Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Professor particular de alemão e o nível linguístico exigido

Blog > Idiomas > Alemão > Qual a formação necessária para dar aulas de língua alemã?

“Feliz aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina.” – Cora Coralina

Centenas de milhões de pessoas falam alemão ao redor do mundo. Somente na Europa, 100 milhões!

Você fala muito bem alemão e pensa em se tornar professor do idioma?

Chegou a hora de se lançar em uma nova aventura profissional e começar a dar aulas particulares de alemão?

Vejamos alguns dos pré-requisitos básicos necessários para se lançar nesta aventura educacional:

  • Apaixonado pela língua de Goethe, você tem um forte desejo de que existam ainda mais germanófonos no mundo;
  • Transmissão de conhecimento é uma característica intrínseca ao seu ser e você se considera portador de uma boa metodologia de ensino;
  • Você deseja se lançar na carreira de professor particular ou procura uma segunda ocupação para conseguir tirar um dinheirinho a mais no final do mês.

Se as três afirmativas acima se encaixam ao seu perfil atual, então você está quase pronto para começar a correr atrás dos primeiros alunos!

Antes de encarar o desafio de ensinar o idioma da Alemanha como língua estrangeira para brasileiros (ou qualquer outra pessoa de qualquer outra nacionalidade que queira aprendê-lo), é preciso estar bem informado sobre as qualificações e diplomas necessários para exercer esta profissão.

Afinal de contas, nós não nascemos com as habilidades de um professor de alemão, nós nos tornamos um!

Quesitos necessários para se tornar professor

Vários quesitos precisam ser levados em conta quando se deseja virar professor do idioma da Alemanha. Abaixo mostramos alguns deles.

Idade

Para trabalhar como autônomo do Brasil, é preciso ter, no mínimo, 18 anos. Sendo assim, para dar aulas de alemão por conta própria, enquanto professor particular, é preciso ser legalmente maior de idade.

Jovens com excelente domínio do idioma da Alemanha podem ser professores jovem aprendizes a partir de 16 anos. A partir de 18 anos você já pode se tornar professor de alemão.

Caso você tenha 16 ou 17 anos, já domine muito bem a língua de Goethe e se sinta confiante para começar a dar aulas, um opção é tentar ser empregado em uma escola de idiomas com o estatuto de jovem aprendiz.

Ser um jovem aprendiz, no entanto, implica várias limitações quanto à carga horária, pois o aspirante a professor precisa ter tempo para ir à escola e não pode trabalhar durante a noite.

Formação

No Brasil, para atuar como professor particular ou em escolas de idiomas, não é preciso, por lei, nenhum tipo de diploma especial. O simples fato de dominar muito bem a língua e ser capaz de trasmiti-la de maneira pedagogicamente eficaz torna a pessoa elegível a se candidatar a uma vaga ou a começar a procurar por sua clientela.

Como em todos os tipos de ocupações, quanto melhor as qualificações do profissional, melhores são as chances dele ser bem sucedido em sua carreira. Sendo assim, mesmo não possuindo um diploma universitário, o professor torna-se mais valorizado no mercado de aulas de idiomas estrangeiros se possuir um certificado de proficiência comprovando seu nível de domínio do alemão.

Na hora de criar seu anúncio de oferta de aulas, é importante mostrar aos seus futuros clientes provas concretas da sua capacitação. Professores que colocam apenas “amo muito a língua e a cultura alemãs”, mas não mencionam nenhum tipo de formação no idioma acabam sendo facilmente descartados.

Nível da língua

Diante de tal demanda, é importante ter um bom conhecimento das suas capacidades diante a língua alemã. É essencial saber em qual nível de domínio linguístico você se encontra, pois você irá atrás do seu público alvo a partir do quanto consegue ensinar.

Para se ter uma ideia mais precisa, testes de nivelamento podem ser feitos através da internet. No entanto, se você busca algo mais concreto e profissional, a melhor alternativa é se dirigir a um Goethe-Institut e fazer a avaliação presencial com eles.

Muitas escolas de idiomas não contratam professores com proficiência abaixo de C1 (classificação de acordo com os parâmetros europeus de avaliação). Assim, mais um motivo para ter um diploma que ateste seu domínio do alemão em mãos, caso seu objetivo seja atuar enquanto profissional em alguma instituição de ensino.

Sendo assim, seu controle da língua de Angela Merkel te guiará para o tipo de alunos que você deve buscar: iniciantes, intermediários ou avançados.

Muitos professores ficam na dúvida de quais critérios levar em consideração na hora de determinar o valor da hora da aula particular de alemão oferecida.

Como virar tutor do idioma falado na Alemanha? O que é necessário para se tornar professor particular de alemão?

Ensinar em escolas de idiomas

O tipo de atuação mais comum para professores de idiomas que procuram um emprego um pouco mais estável é seguir carreira em escolas de línguas. Nada impede os amantes e desejosos em ensinar alemão de se lançarem na aventura do professorado particular, mas conseguir uma boa e numerosa clientela exige tempo.

O nível necessário de domínio do idioma do professor dependerá, como citamos acima, do nível da turma na qual ele acompanhará em sala de aula.

Uma pessoa de nível B2 é capaz de dar aulas para um grupo de iniciantes, principalmente se a metodologia de ensino já for pré-estabelecida, como acontece na maioria dos cursos de idiomas. No entanto, ela não está apta a transmitir conhecimentos a alunos em nível B2 ou C1, pois não tem bagagem suficiente para tal.

Exame de proficiência

Sim, é verdade que as empresas especializadas no ensino de línguas estrangeiras preferem contratar professores bilíngues e, de preferência, portadores de algum tipo de certificado de proficiência.

Se dar aulas é mesmo o seu objetivo profissional, mesmo que seja a curto prazo, então vale a pena investir em um diploma oficial que comprove suas habilidades linguísticas. Seu currículo ficará muito mais rico e chamará mais a atenção daqueles que procuram por bons germanófonos.

Caso, no futuro, você deseje se lançar na carreira de professor autônomo e dar aulas particulares, o certificado conjugado aos seus anos de experiência nas escolas te ajudarão a conseguir um grupo ainda maior de alunos.

TestDaf

Para tal missão, o TestDaf é o exame mais completo para a obtenção do certificado de alemão com o objetivo de ensino da língua.

Por ser uma avaliação que abrange a integralidade das habilidades linguísticas necessárias para se falar bem a língua da Alemanha, o TestDaf se preocupa em examinar as competências em:

  • compreensão oral;
  • compreensão escrita;
  • expressão oral;
  • expressão escrita.

O resultado é baseado na classificação europeia de referências às línguas, com o conceito máximo no nível C2 (domínio total do idioma).

O lado bom desse teste é o fato dele não demandar conhecimentos de vocabulário especializado, mas sim de um entendimento global do alemão e por isso ele é o mais adequado para quem quer comprovar o domínio do idioma para fins educativos do próprio.

Existem várias maneiras de divulgar seu trabalho de aulas particulares de alemão

Falar bem alemão é fundamental para se conseguir um diploma na língua. A expressão oral é testada para se obter alguns tipos de certificados de proficiência de alemão.

Existem 2 aplicações de TestDaf por ano e as inscrições, assim como a data da prova no período desejado podem ser feitas e consultadas no Instituto Goethe mais próximo de onde você se encontra.

Goethe-Zertifikat

Ao consultar o site do famoso instituto de difusão da língua e da cultura alemã, você verá que existem outros certificados que qualificam os germanófonos dentro da escala europeia do domínio de idiomas.

Os mais genéricos (no sentido de abrangerem o alemão como um todo e não apenas especificidades dentro de um campo da língua) são os contidos na gama “Goethe-Zertifikat“.

Diferentemente do TestDaf, apenas a parte de compreensão oral é levada em conta nesta avaliação. A semelhança é que ele também avalia os germanófonos até o nível C2 e agrupa três diplomas em um.

Agora que você já está um pouco mais informado sobre as provas de proficiência em alemão, vale reforçar o conselho de investir em uma delas caso você ainda não possua nenhuma.

Além de possuírem uma ótima reputação e serem reconhecidas no mundo inteiro, um diploma de tal gabarito passa mais segurança aos seus alunos em potencial, exercendo um papel muito importante na hora de construir e ganhar a confiança da sua futura clientela de pupilos.

Lembre-se ainda de acrescentar todas as suas outras experiências ligadas ao idioma alemão ao seu anúncio de aulas (intercâmbio, cursos, etc), pois elas também servirão de atrativo para quem procura um bom professor.

Dar aulas para profissionais

Seu objetivo não é dar aulas de alemão de maneira geral em escolas de idiomas, mas sim para profissionais à procura de uma formação específica ligada à língua?
Este público alvo é composto de pessoas que trabalham em empresas alemãs e precisam desenvolver determinadas habilidades linguísticas?
Ou ainda empresários que se lançam em empresas internacionais situadas em países germanófonos?

Para ser capaz de orientar alunos com este perfil, você precisa ser igualmente um professor qualificado, pois algumas peculiaridades do alemão só são conhecidas quando atuamos na área em questão.

Não adianta um tutor com ótimo domínio do idioma, mas sem nenhum conhecimento de vocabulário de Direito ou Administração dar aulas para alunos desejosos em aprender alemão voltado especificamente para esses campos.

É por isso que existem certificados de proficiência focados em determinadas áreas do conhecimento e eles são uma excelente opção de diploma para os professores que anseiam explorar este perfil de alunos.

Widaf

Widaf é um teste que foi criado especialmente para atender às necessidades de empresas ligadas à língua alemã.

Nele, o candidato é avaliado de acordo com suas habilidades linguísticas ligadas ao campo profissional.

ZBD

Aplicado pelo Goethe-Institut, o ZBD testa as capacidades de compreensão oral e escrita do candidato dentro de um ambiente empresarial.

O vocabulário de Direito é muito específico e o professor de alemão precisa estar bem capacitado para ensiná-lo. O professor de alemão precisa se capacitar caso queira dar aulas para alunos muito especializados.

PWD

Assim como o ZBD, o PWD pode ser feito através do Instituto Goethe. Ele avalia igualmente as habilidades de compreensão oral e escrita de quem faz a prova.

Se você pretende, além de dar aulas, trabalhar em uma empresa alemã, então esta é a sua melhor opção, pois é a única reconhecida profissionalmente pelo fato de atestar um nível de alemão avançado.

GDS

O GDS é uma das provas de proficiência da língua alemã mais difíceis que existe. Também conhecida como “Großes Deutsches Sprachdiplom“, ter em mãos tal certificado é provar para todo mundo que você domina o alemão praticamente como um nativo!

Para se ter uma ideia, o portador de um GDS é laureado com um nível do idioma superior a C2! Não bastasse o status, o portador pode, inclusive, virar professor na própria Alemanha! É pouco ou quer mais?!?!

E antes de começar seu trabalho como professor particular, lembre-se que é preciso entender como montar e estruturar as aulas de alemão.

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...

Deixe um comentário

avatar