Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Como seguir um currículo português e alemão?

De Joseane, publicado dia 03/07/2018 Blog > Idiomas > Alemão > A relação Brasil e Alemanha na educação

Além de grandes parceiros econômicos, Alemanha e Brasil também estão formando uma bela parceria nos programas de intercâmbio cultural. A Europa é sempre uma das primeiras opções na hora de programar o intercâmbio, e a Alemanha é um dos destinos mais atraentes para os estudantes brasileiros. Estar localizado na Europa e ser uma potência econômica acaba sendo de grande relevância na hora da decisão. Mas o Brasil também tem lá seus encantos, sempre desperta o interesse dos jovens estrangeiros que querem aprender um pouco sobre nossa cultura e aproveitar os belíssimos pontos turísticos.

Cada vez mais as universidades tem tido interesse em aproveitar ao máximo possível das vantagens do intercâmbio cultural. As universidades e instituições de ensino superior dos dois países estão firmando parcerias para beneficiar os alunos com a troca de experiência pessoal e profissional. O estudante quando recorrem ao intercâmbio tem o benefício de receber um diploma internacional.

Confira as melhores faculdades do Brasil:

  • Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)
  • Universidade Federal da Bahia (UFBA)
  • Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
  • Universidade Federal Fluminense (UFF)
  • Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)
  • Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)
  • Universidade de São Paulo (USP)
  • Universidade Estadual Paulista (Unesp)
  • Universidade Estadual de Campinas (Unicamp)
  • Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio)

Agora confira as melhores universidades para se realizar intercâmbio na Alemanha:

  • Universidade de Munique Ludwig-Maximilians  – ( LMU München)
  • Universidade Técnica de Munique  – (TUM: The Entrepreneurial Universität)
  • Universidade de Heidelberg  – ( Universität Heidelberg )
  • Universidade Humbolt de Berlim –  (Humboldt – Universitat zu Berlin)
  • Universidade Técnica da Renânia do Norte-Vestfália em Aachen – (Rheinish – Westfaelische Technische Hoschschulen Aachen)
  • Universidade de Friburgo – (Universität Freiburg)
  • Universidade livre de Berlim – (Freie Universität Berlin)
  • Universidade Técnica de Berlim – (Technisch Universität Berlin)
  • Universidade de Bonn –  (Universität Bonn)

Certamente, a parceria entre Brasil e Alemanha tem ganhado muita força, pois os jovens procuram garantias na hora de decidir sobre as melhores universidades para realizar o intercâmbio. De um a lado temos as universidades que se beneficiam com o enriquecimento cultural provocado pelos alunos de diferentes culturas. De outro, temos os alunos que se beneficiam com um currículo de grande relevância.

Programas de incentivo educacional que vão enriquecer o seu currículo

O encontro entre os ministros, Ministro das Relações Exteriores e o Ministro dos Negócios Estrangeiros da Alemanha, em 2015, resultou em uma grande oportunidade para os jovens que pretendem possuir um bom currículo. Os ministros Mauro Vieira e Frank-Walter Steinmeier aproveitaram o encontro no Itamaraty para assinar um memorando de entendimento.

A grande importância desse memorando é a possibilidade da concessão de vistos de férias e trabalho para que os estudantes dos dois países possam ter, no outro país, experiência profissional. Dessa maneira, os dois governos visam possibilitar a troca de experiências pessoal, profissional e cultural entre alemães e brasileiros.

Como fazer intercâmbio na Alemanha Sim para aquele intercâmbio na Alemanha

Outro programa importante é a bolsa Chanceler alemã para Futuros Lideres do Brasil, é uma bolsa que possibilita jovens lideres brasileiros a estudar na Alemanha. Esse programa é parte da iniciativa da Chancelar da Alemanha, Angela Merkel, para incentivar 10 jovens lideres brasileiros a aperfeiçoar seu talento. Os jovens selecionados irão estudar na Alemanha com ajuda de custo do governo alemão.

O grande objetivo do programa é despertar o interesse dos estudantes a realizar o intercâmbio multicultural, com a finalidade de capacitar os estudantes profissionalmente. Vale informar que o programa é sucesso em vários outros países, mas teve início aqui no Brasil em 2013.

Dr. Damiam Grasmuch é o maior responsável pela bolsa, ele pertence ao Departamento de Seleção da Fundação Alexander Von Humboldt. A vinda de Grasmuch ao Brasil foi importante para a divulgação da bolsa. O programa apresenta algumas vantagens que devem ser levadas em conta na hora de pensar o seu currículo: Agregar valores ao currículo, potencializar o talento dos candidatos, chance dos candidatos estruturar sua carreira profissional e acrescentar mais conhecimento cultural.

Acreditamos que um grande diferencial do programa seja criar pessoas capazes de serem agentes transformadores do seu país de origem. Lembrando que dependendo do nível de conhecimento do candidato, o programa oferece aos aprovados a ajuda de custo mensal de 2.150 euros ou 2.750 euros.

Fora a ajuda financeira, a experiência de morar na Alemanha oferece ao candidato uma bagagem cultural ímpar, de agregar conhecimento na área de interesse do estudante e aprender mais sobre outra cultura. Recordando que aprender o idioma de nosso parceiro comercial é um diferencial na hora de conseguir um bom emprego.

A cooperação entre o Ministério das Relações Externas da Alemanha e a participação do Ministério da Educação e Pesquisa criaram outra ferramenta importante para contribuir no processo de construção de parceria entre os dois países.

Os dois ministérios criaram o Centro Alemão de Ciências e Inovação, com a finalidade de dar visibilidade aos dois governos, em 2009. Uma chance de expandir a visibilidade no Brasil da Alemanha como um importante polo tecnológico e científico. Os dois ministérios desejam  promover o intercâmbio e a cooperação entre as instituições brasileiras e alemãs.

Acordo em ação de parceria com a Alemanha

Notícia fresquinha para os leitores do Superprof: a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoas de Nível Superior (CAPES) assinou recentemente o Acordo Marco de Cooperação com o Serviço Alemão de Intercâmbio Acadêmico (DAAD), com a finalidade de reorganizar e tornar viável ações conjuntas entre o DAAD e a CAPES. Esse acordo é mais uma continuidade aos programas tradicionais já desenvolvidos entre a Alemanha e o Brasil.

Se prepare para trabalhar e estudar na Alemanha O intercâmbio cultural é uma das experiências mais ricas e recompensadoras

O acordo entre os dois países tem interesse de estimular e promover a internacionalização das instituições de ensino superior (IES). Na realidade, o acordo tenta dar continuidade aos habituais programas CAPES/PROBRAL e Doutorado CAPES/DAAD e outras concessões conjuntas de bolsas em outras modalidade docentes, discentes e pesquisas.

A grande novidade é que o apoio financeiro fornecido pela Fundação ao Centro de Estudos Europeus e Alemães (CDEA) é um centro científico de ensino, pesquisa e informação, apoiado pelo DAAD e com ajuda financeira do Ministério das Relações Exteriores alemão. Bem legal, né?

Vale lembrar:

O PROBRAL é um programa que visa apoiar o intercâmbio científico entre os grupos de pesquisa alemã e brasileira.

O CAPES/DAAD é um programa que apoia candidatos com excelente qualificação científica e acadêmica para realizar seus estudos na Alemanha.

E o CDEA é um programa que visa estimular uma nova geração de cientistas e pesquisadores em estudos interdisciplinares sobre a Alemanha.

Estude em uma universidade Alemã

Para os interessados em aprimorar seus conhecimentos, estudando em uma universidade alemã, aqui vai mais uma excelente notícia: o ensino superior na Alemanha é gratuito, até mesmo para os estrangeiros, porém é preciso comprovar que o estudante pode se manter no país. Inicialmente, não é preciso falar alemão para se candidatar a uma das vagas, mas é necessário saber falar inglês, visto que há vários programas nas instituições alemãs para os estrangeiros e todos eles em inglês.

Estudar no exterior é fácil Dê aquele “up” no seu currículo, obtenha uma experiência no exterior…

Imagina estudar de graça em uma das melhores universidades públicas do país e mundialmente reconhecidas. Mas preste muita atenção, em alguns casos o estudante precisará pagar uma taxa administrativa semestral, o valor não é nada absurdo se comparado ao benefício de estudar em uma universidade de prestígio internacional.

Por exemplo, a Universidade de Hohensnheim, em Stuttgart, dispobiliza 45 vagas para o mestrado em ciências bioeconômicas  de graça, mas para fazer é preciso pagar um taxa administrativa de 160 euros. Relembrando que não é preciso falar Alemão, mas as aulas serão ministradas em inglês.

Outra informação muito relevante para o estudante que optar por estudar na Alemanha: a Alemanha pede que o estudante comprove que possui meios para se sustentar no país. Em média, o governo exige um valor de cerca de 8.000 euros. E para os estudantes brasileiros que desejam trabalhar no país, podem ficar felizes, o governo autoriza que os estudantes trabalhem por no máximo 240 dias.

O programa de intercâmbio Erasmus Mundus

As bolsas de Intercâmbio Erasmus é um programa que promete levar o estudante a conhecer o mundo. Além de ser muito enriquecedor para a vida do aluno, a viagem ao estrangeiro através do programa Erasmus é uma ótima oportunidade para aprender outro idioma.

Aprenda alemão com professor particular Contate um dos nossos professores de alemão e invista no seu futuro no exterior!

O que é?

O programa de intercâmbio Erasmus é um sistema de cooperação internacional, criado em 2004, com financiamento da união europeia. O programa possibilita a mobilidade dos estudantes do ensino superior. O Erasmus Mundus facilita que estudantes e pesquisadores de todo o mundo possa ter sua formação completa nas melhores universidades europeias. Assim como possibilita que estudantes europeus possam estudar nas universidades do Brasil.

Quem pode se candidatar?

De acordo com o site Erasmus Mundus, estudantes do ensino superior devem solicitar as bolsas que podem ser concedidas para graduação sanduíche, pós-graduação (mestrado sanduíche, doutorado completo, doutorado sanduíche) e pós-doutorado. Os servidores que atuam no ramo da educação (funcionários administrativos) também podem se candidatar a uma das vagas, é uma chance de trocar experiências e conhecimento.

Qual é o tema central do programa Erasmus Mundus?

O Erasmus Mundus acredita que a educação é o tema central do programa, nesse sentido o programa viabiliza também o intercâmbio entre diretores de escolas do ensino fundamental e ensino médio, de escolas públicas e particulares. O programa de intercâmbio dura de 2 a 24 meses.

Através da imersão total na língua e cultura alemã o estudante brasileiro terá mais chances de se inserir no mercado de trabalho alemão!

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...

Deixe um comentário

avatar