Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Saiba a opinião de um educador da língua portuguesa

De Carolina, publicado dia 28/07/2017 Blog > Apoio Escolar > Português > O que um professor de português acha das aulas da matéria?

Sim, as aulas começaram! Enquanto vocês estavam se bronzeando e aproveitando as últimas baladas do verão, eu escrevia este post…

Por que fazer aulas particulares de português?

Os jovens estão procurando cada vez mais um professor particular para ajudá-los nas matérias em que têm dificuldades. Ou se não, eles querem se aprofundar para fazer uma prova específica de vestibular de português, Enem, recuperação, provas finais… Os desafios dos estudantes são muitos: memorizar, entender uma matéria difícil, progredir em aulas de português quando se é disléxico, ser mais atento, organizado Algumas vezes, porque não sabem fazer seu trabalho de estudante!

Como podemos ser professores de português em domicílio? O tempo do preceptor voltou?

Há evidências sobre isso…

A gente faz aulas particulares de português para revisar bases, preencher lacunas, melhorar seus resultados escolares, conseguir passar em uma prova, evitar uma bomba…

Ensine a receita de bolo para o sucesso na língua portuguesa Para quem ama compartilhar seus conhecimentos, a escola é a sua segunda casa

Quatro ou seis horas semanais com seu professor não são o suficiente?

Remediar as carências do ensino tradicional coletivo com o acompanhamento personalizado

Não é novidade para ninguém que a saúde da educação no Brasil anda mal…

Claro que isso está vinculado as péssimas condições sociais que sempre existiram no país. Começando pela desigualdade social, uma das piores no mundo.

Onde miséria vive com ostentação, há crianças em escolas particulares de alto nível e outras em escolas com mais de 40 alunos sem material didático adequado. Esse exemplo caricatural não é nada perto da triste realidade.

De acordo com uma pesquisa feita pelo Instituto Paulo Montenegro (IPM) e a ONG Ação Educativa em 2016, somente 8% da população brasileira sabe ler, escrever (bem o português) e interpretar vários tipos de textos como e-mails, artigos, publicidades, notas, mensagens, etc…

Se você está entre esses 8%, pode se sentir um privilegiado. Mas a situação não é nada boa e não vai melhorar se não houver medidas radicais e de longo prazo para melhorar esse quadro.

Além disso, é verdade que cada pessoa aprende de um jeito. Alguns estudantes precisam que o professor anote tudo no quadro porque eles entendem mais com gráficos, esquemas, quadros, palavras chaves… Enquanto outros são incomodados pelo visual e preferem que as explicações sejam verbais.

Essas exigências são difíceis de ser consideradas nas salas de aula. Os diferentes perfis pedagógicos são maleáveis, é preciso distinguir as aptidões escolares de cada um.

Quer saber como é ensinar a língua portuguesa? As aulas nas salas oferecem várias vantagens como as aulas particulares

Diante de tantas diferenças, a crise do ensino e a corrida rumo ao diploma deixam os pais de cabelo em pé. Para que suas crianças tenham sucesso em português, eles procuram ajuda de uma escola especializada em aulas particulares ou de um professor.

Qual é o valor agregado de uma aula particular?

Difícil de qualificar. Ela repousa em três pontos importantes para todas as matérias:

  • As aulas particulares ajudam os alunos a criar autoconfiança
  • As aulas particulares são mais eficazes que as aulas “tradicionais”
  • As aulas particulares são programadas sob medida em função da necessidade do aluno

As aulas particulares ajudam os alunos a criar autoconfiança

Em primeiro lugar, a conquista da autoconfiança do aluno e a restauração de sua autoestima quando essas duas foram bastante afetadas.

Se for o caso, o aluno poderá ter medo de assumir suas dificuldades, perguntar para o professor, ser zoado por seus colegas de sala ou sofrer bullying.

Então, o professor particular é visto como um “coach”. Diferente do seu colega de sala, ele vai escutar atenciosamente as dúvidas do aluno sem fazer gracinha ou julgamentos negativos.

Ao contrário, ele vai encorajá-lo porque ele está ali para ajudá-lo a evoluir.

Isso também pode acontecer em sala de aula. Longe de mim pensar que o professor de uma escola é sádico e se diverte em humilhar os alunos.

Porém, um 0 em 20 em um ditado, chamar a atenção do aluno de maneira um pouco agressiva na hora do cansaço são normalmente a causa de ressentimentos e desânimo profundo.

Seguro, apoiado, o aluno reencontra a confiança em si, a esperança e sua transformação pode ser imediata.

É um verdadeiro prazer ver uma cara amarrada abrir um sorriso de satisfação! É quase um ciclo virtuoso: a criança ou o adolescente participam das aulas, recebem elogios ou são encorajados pelo professor de sua classe, aprendem melhor as matérias e…  se as lacunas não forem muito grandes, suas notas aumentam.

A direção certa é sempre as regras gramaticais no idioma Siga os comandos de um bom professor e chegue ao sucesso com as aulas particulares de língua portuguesa

Tudo não é tão utópico e rápido mas, mesmo se for preciso um pouco de tempo, o caminho do sucesso está lançado!

As aulas particulares são mais eficientes que as aulas “tradicionais”

Em segundo lugar, um professor em domicílio pode trabalhar sem que o aluno distraia (barulho, risos, entrada intempestiva de um vigia). Nada perturba suas explicações. O aluno está pronto para receber o conteúdo do começo ao fim. Totalmente implicado, que ele nem vê o tempo passar. A hora da aula é muito mais eficaz que o tempo gasto na sala de aula.

As aulas particulares são organizadas sob medida em função da necessidade do aluno

Em terceiro lugar, o professor particular de português (por que aprendê-lo?) prepara uma aula adaptada para o aluno. Ele observa e escuta atentivamente o seu aluno, descobre as razões dos bloqueios no seu aprendizado, os erros que ele deve corrigir, os métodos inadequados a não serem aplicados…

Ele não é retido por nenhum programa oficial, nenhum calendário. Ele se adapta às particularidades do aluno.

Ele sabe lidar com um problema de dislexia (aulas de português), da língua e da cultura com um estudante estrangeiro ou da elocução (para um aluno gago, por exemplo).

Ele pode ficar três horas explicando algo que o aluno não entendeu ou que precisa de mais explicações ou conteúdo para ser entendido.

O seu único objetivo é dar para cada um a ferramenta necessária para ser autônomo, algumas vezes abrindo o caminho, algumas vezes deixando ele se abrir.

O mundo maravilhoso das aulas particulares?

Não, claro. Às vezes, os esforços não são recompensados. As causas são diversas. Se os santos do professor e do alunos não se baterem, se o aluno tiver problemas psicológicos ou familiares que parasitam sua aprendizagem. Se for o caso, o aluno deverá ser encaminhado para um profissional da área.

Um problema também das aulas particulares é que elas são onerosas. Muitas famílias não têm condições de pagar isso para os filhos.

Enfim, alguns alunos não fazem o mínimo de esforço para aprender em sala de aula porque o professor que papai e mamãe pagam vai lhe explicar melhor a matéria e vai ajudá-lo a fazer o dever de casa…

Muito hábeis, eles fingem não saber vários exercícios de matemática, redação, relatórios de leitura porque o professor ruim pediu para fazer…  e eles fazem isso um dia antes do prazo de entrega! Longe de tornar-los autônomos, as aulas podem servir de bengala e uma boa maneira de não se esforçar para encontrar a resposta sozinho. Ao professor particular de não cair na pegadinha do malandro…

 

Do ponto de vista do professor, é uma outra maneira de ensinar

E o professor de português?

Qual é a experiência de um professor da matéria em um colégio e no ensino médio, aposentado e que recebe há alguns anos alunos de todas as idades face a face?

Ensine o conteúdo do idioma para crianças Qual é a sensação de estar na frente dos alunos e passar seus conhecimentos para eles? Como deve ser isso para um professor da língua portuguesa?

O ensino tradicional às vezes deixa um sentimento de impotência para o professor

A profissão de nas salas de aula é apaixonante. Existe uma dinâmica de grupo que permite trocas muito enriquecedores e estimulantes. Às vezes, as ideias fusionam!

Também há salas que causam sono e sem dúvida o professor fica com sono também. Porém, sempre há um comentário sobre a leitura de um poema, uma notícia e a magia opera novamente.

Há situações que os professores também não sabem lidar como ajudar um aluno que não presta mais atenção nas aulas, ou aquele que se tornou invisível na quarta fileira da sala…

Muitos alunos, falta de tempo… Programa, preparação, textos, a trilogia de um professor!

Dar aulas particulares de português permite ajudar os alunos, simplesmente!

As aulas particulares restauram o diálogo pedagógico entre o professor e o aluno

Ao contrário, a aula particular favorece o diálogo pedagógico e faz emergir potencialidades improváveis em alguns alunos. Nós falamos de um autor, ele procura o livro em uma biblioteca, nós lemos uma página, nós discutimos…

A literatura está ao alcance de todos. Nós lemos, nós escrevemos!

Claro, eu não esqueço que a ortografia (não faça mais erros na de português), a gramática são fundamentos da expressão escrita (como progredir em português na redação?) em todos os níveis. No ensino médio, a atenção está voltada principalmente para os vestibulares e o Enem

Nós estudamos a metodologia, a verdadeira, que consiste em saber analisar um assunto, um texto, um documento iconográfico, por onde começar, como escrever… O oral é mais fácil face à face mas ele pode ser trabalhado também.

Saiba como encontrar as melhores aulas de portugues para concurso no Superprof!

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...
avatar