguir um certificado de alemão.

A avaliação oral é mais específica neste nível de domínio do idioma. Ela tem duração de 15 minutos e pode ser feita em dupla ou individualmente.

Os estudante menores de 16 anos que possuem conhecimentos A2 da língua e querem obter um certificado oficial podem fazer o “Fit in Deutsch 2“. Jovens alunos a partir de 10 anos de idade podem se inscrever. Eles têm 1 hora e 30 minutos de prova e podem fazer a avaliação oral em dupla ou grupo.

B1 – Idioma assimilado com mais facilidade

Passar do nível A para o nível B é um grande avanço na vida do estudante de alemão. Ao mudar de letra, o aluno atinge um novo patamar no quesito “domínio do idioma”.

A partir de agora, o aprendiz da língua de Goethe já é considerado intermediário no que diz respeito a suas habilidades linguísticas germanófonas.

Podemos dizer que falta pouco para ele ser considerado um verdadeiro bilíngue!

Para aqueles desejosos em obter um certificado que comprove o nível intermediário, o “Goethe-Zertifikat B1” é a boa escolha.

Antes de 2013, existiam 2 provas que podiam ser feitas: ZD e ZDj. Hoje, o Goethe-Institut oferece apenas o “Goethe-Zertifikat B1” e ele pode ser feito por alunos a partir de 12 anos.

O sucesso nesta avaliação depende da desenvoltura do candidato na hora de se comunicar em todos os tipos de situações do dia a dia. Ele também precisa ser apto a dialogar com um – ou vários – interlocutores, fazendo uso de um discurso coerente e gramaticalmente correto.

Como já era de se esperar, os testes se tornam mais complexos nesta fase. Eles são, agora, divididos em módulos:

  • Prova escrita (165 minutos):
    1) Módulo “Ler” – compreensão escrita de matérias de jornais e revistas;
    2) Módulo “Escutar” – compreensão oral de emissões de rádio e diálogos;
    3) Módulo “Escrever” – redação de e-mails e textos expondo pontos-de-vista sobre assuntos específicos;
  • Prova Oral (15 minutos): feita em dupla, o candidato precisa discursar sobre temas da vida quotidiana.

De acordo com os pontos obtidos, o candidato recebe as qualificações:

  • Muito Bom – entre 90 e 100 pontos
  • Bom – entre 80 e 89 pontos
  • Satisfatório – entre 70 e 79 pontos
  • Adequado – entre 60 e 69 pontos

Quanto mais pontos, maior o conceito do aluno. A pontuação determina o conceito que o diploma do aluno carregará.

Você já pensou em fazer um curso de Letras com especialização em alemão?

B2 – O domíno do alemão é real

Os alunos que atingem o nível B2 já conseguem se comunicar com fluência com um nativo da Alemanha.

O Goethe-Institut disponibiliza o diploma “Goethe-Zertifikat B2” para os maiores de 16 anos que desejam uma comprovação do nível intermediário-avançado no idioma.

A principal diferença entre esta prova e as precedentes é a ausência de módulos. A avaliação é composta por um grande teste com duração de 190 minutos que compreende provas orais e escritas tanto de expressão quanto de compreensão da língua.

Na prova escrita, o candidato precisa corrigir um texto em formato de artigo ou nota.

A avaliação oral pode ser feita a dois ou individualmente e dura entre 10 e 15 minutos. O aluno precisa conseguir se comunicar sem gaguejar e possuir uma pronúncia impecável ao debater sobre um tema atual apresentado pelos examinadores.

Para os menores de 16 anos que desejam uma comprovação do nível B2 ou C1, o “TestDaF” (Test Deutsch als Fremdsprache) é o recomendado. Tal atestação também dá acesso a todas as instituições de Ensino Superior na Alemanha.

C1 – Aperfeiçoamento do aluno bilíngue

O nível C1 conta com alunos bilíngues que dominam a língua quase como um nativo.

Os menores de 16 anos têm a opção de fazer o “TestDaF estudiantin“. A partir desta idade, os níveis C1 que desejam um certificado podem tentar o “Goethe-Zertifikat C1“.

Para conseguir o diploma, o candidato precisa precisa falar e entender perfeitamente o idioma alemão, sem maiores dificuldades. Ele precisa ser capaz de compreender longas emissões de rádio e televisão, assim como textos sobre assuntos complexos. A comunicação oral precisa ser espontânea e sem “tropeços”.

A prova escrita dura 190 minutos e é desenvolvida a partir de textos densos e complicados, tanto escritos quanto falados. A partir da compreensão oral e escrita, o candidato deve ser capaz de fazer uma redação sobre um tema extremamente específico.

Assim como o teste oral B1, o C1 também pode ser feito em dupla ou individualmente. O tempo é igualmente o mesmo: entre 10 e 15 minutos. A temática a ser apresentada aqui também é de alta complexidade.

Caso o objetivo do aluno seja o de estudar a longo prazo em alguma universidade alemã, então este é o nível que precisa ser comprovado, pois ele é demandado pelas instituições de ensino.

C2 – Um verdadeiro especialista da língua

Para aqueles capazes de fazer o “Goethe-Zertifikat C2 Großes Deutsches Sprachdiplom“, o céu é o limite!

Criado em 2012, ele substituiu três outros diplomas até então oferecidos igualmente pelo Goethe-Institut: ZOP, KDS et GDS.

É preciso compreender bem o alemão falado para conseguir passar nos testes Todos os certificados exigem a avaliação da compreensão oral.

Neste nível, o candidato germanófano é capaz de utilizar a língua alemã em diversos meios, inclusive no profissional.

A estrutura de módulos para a organização das provas e as qualificações de acordo com a pontuação voltam a ser aplicadas neste nível avançado.

  • Prova escrita (195 minutos):
    – Leitura de textos sobre diferentes assuntos;
    – Escuta de apresentações orais com diversos tipos de sotaque e velocidade na fala;
    – Escrita de textos de várias páginas sobre pontos de vista literários com uma linguagem formal e bem redigida.
  • Prova oral (15 minutos): desta vez, só pode ser feita individualmente. O candidato precisa fazer uma apresentação sobre um determinado tema, comprovando seu alto nível de vocabulário e fluência no idioma.

Encontre um bom curso de alemão online no Superprof!

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...

Deixe um comentário

avatar