"A dança é a linguagem oculta da alma." - Martha Graham

No Brasil e no mundo, a dança vem ganhando cada vez mais espaço pelos benefícios que vão desde a melhora da autoestima, passando pelo combate ao estresse, depressão, até o desenvolvimento da aprendizagem. A cada dia a dança vem expondo seus aspectos positivos dentro da formação do sujeito, através da educação, e até mesmo contribuindo para a construção da sociedade.

Atualmente, a dança tem se tornado um estilo alternativo nas práticas pedagógicas, por orientar o movimento corporal de cada aluno de forma a explorar sua capacidade de criação, estimulando o autoconhecimento e favorecendo para aprendizagem.

- MERIELE SANTOS ATANAZIO DA SILVA LIMA, A importância da dança no processo ensino aprendizagem

Seja para dançar no ritmo, descobrir a história da dança ou apenas por diversão, descubra quais os benefícios das aulas de dança para seus filhos!

Pratique dança para melhorar o condicionamento físico

A dança é uma das atividades que atraem muitas crianças. E por uma boa razão: a dança não exige nenhum acessório ou local específico. No playground, no quarto, com sua melhor amiga, todas as ocasiões são boas para seguir as coreografias de seus maiores ídolos.

É por isso que dançar é um esporte tão popular. E desde cedo!

Por que dançar é uma boa ideia?
A dança é uma atividade ideal para a aptidão física das crianças.

As crianças pequenas se movem muito cedo ao ritmo da música, às vezes até muito antes de conseguirem andar. E ser ativo é importante para qualquer criança. Isso mantem boas condições físicas. Ainda mais quando você dança algumas horas por semana.

As aulas, independentemente do estilo de dança, ajudam no condicionamento corporal. Alongamentos e sequências coreográficas requerem músculos, mas também flexibilidade. E resistência! Trabalhar o músculo cardíaco pode ser uma das melhores razões para inscrever seu filho na dança.

Os dançarinos podem assim extravasar energia enquanto cuidam da saúde. E, como qualquer atividade esportiva, a dança também ajuda a reduzir o estresse acumulado na escola. As crianças relaxam, se divertem e descarregam energia.

Realizar uma atividade esportiva desde cedo também é uma ótima maneira de conscientizar as crianças da importância de uma dieta equilibrada e um sono regular para estar em boa forma durante a dança. Então que tal ir direto para as inscrições?

Desenvolver a criatividade nas aulas de dança

A dança é um exercício que envolve muitos aspectos. Além de ser uma atividade esportiva, também é uma atividade extremamente criativa e que exige o desenvolvimento de sua imaginação.

Dançar é um meio de expressão, como a maioria das artes (música, pintura, etc.). Ao ritmo da música, cada dançarino move seu corpo com seu próprio estilo e de acordo com suas próprias emoções. É assim que os dançarinos inventam mais coreografias originais do que as outras.

Durante a dança, as crianças aprendem a se expressar por meio de seus corpos e a inventar movimentos de acordo com seus desejos. A improvisação ocupa uma parte importante das aulas de dança. Seja em um curso de dança para os mais pequenos ou uma aula de jazz moderno para os mais velhos: todas as coreografias ajudam a despertar o senso artístico.

Dançar para socializar

Todos sabemos que a escola é o melhor lugar para as crianças se socializarem. Eles aprendem a fazer amigos, mas também a viver juntos, mesmo quando não se dão bem. As crianças então aprendem a compartilhar, a ter empatia, a ouvir, etc.

As aulas de dança também são uma boa maneira de as crianças se socializarem fora da escola. Na escola de dança, todas as crianças precisam aprender a compartilhar espaço, mas também a dançar juntas para realizar uma coreografia em grupo.

Às vezes é bom ter amigos fora da escola. Especialmente se o aluno não está se adaptando à rotina escolar.

A paixão pela dança pode contribuir nesse processo.

Aulas de dança: melhorar a memória

Aulas de dança: melhore a memória
Como exercitar a memória graças à dança? Lembrar a coreografia exige um esforço de memorização.

A criança precisa ser estimulada a se desenvolver adequadamente. Assim, aprender a dançar é uma maneira eficaz de exercitar sua memória. Na verdade, as coreografias aprendidas durante as aulas de dança devem ser memorizadas de uma sessão para outra.

Em cada sessão, o dançarino deve, portanto, fazer um esforço para lembrar os passos a serem dados e em que ordem os deve seguir.

A dança, portanto, desenvolve particularmente a memória processual, aquela que auxilia na performance de atividades cotidianas, a dos gestos. Ao desenvolver essa habilidade desde cedo, os dançarinos estarão um passo à frente de outras crianças, que levam um pouco mais de tempo para desenvolver essa capacidade de memória.

Melhorando as habilidades motoras e o equilíbrio na dança

Além de melhorar a resistência de cada criança, fazer aulas também é uma maneira de desenvolver as habilidades motoras dos mais jovens. O equilíbrio é uma capacidade importante para o desenvolvimento infantil.

O equilíbrio pode ser desenvolvido em outros esportes, como patins, equitação, patinação artística, mas também dança. O corpo deve repousar sobre uma das pernas ou, no caso da dança clássica, nas pontas dos pés. Nos exercícios de aquecimento e na realização de uma coreografia, todo o peso corporal deve ser bem distribuído para evitar quedas.

Os diferentes movimentos a serem executados também permitem que você trabalhe tanto na sua postura quanto na coordenação. Ser capaz de mover o braço direito independentemente do braço esquerdo é uma habilidade que funciona. O cérebro deve então fazer um esforço extra para ter sucesso em certos movimentos.

Aula de dança: canalizando energia

Dança contemporânea, aulas de dança clássica, aula de zumba, breakdance, rock, aula de samba, aulas musicais, todos os estilos de dança permitem que as crianças se canalizem.

A maioria das crianças tem muita energia de sobra. Quer uma boa notícia? As aulas de dança ajudam a acalmar as crianças. Uma vez fora da aula de dança, os dançarinos aprendizes estão cansados ​​e muito mais calmos. O que pode facilitar a vida em casa!

Mas as aulas de dança também permitem que as crianças aprendam a controlar suas emoções e energia, aprendendo a controlar seus corpos. Uma experiência que pode ajudá-los no dia a dia e principalmente na escola.

Dance para ganhar autoconfiança

Desenvolver a autoconfiança é um dos grandes desafios de uma pessoa. Da infância à vida adulta. Você precisa aprender a confiar em si mesmo e obter estima. Aprender a se amar é uma missão importante.

Como ganhar auto-estima através da dança?
Apresentações de dança ajudam as crianças a ganharem autoconfiança.

A dança pode ajudar as crianças a ganharem essa confiança fazendo exercícios passo a passo. Uma coreografia bem sucedida depois de muito treino é uma das etapas essenciais para se orgulhar.

A criança também aprende a se expressar sem ter medo do olhar dos outros, expondo-se durante apresentações de dança.

Superar a timidez subindo ao palco é um dos benefícios das aulas de dança para crianças.

Dance para melhorar o desempenho escolar

Vários estudos têm mostrado uma correlação entre a prática de atividades artísticas como dança ou música e sucesso acadêmico. Na verdade, de acordo com um estudo do The College Board, foi comprovado que os alunos que seguiram uma opção de dança, arte ou música tiveram melhores resultados acadêmicos, principalmente em matemática e ciências, independentemente de sua formação social ou origem.

Para explicar esse fenômeno, devemos levar em conta a inteligência do movimento. As ligações entre movimento e desenvolvimento cognitivo e intelectual foram comprovadas. O movimento leva o cérebro a refletir sobre a ideia e a realização, resolvendo obstáculos. Dessa forma, as crianças aprendem a pensar de acordo com o ambiente.

Atividades artísticas, como música ou dança, também são usadas para manter os idosos em boa forma.

Dance para desenvolver sua cultura artística

A cultura é importante no desenvolvimento de cada criança. Descobrir a história da dança, os diferentes estilos existentes, os grandes coreógrafos e dançarinos profissionais, isso também faz parte das aulas de dança. Dança jazz, dança africana, dança de salão, dança latina, dança moderna, todos os estilos de dança podem ajudar os dançarinos aprendizes a abrir suas mentes para diferentes maneiras de dançar ao redor do mundo.

Durante as aulas também existe a oportunidade também de aprender música! O professor de dança contribui para que crianças e adolescentes se abram para o mundo das artes e da cultura.

Inscrever seu filho na dança por paixão

Por que aprender a dançar?
A dança deve ser uma paixão acima de tudo!

Por fim, se houvesse apenas uma boa razão para matricular seu filho em aulas de dança, certamente seria "porque ele quer"! A prática da dança deve sempre ser guiada por um desejo e uma paixão. Não há absolutamente nenhum sentido em forçar uma criança a dançar; isso pode ser contraproducente.

O desejo de dançar deve ser mais forte do que qualquer coisa, e a criança deve querer ir para a aula de dança.

Reserve então um pouco de tempo para conversar com ele e descobrir o que ele realmente deseja fazer.

Viu como a dança pode trazer inúmeros benefícios para seu filho?

Quem dá o primeiro passo?

Precisando de um professor de Dança ?

Você curtiu esse artigo?

5,00/5, 1 votes
Loading...

Fernanda

Socióloga e mestre em Letras Modernas pela Sorbonne. Entre França e Brasil, trabalho com jornalismo e projetos socioeducativos há 20 anos. Apaixonada por música, cinema e yoga. Acredito na cultura e na educação como pilares de transformação da sociedade.