"Criatividade é inteligência que diverte." - Albert Einstein

Quantas pessoas são realmente criativas todos os dias? O desenho e a pintura estão entre as atividades criativas que desenvolvem a imaginação e o sentido artístico.

Mas como você pode aprender a desenhar facilmente sem ter que ir para uma escola de arte? Aqui estão alguns exercícios para começar a aventura.

Os melhores professores de Desenho disponíveis
João luiz
5
5 (10 avaliações)
João luiz
R$75
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Agnes
5
5 (18 avaliações)
Agnes
R$55
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Rafael
5
5 (21 avaliações)
Rafael
R$50
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Jenny
5
5 (19 avaliações)
Jenny
R$60
/h
Gift icon
1a aula grátis!
João paulo
5
5 (10 avaliações)
João paulo
R$70
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Val
4,9
4,9 (9 avaliações)
Val
R$50
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Célia
5
5 (17 avaliações)
Célia
R$90
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Augusto
5
5 (31 avaliações)
Augusto
R$75
/h
Gift icon
1a aula grátis!
João luiz
5
5 (10 avaliações)
João luiz
R$75
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Agnes
5
5 (18 avaliações)
Agnes
R$55
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Rafael
5
5 (21 avaliações)
Rafael
R$50
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Jenny
5
5 (19 avaliações)
Jenny
R$60
/h
Gift icon
1a aula grátis!
João paulo
5
5 (10 avaliações)
João paulo
R$70
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Val
4,9
4,9 (9 avaliações)
Val
R$50
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Célia
5
5 (17 avaliações)
Célia
R$90
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Augusto
5
5 (31 avaliações)
Augusto
R$75
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Vamos lá

Você pode aprender a desenhar sozinho?

Esta é a pergunta que muitos novatos se perguntam. Eu tenho que fazer aulas de desenho? Onde posso aprender no meu próprio ritmo? Quais são os segredos para aprender por conta própria e isso é realmente alcançável?

Uma moça em frente a uma tela pintando
Aprender a desenhar sozinho, boa ou má ideia?

Tudo depende, a princípio, do que todos chamam de "aprender a desenhar". Muitas vezes, acredita-se erroneamente que algumas pessoas podem desenhar e outras não. Mas sem ir muito longe nessa filosofia, todo mundo sabe desenhar e nenhuma criança se pergunta se sabe ou não. Ele desenha, só isso.

Você pode achar isso um pouco exagerado. Pois, para muitos, saber desenhar significa fazer um desenho bem realista, um pouco como uma foto. Quanto mais realista o desenho, mais as pessoas o associam a uma habilidade artística extraordinária.

Mas devemos lembrá-lo dos desenhos e pinturas de Matisse com linhas muito infantis? Ele pode desenhar? Sim! Muitos artistas aprenderam os fundamentos acadêmicos do desenho e se livraram dele fazendo exatamente o oposto.

Aprender a desenhar, portanto, depende de seus objetivos. As bases acadêmicas e muito clássicas do desenho podem ser úteis se você quer ser arquiteto, por exemplo. No entanto, não saber seus fundamentos de forma alguma o impede de desenhar como achar melhor.

A grande maioria das pessoas tem um bloqueio. Muitos não se atrevem a mergulhar por medo de errar ou perder um desenho. O primeiro passo, portanto, antes de começar a querer aprender a desenhar, é libertar-se desse pensamento limitador e ter o prazer de desenhar acima de tudo, sem estresse do resultado final e sem espera. Simplesmente desenhe como quiser.

Se você quiser aprender as regras clássicas de desenho (perspectiva, cores complementares, etc.), que não é necessário saber desenhar, você pode aprender o básico muito bem por conta própria.

Hoje, muitos livros são publicados sobre o assunto. Alguns o ensinarão a desenhar um corpo, outros um cavalo e outros ainda o guiarão para fazer um diário de viagem. E os livros não são os únicos recursos disponíveis. Muitos sites são acessíveis e oferecem aulas de desenho gratuitas. Assim como os vídeos do Youtube de alguns desenhistas que irão explicar certas técnicas artísticas para você.

Você vai entender, os recursos são numerosos. Por outro lado, para progredir no desenho, também é imprescindível saber aproveitar o tempo para desenhar. E isso geralmente é o que falta tanto para iniciantes quanto para experientes que desejam progredir. Fazer um curso de desenho tem a vantagem de reservar um horário para desenhar. Quando você está sozinho, é difícil dedicar uma ou duas horas por semana ao desenho sem ser forçado a isso por aulas pagas.

Aprender os fundamentos técnicos do desenho é, portanto, possível independentemente, se o rigor e a motivação estiverem presentes.

Que tal um curso de desenho artistico?

As ferramentas essenciais para aprender a desenhar por conta própria

Felizmente, desenhar é uma atividade que requer pouco material. Embora você possa coletar muitos pincéis, lápis, marcadores, cadernos, etc., um lápis e um suporte são suficientes para desenhar. E esse material é muito acessível do ponto de vista financeiro.

Você pode, portanto, investir muito bem nessas duas ferramentas muito simples que são o lápis de grafite (ou lápis HB, se preferir) e um bloco de folhas. Para começar, isso é mais do que suficiente.

À medida que suas sessões artísticas progridem, você pode mudar o papel e escolher um papel com uma gramatura mais ou menos importante. Assim como as técnicas de cores: lápis de cor, tinta acrílica, guache, aquarela, cabe a você ver o que mais lhe convém.

Mas lembre-se de que nada é mais essencial do que um meio (papel, papelão ou outra invenção) e uma ferramenta de desenho (grafite, caneta esferográfica, lápis de nanquim, etc.). Você não precisa investir em muito material para começar.

Desenhe uma paisagem urbana para aprender a perspectiva

A perspectiva nem sempre foi a especialidade dos artistas. Antes da Renascença, pintores e desenhistas tinham muito pouco conhecimento de como representar a profundidade em um meio 2D.

Seja na Idade Média ou na arte contemporânea, a história da arte viu, portanto, obras muito grandes sem perspectiva descuidada ou profundidade. Isso nem sempre significa que o artista não o dominou, mas que foi uma escolha artística deliberada.

Mas, para ter uma escolha, você deve começar dominando essa perspectiva.

O exercício mais fácil para entender como essa perspectiva funciona é desenhar uma paisagem urbana.

Comece colocando um ponto no centro da folha de desenho. A partir deste ponto, desenhe várias linhas retas que vão de um lado para o outro no espaço. Coloque um pouco no lado direito e esquerdo, na parte superior e inferior da folha.

Depois que as linhas forem desenhadas, use-as para criar edifícios desenhando linhas verticais. Essas serão as fachadas dos edifícios. As duas linhas na parte inferior da página (uma à esquerda e outra à direita do ponto de fuga) são usadas para delimitar a estrada.

Termine o seu desenho colocando linhas horizontais para fazer os telhados dos edifícios e coloque as janelas e portas para personalizar o seu design.

Aprendendo a desenhar um rosto para progredir

O retrato no desenho e na pintura é um excelente exercício para trabalhar a observação, as proporções, o enquadramento do desenho, o realismo, as sombras e as luzes. Enfim, é um exercício extremamente completo, mas também difícil.

É difícil começar a fazer um rosto ou retratos quando você começa a desenhar. Você não deve ter medo de perder seu desenho. Isso é antes de tudo uma etapa de progressão, não sua próxima exposição de arte.

Portanto, relaxe e peça a um amigo para fazer uma pose. Se preferir (ou se não tiver um amigo por perto), também é possível desenhar a partir de uma foto.

Comece posicionando o centro do rosto com os olhos e o nariz. A boca virá a seguir, depois o contorno do rosto. Você vai acabar ficando com as orelhas e o cabelo.

Repita este exercício pegando uma nova personagem a cada vez ou repetindo o mesmo retrato.

Ainda é melhor alternar antes de retornar ao primeiro retrato. Você poderá ver seu progresso e isso vai encorajá-lo.

Um retrato desenhado de um índio norte-americano
Fazer retratos estimula a observação do desenhista.
Os melhores professores de Desenho disponíveis
João luiz
5
5 (10 avaliações)
João luiz
R$75
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Agnes
5
5 (18 avaliações)
Agnes
R$55
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Rafael
5
5 (21 avaliações)
Rafael
R$50
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Jenny
5
5 (19 avaliações)
Jenny
R$60
/h
Gift icon
1a aula grátis!
João paulo
5
5 (10 avaliações)
João paulo
R$70
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Val
4,9
4,9 (9 avaliações)
Val
R$50
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Célia
5
5 (17 avaliações)
Célia
R$90
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Augusto
5
5 (31 avaliações)
Augusto
R$75
/h
Gift icon
1a aula grátis!
João luiz
5
5 (10 avaliações)
João luiz
R$75
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Agnes
5
5 (18 avaliações)
Agnes
R$55
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Rafael
5
5 (21 avaliações)
Rafael
R$50
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Jenny
5
5 (19 avaliações)
Jenny
R$60
/h
Gift icon
1a aula grátis!
João paulo
5
5 (10 avaliações)
João paulo
R$70
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Val
4,9
4,9 (9 avaliações)
Val
R$50
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Célia
5
5 (17 avaliações)
Célia
R$90
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Augusto
5
5 (31 avaliações)
Augusto
R$75
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Vamos lá

Reproduza um trabalho artístico para aprender a desenhar

Desenho e pintura são atividades que oferecem uma ampla escolha de exercícios.

A reprodução de uma obra existente é um dos exercícios frequentemente oferecidos durante um curso de desenho. Isso não só permite ao desenhista especificar o estilo de pintura de que gosta, mas também permite descobrir novas técnicas.

Escolha fotos de obras na internet, nas redes sociais ou em outro lugar. Podemos escolher aqueles que gostamos mais de desenhar.

Mas cuidado! Claro que você não tem o direito de declarar que a obra é sua, pois se trata de uma reprodução.

Para melhor reproduzir a pintura ou desenho, use a técnica da grade. Faça uma grade regular com um lápis de madeira na imagem que deseja reproduzir e, em seguida, faça a mesma grade no pedaço de papel. Isso lhe dará referência para reproduzir o desenho.

Aprenda a desenhar animais para aprender as proporções

As proporções nem sempre são fáceis de respeitar quando você deseja desenhar um modelo de forma realista. As pernas costumam ser muito grandes, o pescoço muito afastado, a cabeça muito grande, etc. Mas desenhar figuras humanas ou animais permite que você aguce os olhos e obtenha uma forma mais realista.

Se você começar com um modelo, como uma foto, por exemplo, você pode primeiro colocar a grade em sua foto e reproduzir a mesma grade em seu suporte. Esta técnica facilita muito o dimensionamento do plano e, portanto, ajuda a respeitar as proporções da foto reproduzida.

Mas e se você não tirar uma foto como modelo?

Assim como os humanos, os animais têm regras de proporção. Assim, para desenhar um humano adulto, será necessário que o tamanho total da pessoa seja equivalente a oito vezes a sua cabeça.

Para os animais, as proporções também podem ser encontradas. Livros especializados em desenhos de animais nos permitem saber essa proporção exata.

Se você não tem nenhum livro à mão e queira desenhar um cavalo à sua frente, o melhor conselho é começar fazendo um esboço geral do animal.

Muitos começam antes desenhando uma parte do corpo com precisão e esboçando o resto conforme avança. Mas, ao fazer isso, fica muito complicado manter as proporções corretas e, quando você percebe isso, geralmente é tarde demais.

Uma girafa
Como não querer desenhar essa girafa?

Antes de começar a refinar seu traço, perceba visivelmente a forma geral do animal. Você verá rapidamente se um elemento é muito grande ou muito pequeno. Assim, será mais fácil modificar essas poucas linhas do que recomeçar todo o desenho que já está bem avançado.

O esboço permite que você se concentre apenas no tamanho do desenho e em sua forma geral. Ao fazer esboços regularmente, você se tornará cada vez mais hábil em desenhar as proporções corretas na primeira vez.

Desenhe a natureza para desenvolver seu senso de detalhe

Mais fácil do que os animais, desenhar uma árvore permite que você desenhe um elemento que não se mova, ou quase. Árvores, plantas, uma montanha... Desenhar os elementos da natureza é uma oportunidade de ouro para passar muito tempo observando e desenhando seu objeto.

Instale-se confortavelmente na frente ou próximo ao assunto e comece com um esboço conforme explicado anteriormente. Aos poucos, venha e acrescente detalhes. A natureza é incrivelmente detalhada. Uma planta verde é uma oportunidade para desenhar todas as ranhuras, as partes da folha ligeiramente danificadas, etc. Por que não desenhar uma folha de samambaia, por exemplo? Um verdadeiro exercício de paciência e precisão.

Além de trabalhar com precisão, desenhar na natureza é outra oportunidade de sair e dedicar um tempo para observar o que está à sua volta.

Desenho nu: aprendendo a desenhar anatomia

Desenhar um corpo humano realista requer habilidade. Não se trata apenas de desenhar os contornos da silhueta, mas também de sugerir os músculos, uma atitude, uma expressão. O desenho de nudez é uma oportunidade de trabalhar tudo isso e, assim, aprender a desenhar anatomia. Então, como você faz isso quando não tem um professor desenho?

Por que desenhar um personagem nu?
O exercício de nudez é um exercício complicado, mas ajuda a progredir.

Se você se sentir confortável, poderá se pintar muito bem olhando no espelho, como um autorretrato. E por que não pedir ao seu parceiro para posar para você? Também é possível fazer este exercício a partir de uma foto.

Exercício de desenho: se solte!

Depois de aprender o básico do desenho acadêmico, divirta-se desconstruindo tudo! Abandonar todos os princípios básicos libera a criatividade. Por que não fazer cabeças humanas desproporcionais? Divirta-se desenhando com formas simples e geométricas, por exemplo. Romper com a linha clássica de desenho permite que você encontre seu próprio estilo e saia de desenhos já feitos e vistos em todos os lugares.

Para se libertar de suas expectativas clássicas, você pode, por exemplo, desafiar-se e tentar realizar um desenho em um tempo relativamente curto. Por exemplo, tente desenhar seu jardim em um minuto. Você pode fazer o mesmo exercício obrigando-se a não levantar o lápis durante toda a realização ou a não apagar nada.

E acima de tudo, tenha prazer no que você faz!

Que tal um curso de desenho online?

>

A plataforma que conecta profes particulares e alunos

1ª aula gratuita

Gostou desse artigo? Deixe uma nota!

5,00 (1 note(s))
Loading...

Fernanda

Socióloga e mestre em Letras Modernas pela Sorbonne. Entre França e Brasil, trabalho com jornalismo e projetos socioeducativos há 20 anos. Apaixonada por música, cinema e yoga. Acredito na cultura e na educação como pilares de transformação da sociedade.