Música Reforço escolar Idiomas Aulas particulares Artes e Lazer Esporte
Compartilhar

Imersão cultural e linguística no Japão

De Carolina, publicado em 07/04/2018 Blog > Idiomas > Japonês > Língua japonesa exportada para o mundo

Os japoneses têm uma relação especial com a beleza, filosofia zen, mas também tecnologia e mangá.

No Japão, tudo é uma desculpa para aceitar novos desafios técnicos e estéticos e promover a língua de Mishima.

Quando falamos sobre o Japão, inevitavelmente pensamos:

  • Na beleza de suas paisagens
  • Na exportação de sua literatura via mangás,
  • Sua gastronomia: com seu sushi,
  • Seu amor pela tecnologia…

No Brasil, mas também em outros países ocidentais, a cultura japonesa é onipresente.

Vamos descobrir neste post toda a influência cultural da língua japonesa…

Gastronomia japonesa e seu inevitável sushi

Onde encontrar aulas de japonês em São Paulo?

Faça aulas de japonês no país Tradição é uma das palavras chaves da cultura japonesa

Pense na gastronomia para aprender japonês: além de saborear, você saberá algumas palavras!

Os restaurantes de sushi tornaram-se tão comuns no Brasil que já são um hábito entre muitos brasileiros. Muitas pessoas têm desejo de japonês e isso é mais comum que você pensa…

Como você sabe, sushi é o prato principal da culinária japonesa e agora cresceu em nossos pratos. Graças a essa delícia Made in Japan, a cultura japonesa continuou a ser exportada, para a felicidade de nossas papilas gustativas!

O sushi é composto principalmente de arroz e peixe cru que pode ser acompanhado por uma alga chamada “nori”.

No entanto, podemos distinguir diferentes tipos de sushi.

De fato, há o sushi nigiri que é a forma mais famosa de sushi.

Parece uma bola de arroz impregnada de vinagre com uma fatia de peixe cru em cima, que pode ser:

  • camarão
  • atum
  • salmão
  • ou dourado.

Podemos também adicionar um toque final, uma alga marinha nori que envolvemos arroz e peixe para aperfeiçoar um nó. Alguns até adicionam wasabi entre o peixe e o arroz.

Outra receita japonesa: o sushi chamado maki que consiste em embrulhar algas nori em torno de uma quantidade de arroz que envolve uma mistura de vegetais e peixe cru.

Há também rolos Califórnia. Esses não nasceram no Japão, mas nos Estados Unidos.

Eles são compostos de arroz do lado de fora e contêm um coração de algas nori e vegetais, bem como peixe cru.

O que dá água na boca… Mas também ajuda a aprender palavras em japonês (saiba tudo sobre o idioma)! Porque isso também faz parte da gastronomia japonesa.

O Brasil e o Japão têm muitas coisas em comum: a começar pela população de mais de 1,5 milhão de japoneses e seus descendentes que moram no Brasil.

Yoshihiro Murata, um conhecido chef do Japão, diz:

“O mundo inteiro está interessado em nossa culinária, por isso é importante preservar nossa cultura.”

Haiku ou arte de poema concisa

Quanto custa uma aula de japonês?

Haiku, forma poética japonesa que permite aprender japonês.

O que é o Haiku?

O haiku é uma forma poética da língua japonesa. Com certeza, outra maneira para os habitantes do país do sol nascente de exportar a cultura e a língua japonesas em todo o mundo.

Aqui estão algumas regras para se tornar um profissional de escrita do Haiku:

  • Ele é escrito em 3 linhas: curto – longo – curto (classicamente 5-7-5 sílabas),
  • Tem uma palavra que liga à realidade e à natureza,
  • Tem um intervalo: que muda o texto de uma imagem para outra,
  • Sendo muito breve, o haiku pode capturar coisas muito pequenas, momentos quase invisíveis.

Aprenda o idioma do Japão e sua influência mundial! Ah, que gracinha de menina japonesa!

Aqui está um exemplo do Haiku:

Lagoa velha (palavra da estação)
um sapo salta (hifenização)
o som da água (3 linhas, curta curta)

Aprender a dominar o Haiku permite-lhe aprender a escrever, ler e compreender a língua japonesa, mas também os valores defendidos por essa civilização.

Porque aprender haiku requer atenção, simplicidade, humor e modéstia.

Como o idioma japonês, haiku é poesia, emoção, mas também sinônimo de aprendizado a longo prazo.

Descubra também as regras de gramática e sintaxe da língua japonesa

Caligrafia japonesa: a arte de escrever

Em japonês, o aprendizado de idiomas é especial e muito importante para seus habitantes. É também uma forma de exportar a língua japonesa, que é destacada na caligrafia japonesa.

Aprenda japonês é:

  • Aprenda o autocontrole,
  • Respeitar o sistema gráfico japonês, a forma dos caracteres, o peso das palavras, a fonética,
  • Entender noções de filosofia zen,
  • Alcançar uma espiritualidade elevada.

Aprender japonês lhe dá acesso a todos esses pontos, é claro, poder ir estudar japonês no Japão e continuar a aperfeiçoar seu domínio do idioma.

A caligrafia japonesa é tão importante para os japoneses que até tem um nome: Shodo, que significa “o jeito de escrever”.

Trata-se da arte de formar os caracteres de escrita (kanji ou kana – como eles surgiram?) com um pincel caligráfico e tinta preta.

A escrita deve ser flexível, pensativa e cheia de espiritualidade.

O calígrafo traça seu trabalho de uma só vez, e não pode fazer nenhuma alteração.

Hoje em dia, a caligrafia ainda é muito popular no Japão, desde séculos!

Mas também, entre os estudantes que desejam aprender japonês, porque a caligrafia é um passo indispensável no aprendizado da língua.

A arte do mangá ao redor do mundo

Onde posso encontrar um curso de japonês online?

Ler mangá na versão original significa aprender japonês enquanto se diverte!

Quem nunca leu um mangá?

Quem não sonhou em escrever?

Essa história em quadrinhos em preto e branco já faz parte integrante da história da língua japonesa! É um sucesso entre os jovens ocidentais e orientais!

O mangá se apresenta em forma de romance e é lido da direita para a esquerda. Em mangás, uma história é contada principalmente em vários volumes (uma média de dez volumes).

E no Japão (compreenda a importância do país no mundo), todo mundo lê mangá! Os jovens estão tentando escrever. As aulas de japonês são ensinadas para aprender a escrever esse tipo de literatura japonesa.

Eles são parte integrante da cultura japonesa e afetam crianças, adolescentes, adultos e até mesmo os idosos…

Faça turismo e aprenda japonês in loco As ruas estão cheias de turistas na terra do sol nascente

Os tópicos são, portanto, muito variados (policial, história de amor, fantasia, esporte, culinária…).

Os mangás na versão original permitem:

Se eles são lidos na versão original, os mangás são uma ótima maneira de aprender japonês. Mesmo que pareça, a princípio, intransponível, a leitura pode ensinar uma língua.

Marc Bernabé, escritor, lançou uma série de mangás especialmente projetados para aprender japonês. Dentro, dezenas de exercícios que permitem aos leitores mergulhar na gramática, escrita, conjugação e no vocabulário japonês.

Com as mangas na versão original, você pode, claro, aprender a língua japonesa.

Como fazer então?

Primeiro, é melhor escolher um mangá não muito complexo, sem vocabulário especializado, e obter um volume com o equivalente em português.

A versão brasileira permitirá ao leitor entender o significado geral se ele estiver realmente perdido.

Hoje, o Brasil e o mundo inteiro são loucos por essas famosas revistinhas japonesas.

Prova: Japão continua a ser o segundo maior exportador de bens culturais mundiais, depois dos Estados Unidos, principalmente graças aos mangás, animações e filmes inspirados neles.

Mangá e desenhos animados são de fato uma verdadeira paixão, especialmente no Brasil, mas também na Ásia.

Também vemos nessa paixão a atração pelo Japão e também da língua japonesa.

Videogames: aprendendo japonês enquanto se diverte

Onde ter aulas de japonês?

Os videogames japoneses são uma ótima maneira de combinar diversão e aprender um idioma.

Com quase 100 jogos em 30 anos, Mario é obviamente o jogo que aproximou os jovens da língua japonesa.

Mantendo seu aspecto lúdico, esses videogames têm pressionado jovens brasileiros e outros ocidentais a se familiarizarem com as palavras em japonês, como:

  • kana
  • katakana do hiragana,
  • kanji,
  • romaji

O mercado de jogos japoneses lucrou aproximadamente 28 bilhões de reais em 2014.

De acordo com a estimativa da analista americana App Annie, o mercado de jogos no Japão teve um crescimento anual de cerca de 50% em 2015.

O videogame é quase nascido no Japão, aproveitando os fracassos americanos no início dos anos 80.

No Japão, a indústria de jogos tem se beneficiado do ímpeto do MITI, o poderoso Ministério da indústria japonesa, que opera a alavanca de protecionismo e isenta as indústrias de alta tecnologia.

Esse modelo gera, por exemplo, o conjunto Mitsubishi / Nintendo.

Aprenda a língua japonesa e seus hábitos Um chazinho? A filosofia zen também vem do Japão

O gigante japonês Nintendo e o console NES inundam o mundo com videogames e permitiram que milhares de crianças:

  • Descubrissem a cultura japonesa, com seus símbolos, seus valores e suas decorações,
  • Divertissem com personagens em trajes tradicionais japoneses,
  • Repitissem incansavelmente algumas expressões japonesas de seus personagens favoritos.

Todos esses aspectos serviram para colocar a cultura japonesa em nossas vidas.

Sem contar que o Brasil tem a maior população de japoneses e seus descendentes fora do Japão!

Isso mesmo, como dizemos acima, mais de 1,5 milhão de nipo-brasileiros vivem no país, principalmente em São Paulo.

A cidade tem até um bairro japonês, o Liberdade, com vendas, restaurantes, feiras, centros culturais e decoração parecida com as encontradas no Japão!

Compartilhar

Nossos leitores curtem este artigo
Este artigo trouxe a informação que você estava procurando ?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...

Deixe um comentário

avatar