Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Dicas e conselhos para escolher bem seu profe de língua espanhola

De Fernanda, publicado dia 31/07/2017 Blog > Idiomas > Espanhol > Como escolher um professor particular de castelhano?

Você sabia que a língua espanhola foi introduzida nas escolas brasileiras em 2005, pela lei 11.161/05? A relação estabelecida pelos países do MERCOSUL foi um dos aspectos que favoreceu a implantação desta lei que tornava obrigatória a oferta da disciplina em escolas do Ensino Médio.

No começo de 2017, foi sancionada a nova reforma do Ensino Médio. Com ela, é revogada a Lei nº 11.161 de 2005 que incluía a língua espanhola entre os conteúdos obrigatórios do ensino médio. Antes da reforma, as escolas podiam escolher se a língua estrangeira ensinada aos alunos seria o inglês ou o espanhol. Agora, com a reforma, a língua inglesa passará a ser a disciplina obrigatória no ensino de língua estrangeira, a partir do sexto ano do ensino fundamental. Se a escola só oferece uma língua estrangeira, esta precisa ser obrigatoriamente o inglês. A justificativa do Ministério da Educação é que “a língua inglesa é a mais disseminada e a mais ensinada no mundo inteiro.”

Infelizmente, como acontece em vários outros aspectos da educação brasileira, há muitos gargalos. Como por exemplo a falta de professores devidamente qualificados, a escassez de material didático e muitos outros.

Pois bem, isso quer dizer que ainda temos muito chão a percorrer!

No entanto, sabemos que o espanhol é terceira língua mais falada no mundo. Aprender espanhol é um grande diferencial para seu currículo, sua vida acadêmica e profissional.

Então, se você quer dominar esse idioma e começar a fazer aulas particulares, saiba como escolher bem o seu professor!

Aqui estão algumas dicas de como fazer aulas de espanhol! Elas vão te ajudar a fazer a escolha certa!

Defina suas expectativas antes de escolher seu professor

Aprender espanhol por meio de aulas particulares pode ser algo muito útil para preencher certas lacunas.

Antes de escolher o seu professor de espanhol, faça um balanço de suas expectativas.

Quais são os seus critérios para a escolha de seu professor? Que tipo de professor que você quer?

Por que você quer fazer aulas de espanhol?

Você tem dificuldades com o vocabulário espanhol? Em gramática? Em pronúncia? Em compreensão ou expressão oral?

Seu professor pode criar um programa sob medida para você. Por isso, é importante identificar as áreas que você deseja mais trabalhar.

De que maneira você quer estudar?

Você tem uma preferência por recursos audiovisuais? Ou você prefere apenas fazer aulas de conversação?

Existem professores com metodologias totalmente diferentes.

Na área de educação, sobretudo no mercado das aulas particulares,  não existem metodologias pré-definidas. Cada profissional estabelece seu método em conjunto com seu alunos.

Onde você quer estudar espanhol?

As aulas de espanhol em casa são uma excelente maneira de progredir. Estar à vontade e sozinho são condições ideais para ouvir e manter o foco na língua espanhola.

Além disso, alguns professores permitem que você faça as aulas ou o curso de espanhol online. Aa aulas particulares a distância estão muito na moda e – devemos confessar – são extremamente práticas.

Explore os anúncios dos professores

Existem tantos anúncios de professores que às vezes fica difícil de selecionar os melhores.

Com qual tipo de professor você quer aprender espanhol?

Um professor pedagogo ou licenciado? Ou alguém que ainda está cursando uma formação na universidade?

Ou simplesmente uma pessoa que seja nativa?

Se você quer escolher um professor com um diploma específico: licenciado em letras espanhol, literatura, alguém formado pelo Instituto Cervantes em São Paulo….

Nossos professores de espanhol têm formações variadas.

Então confira o currículo on-line de cada um deles para descobrir mais sobre sua formação e sua experiência.

Alguns já tiveram experiência em escola pública e portanto têm uma vivência e didática únicas.

Outros, no entanto, seguiram uma formação alternativa – dentro ou fora do país – e por isso podem trazer o seu toque de originalidade na hora de ensinar a língua de Cervantes.

Os professores do superprof

Visite a plataforma superprof para escolher seu professor!

  • Isabel, professor licenciada em letras espanhol, tem dupla nacionalidade.
    Nativa, ela irá acompanhá-lo em um ensino perfeito de língua espanhola! Professora na Universidade, ela está acostumada a dar aulas via skype para muitos estudantes!

 

  • Paola, por sua vez, é pedagoga. O espanhol é sua língua nativa, e ela vai te ensinar a falar, além de exercitar bem a pronúncia. Ela ainda oferece aulas voltadas à cultura e civilização espanholas, por causa dos seus conhecimentos sólidos em Espanha e América Latina.

 

  • José nasceu na Colômbia e é professor há mais de 10 anos.

Onde aprender espanhol online? Nossos professores têm perfis diferenciados e oferecem aulas com metodologias adequadas às suas necessidades. Descubra qual é o seu professor ideal!

Se você quiser ter mais chances de passar no vestibular (em espanhol) ou simplesmente quer reforçar o seu nível antes de um intercâmbio de línguas, vá dar uma olhada no seu perfil!

A primeira aula é gratuita… Portanto você não tem nada a perder, não é mesmo?

Os professores bilíngues

A maioria dos professores são bilíngues.

Graduados em universidades ou outras instituições, eles consolidaram seus conhecimentos de espanhol.

Acostumados com aulas acadêmicas, eles vão usar os melhores métodos e os recursos adequados para que você tenha uma boa assimilação da língua estrangeira.

O professor bilíngue é ideal para você treinar pronúncia e ficar completamente pronto para uma viagem para a Espanha!

Os estudantes

Sabia que não existem só professores nas plataformas online?

Na verdade, muitos estudantes se apresentam como professores de espanhol.

Eles estão geralmente cursando uma graduação, como letras espanhol, mas também é possível que seja publicidade, história ou direito… Há perfis muito variados!

E a pergunta é: o que eles podem lhe oferecer que um professor diplomado não oferece?

Um outro olhar! Por serem em maioria jovens, estes professores sabem exatamente como motivar seus alunos graças ao seu dinamismo e proximidade ao mundo acadêmico.

Além disso, eles se aproximam mais de seus alunos, acabando com aquela formalidade e hierarquia da relação tradicional professor-aluno. Caso você opte por esse perfil, talvez você consiga estabelecer uma comunicação muito mais fácil.

Espanhol é a língua materna

Muitos nativos cuja língua materna é o espanhol decidem dar aulas particulares.

Se você está procurando por uma pronúncia perfeita ou então quer mergulhar na cultura hispânica, esta opção parece ser uma boa ideia!

Para alunos de nível intermediário, é perfeito para melhorar as habilidades de expressão oral, principalmente por meio de muita conversação.

Além disso, você está liberado para perguntar tudo sobre a cultura e os costumes locais do país do seu professor. Um mergulho cultural riquíssimo!

Selecione o perfil mais adequado a você

Você sacou: os perfis são muitos e muito diversificados. Se você está perdido e quer fazer a escolha mais racional, leve em consideração os seguintes critérios:

A experiência

Se você tem medo que seu professor não saiba lidar com as suas dificuldades, procure por experiência.

Perfis experientes geralmente têm um pensamento mais crítico. Eles identificam os pontos fracos rapidamente.

Se os anos de experiência forem fator fundamental para a sua escolha, consulte os detalhes da experiência profissional no perfil de cada professor!

No entanto, saiba que experiência tem preço: qual o valor de uma aula particular de espanhol?

Seu nível de estudos

Se você é iniciante ou quer prestar o vestibular, o nível de estudos do seu professor não vai fazer tanta diferença.

No entanto, para alunos de nível intermediário ou avançado, recomendamos que selecione alguém com um nível de estudos superior a você.

Já se você quiser melhorar seu espanhol para começar um mestrado em letras, por exemplo, talvez seja uma boa ideia contratar um professor mestrando, que já tenha passado pela mesma experiência.

Ele pode lhe dar dicas muito úteis sobre a prova de proficiência aplicada nas grandes universidades.

A distância

Você mora na capital? Ou no interior? Os professores são listados de acordo com seu local de residência.

Certifique-se de escolher um professor de espanhol perto de você para facilitar o deslocamento e assim garantir sua assiduidade (e a do professor!).

Fazer aula de espanhol em casa é uma ótima alternativa, desde que você não tenha muitos quilômetros de trajeto a percorrer!

Aprender espanhol remotamente por meio de cursos de internet. Descubra os métodos da nova geração e as aulas de espanhol on-line.

Se você optar pelas aulas on-line, não precisa se preocupar com a localização do seu professor.

Você pode avaliar todos os perfis, pois o Skype fará todo o resto!

Os preços

É importante definir qual o seu orçamento. As aulas custam a partir de 30 reais, mas podem chegar a 150 reais, em função de vários fatores. Por isso, é essencial que você investigue com antecedência qual o preço cobrado pelo professor de sua preferência.

Caso você não tenha muito orçamento disponível, que tal fazer aulas em pequenos grupos? Você pode sondar com seus amigos se eles têm o mesmo interesse. O preço cai bastante se você faz aulas em grupo.

Do mesmo jeito, quanto maior for o número de aulas acordado, mais baixo será o valor da hora aula.

Saiba que alguns professores oferecem a primeira horas grátis! Esta é uma ótima maneira de testar sua sinergia com seu parceiro.

A disponibilidade

Mesmo se você encontrar o perfil ideal, lembre-se de que disponibilidade é prioridade.

Alguns professores não podem dar aulas durante a semana, enquanto outros preferem aos fins de semana!

Reserve um tempo e escolha seu dia e horário de preferência antes de fazer sua seleção.

As 5 qualidades de um professor de espanhol

Para ser um bom professor, o profissional deve possuir várias qualidades:

  • Ser didático 

Os professores agora têm recursos educacionais de sobra.

Dominar o conteúdo é fundamental, mas ter a capacidade de transmitir esses conhecimentos é habilidade de poucos. Por meio de uma comunicação clara e exercícios adequados, o professor deve ser capaz de ensinar o espanhol de um jeito fácil e agradável.

Um bom professor pode ajudar você a passar no vestibular!

  • Ser paciente

Ser paciente é uma regra de ouro na educação. Seu professor deve saber como gerenciar o tempo e se adaptar ao seu ritmo.

  • A empatia

Ensinar com uma boa dose de empatia não só acelera o processo de aprendizagem como também fortalece a relação professor-aluno.

Na verdade, um estudante que se sente compreendido e ouvido é um estudante que aprende com confiança. E ter autoconfiança é essencial nesse processo, especialmente para os exercícios de expressão oral.

  • Criatividade

Hoje em dia, quase não conseguimos mais pensar em educação sem a utilização das tecnologias de informação e comunicação – as famosas TICs.

Temos de avançar com os tempos! Atualmente, os novos recursos digitais de ensino têm evoluído juntamente com os professores. Os recursos não se limitam a alguns artigos, documentos e a visualizações no retroprojetor… Há lousas digitais, vídeos interativos, aplicativos, jogos, recursos de áudio….

Divertidos, fáceis de usar, eles conseguem ensinar de um jeito intuitivo e original. Tudo vai depender… se você tem a mente aberta para o novo!

  • Simpatia

Obviamente, o professor precisa ser simpático!

Aprender é essencial, mas poder conversar e se comunicar em um ambiente agradável e acolhedor faz toda a diferença. Sobretudo se você só tiver horário disponível às 7 horas da manhã…. Haja bom humor!

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...
avatar