Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Começar a ensinar alemão de maneira individualizada

De Camila, publicado dia 28/12/2017 Blog > Idiomas > Alemão > Como dar aulas particulares do idioma falado na Alemanha

Ser professor é um privilégio, pois ele não apenas educa, mas dá as mãos e guia seus alunos rumo aos seus sonhos.

Você é apaixonado pelo idioma de Goethe, o domina bem e possui essa vontade incontrolável de passar seus conhecimentos adiante?

Além de amar ensinar, você ainda ama averiguar e acompanhar o desenvolvimento – tanto da fala quanto da escrita – dos seus pupilos? Então ser professor é a escolha certa!

Centenas de milhões de pessoas falam alemão ao redor do mundo. Somente na Europa, 100 milhões!

Quando nos lançamos em uma nova aventura como a de começar a dar aulas particulares de alemão, podemos, já de cara, encontrar desafios a serem vencidos.

Superprof, como sempre, te mostra algumas dicas para tornar esta jornada mais leve e proveitosa!

Como estabelecer o preço de um curso?

Muitos professores ficam na dúvida de quais critérios levar em consideração na hora de determinar o valor da hora da aula particular de alemão oferecida. Para os “marinheiros de primeira viagem”, esta tarefa pode parecer complicada, o que é inteiramente normal.

Fazer uma pesquisa de mercado

Com esta informação em mãos, chegou a hora de dar uma “espiada” no mercado de tutorias individualizadas e ficar por dentro do valor cobrado por outros professores de alemão na sua região.

Comece procurando na internet. Existem fóruns dedicados ao assunto, assim como sites que divulgam o trabalho de profissionais do ensino do alemão.

Faça igualmente uma pesquisa de preço nas escolas de idiomas para saber quanto elas cobram pelas aulas em grupo e pelos cursos particulares oferecidos.

As tarifas do curso são calculadas por hora e levam vários fatores em conta. O preço da hora de aula de alemão precisa ser justo tanto para o aluno quanto para o professor.

Ter consciência do seu nível de domínio do idioma

Um dos fatores que influenciam na hora da estipulação da tarifa de aula é o nível de competência dos educadores.

Você é estudante universitário, tem um excelente domínio da língua alemã e pretende dar aulas para conseguir uma renda extra no final do mês? Ótimo, mas você deve ficar atento, pois o preço da sua hora de tutoria não pode ser o mesmo – e nem superior, obviamente – do que o de um professor nativo diplomado no ensino da língua alemã para estrangeiros.

Outro ponto importante a ser considerado é a experiência na área de ensino: um professor com muitos anos de experiência poderá cobrar mais caro do que outro com várias especializações, mas em início de carreira.

Estabelecer o nível a ser ensinado para os alunos

Como citado acima, além do professor precisar identificar qual seu nível de conhecimento na hora de estipular suas tarifas de aula, ele também precisa determinar qual será o seu público alvo.

Quanto mais elevado o nível do aluno, mais elevada será a tarifa, já que as competências e a preparação dos professores também devem ser cada vez mais completas.

Determinar os custos de funcionamento

Você pretende dar aulas na casa dos alunos? Caso esse seja seu plano de atuação, então você deve incluir o preço do deslocamento na sua tarifa.

Caso você pretenda receber os pupilos em sua casa ou escritório, então é preciso prever os gastos com água, luz, telefone, internet e aluguel.

Sem falar nos materiais que você colocará à disposição dos aprendizes na hora das aulas.

Qual a formação necessária para dar aulas?

Antes de encarar o desafio de ensinar o idioma da Alemanha como língua estrangeira para brasileiros é preciso estar bem informado sobre as qualificações e diplomas necessários para exercer esta profissão.

Quesitos necessários para se tornar professor

Idade

Para trabalhar como autônomo do Brasil, é preciso ter, no mínimo, 18 anos. Sendo assim, para dar aulas de alemão por conta própria, enquanto professor particular, é preciso ser legalmente maior de idade.

A idade é apenas um dos fatores que influenciam o valor das aulas. É preciso ser maior de idade para se dar aulas de alemão profissionalmente.

Formação

No Brasil, para atuar como professor particular ou em escolas de idiomas, não é preciso, por lei, nenhum tipo de diploma especial.

Como em todos os tipos de ocupações, quanto melhor as qualificações do profissional, melhores são as chances dele ser bem sucedido em sua carreira.

Nível da língua

É essencial saber em qual nível de domínio linguístico você se encontra, pois você irá atrás do seu público alvo a partir do quanto consegue ensinar.

Ensinar em escolas de idiomas

O tipo de atuação mais comum para professores de idiomas que procuram um emprego um pouco mais estável é seguir carreira em escolas de línguas.

Nada impede os amantes e desejosos em ensinar alemão de se lançarem na aventura do professorado particular, mas conseguir uma boa e numerosa clientela exige tempo.

Exame de proficiência

Sim, é verdade que as empresas especializadas no ensino de línguas estrangeiras preferem contratar professores bilíngues e, de preferência, portadores de algum tipo de certificado de proficiência.

TestDaf

Para tal missão, o TestDaf é o exame mais completo para a obtenção do certificado de alemão com o objetivo de ensino da língua.

Goethe-Zertifikat

Diferentemente do TestDafapenas a parte de compreensão oral é levada em conta nesta avaliação. A semelhança é que ele também avalia os germanófonos até o nível C2 e agrupa três diplomas em um.

Dar aulas para profissionais

Seu objetivo não é dar aulas de alemão de maneira geral em escolas de idiomas, mas sim para profissionais à procura de uma formação específica ligada à língua?

Para ser capaz de orientar alunos com este perfil, você precisa ser igualmente um professor qualificado, pois algumas peculiaridades do alemão só são conhecidas quando atuamos na área em questão.

É por isso que existem certificados de proficiência focados em determinadas áreas do conhecimento e eles são uma excelente opção de diploma para os professores que anseiam explorar este perfil de alunos. São eles:

  • Widaf;
  • ZBD;
  • PWD;
  • GDS.

Como atrair alunos?

Seja você jovem, mais velho, com muita ou pouca experiência na área, é preciso divulgar seu trabalho para se tornar conhecido e, consequentemente, chamar a atenção daqueles que procuram pelo serviço que você oferece: cursos particulares de alemão.

Preparamos algumas dicas que poderão te dar uma luz na hora de buscar por pupilos.

Atrair alunos pode se tornar uma tarefa mais fácil. É preciso um certo esforço no início da carreira de professor particular de alemão para formar uma boa clientela.

Encontrar alunos através da internet

Existem várias maneiras de divulgar seu trabalho de aulas particulares de alemão no mundo online, então, por que não conhecê-los e utilizá-los em prol do seu novo negócio educacional?!

Organismos especializados em aulas particulares

Para se tornar conhecido no mundo digital enquanto professor particular, uma das alternativas é se dirigir a organismos especializados em divulgações de aulas desta natureza.

você pode se inscrever nessas plataformas e se beneficiar de várias vantagens oferecidas por eles.

Presença dentro e fora da internet

Se você ainda fica um pouco “cabreiro” com a internet, então dê uma pesquisada, pois alguns desses organismos também possuem um local físico no qual você pode se dirigir para fazer sua inscrição.

“Pure players”

Pure players” é o nome dado aos serviços do gênero disponibilizados apenas na internet. Isso significa que todo o trabalho de inscrição, divulgação e busca só pode ser feito através do endereço “www”.

Sites de pequenos anúncios em geral

Na hora de divulgar suas aulas particulares, alguns professores recorrem a sites de pequenos anúncios.

O que antes era publicado em uma seção exclusiva dos jornais impressos, hoje funciona através da internet.

Redes sociais

Se você deseja utilizar tal recurso, é bom ter em mente que os jovens serão a gama de público mais atingida pelas suas publicações. Sendo assim, vale a pena investir na criação de postagens sobre a descoberta da língua e da cultura germânica de maneira curiosa e divertida.

Criar um site próprio

Ter o seu próprio endereço de “www…..com.br” pode ser um grande suporte na hora de tentar angariar novos interessados em aulas particulares de alemão.

Ficar conhecido em locais de difusão da língua e cultura germânica

Se você já está “coberto” por todas as alternativas online de difusão do seu trabalho e, mesmo assim, quer angariar mais alunos, então por que não se dirigir a instituições alemãs presentes na sua cidades?

Veja como divulgar sua aula ou seu curso de alemao online no Superprof!

Goethe Institut

Procure participar da programação oferecida pelo instituto, pois esta é uma excelente oportunidade de conhecer novos alunos em potencial.

Centros culturais e de estudo do alemão

O trabalho deles é parecido ou complementar àquele desenvolvido pelo Goethe Institut.

Vale a pena fazer uma pesquisa para se informar sobre a existência de algum deles próximo à região onde você mora e dá – ou pretende dar – aulas.

Como preparar uma boa aula particular?

Você decidiu se tornar professor particular. A determinação está presente, mas ainda é preciso entender como montar e estruturar as aulas de alemão, pois esta é sua primeira viagem em terras educativas.

  • Como organizar seus cursos?
  • Como aprender e adotar uma boa pedagogia?
  • Como guiar o aluno para que ele progrida de maneira eficaz?

Uma boa aula de alemão é preparada com antecedência. O professor particular de alemão precisa chegar preparado às aulas.

Essas e várias outras indagações devem rondar sua mente neste momento. Ainda mais porque cada professor possui uma maneira própria de ensinar. Lhe resta, então, achar a sua.

Listar os objetivos globais de cada aluno

Enquanto professor particular, é seu trabalho detectar e compreender o “funcionamento” de cada aluno, pois isso te guiará na hora de preparar as aulas individualizadas.

Algumas perguntas básicas podem ser feitas para te ajudar a detectar todos esses pontos:

  • Por que este aluno quer fazer aulas particulares de alemão?
  • O objetivo das aulas é a obtenção de um diploma de proficiência? Qual deles? Para qual nível? Com qual finalidade?
  • O aluno começou a fazer aulas particulares para melhorar a pronúncia?
  • As aulas particulares foram escolhidas por causa de uma necessidade específica de aprendizado? Qual?
  • O aluno possui dificuldades para assimilar novos conteúdos? Quais?

Preparar cada curso por inteiro

O improviso e a espontaneidade podem ser boas características das aulas individuais e personalizadas, mas elas precisam de um mínimo de planejamento, pois, afinal de contas, o tutor em alemão é um profissional do ensino.

Estabelecendo o desenvolvimento da aula

Determine, antes de cada sessão de ensino, um cronograma a seguir:

  • Quais pontos serão trabalhados com o aluno naquela aula?
  • Quais regras gramaticais ele precisa e está pronto para aprender?
  • Quais exercícios serão dados?
  • Qual vocabulário será trabalhado?
  • Qual dever de casa será entregue?

Dica para ganhar tempo

Se você possui vários alunos com níveis de aprendizado próximos, então você pode utilizar as mesmas fichas de revisão para eles.

Explicar o desenvolvimento das aulas para os alunos

A tarefa é mais simples que isso: antes do início de cada aula, faça uma pequena lista apontando em tópicos os assuntos que serão tratados.

participação do aluno durante as aulas e seu envolvimento durante o planejamento das futuras lições são pontos super importantes para que seu aprendizado seja eficiente e otimizado.

Incentivar o pupilo a ir cada vez mais longe

Como em todo aprendizado de língua estrangeira, quanto mais prática e contato com o idioma, mais rápida e eficaz é a assimilação do conteúdo.

O famoso “dever de casa”

Além de permitir ao aluno avançar por conta própria, tais atividades possibilitam tanto ao pupilo quanto ao tutor identificarem quais pontos dos assuntos tratados não foram bem assimilados.

Imersão na cultura alemã em pleno Brasil

Aprender alemão no Brasil pode não ser tão fácil quanto em um país germanófono.

Com o intuito de proporcionar aos alunos um maior contato com o mundo germânico, pesquise a presença de eventos ligados à cultura alemã na sua cidade e convide seus pupilos a comparecer a eles.

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...
avatar