Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Caia na estrada e estude a língua inglesa na Nova Zelândia!

De Fernanda, publicado dia 05/04/2017 Blog > Idiomas > Inglês > Aprenda inglês na Nova Zelândia!

Nova Zelândia é o país perfeito para cair na estrada. Montanhas, vales, campos a perder de vista, colinas, cenários do Senhor dos Anéis, florestas tropicais, praias com águas claras, fiordes, rios…

Uma paisagem e uma riqueza natural impressionante!

Mas antes de atravessar o mundo para ir ao encontro dos Kiwis (como são chamados os neozelandeses e também o pássaro típico da região), é preciso se dedicar seriamente para aprender inglês! Sua viagem vai depender, em parte, do nível da língua e, ainda mais importante, da sua compreensão do sotaque da população local!

Será que você sabe qual o significado de viajar para aprender Inglês?

Descubra aqui as peculiaridades, mas também opções de visto para estender sua estadia, além dos melhores lugares para conhecer…

Quanto tempo você pode ficar na Nova Zelândia?

Vamos dizer que o seu objetivo principal seja estudar inglês no exterior durante algumas semanas para preparar sua próxima viagem para a Nova Zelândia.

Nada mal como projeto, certo?

Então é melhor começar a se preparar desde já, com um professor particular de inglês ou numa escola privada, porque pode ser que você resolva ficar mais tempo na “Terra Média” (os fãs de O Senhor dos Anéis vão entender)!

E porque, graças ao famoso Working Holiday Visa (WHV) – este visto de trabalho e de férias que também é cedido pela Austrália ou pelo Canadá -, você pode ficar vários meses por lá. O visto lhe dá uma autorização de residência por até 12 meses na Nova Zelândia, e você pode renovar por mais outros 3 se conseguir justificar 3 meses de trabalho em áreas específicas (como horticultura e vinho, por exemplo).

Então arregace as mangas, pois você tem cerca de 15 meses de aventura e de estudos pela frente! Mas antes disso, veja os critérios necessários para a obtenção dessa autorização:

  • Apresentar um passaporte válido (inclusive por até 3 meses após o seu retorno);
  • Ter entre 18 e 30 anos de idade;
  • Não ter dependentes;
  • Ter uma economia de 4.200 dólares neozelandeses e um seguro de saúde em caso de repatriamento.

Aprender inglês com o sotaque neozelandês!

Como aprender inglês na Nova Zelândia? Caia na estrada na Nova Zelândia em busca da pronúncia kiwi!

Nós utilizamos mais acima o termo “kiwi” para falar do povo local. Mas os Kiwis são pássaros nativos do tamanho de uma galinha doméstica. Com aspecto bem característico e bem bonitinhos, os Kiwis, que têm hábito noturno, se tornaram o animal emblemático da Nova Zelândia.

Além disso, também chamamos os neozelandeses de “Kiwi”, bem como seu sotaque típico na língua inglesa. E para vocês, que estão aprendendo inglês como principiantes… Preparem-se para sofrer com o sotaque local!

Sabia que mesmo para alguém que domina completamente a pronúncia do inglês da Inglaterra, por exemplo, o sotaque kiwi é bem difícil de decifrar de imediato? Por vezes, ele se aproxima do britânico e por vezes lembra um inglês do campo, do interior, com uma pronunciação forte e carregada.

Até os viajantes que já estão familiarizados com o sotaque australiano dizem que o neozelandês é difícil. Imagine os norte-americanos… Eles admitem ter problemas por lá!

Mas se tivéssemos que lhe dar uma dica para ajudá-lo a se adaptar a este acento tão especial, gostaríamos de dizer uma coisa: esqueça tudo o que você sabe sobre a pronúncia da letra “E” na Nova Zelândia! Nós não sabemos nem como nem por que, mas a pronúncia de muitas palavras na terra de Jonah Lomu e de Frodo é bem louca:

  • Ten (dez) é pronunciado como “teen”.
  • Durante sua viagem, quando você pedir a direção para alguém e lhe disserem on the left (à esquerda), prepare-se para ouvir: on the lift.
  • Peça a alguém uma caneta, a pen, só para ouvir a resposta: Here’s your pin sir. 
  • Pets (animais) é pronunciado “pits” e assim por diante para muitas palavras!

Vamos lá! Não desanime e, acima de tudo, não hesite em estudar os diferentes sotaques ingleses antes de sair de casa!

Atravessar a Nova Zelândia da Ilha do Norte à Ilha do Sul

Não importa se você tem dias, semanas ou meses para viajar: a Nova Zelândia lhe oferece oportunidades maravilhosas para se aventurar, falar inglês e progredir em seus estudos.

Nós realmente insistimos neste ponto, mas antes de você ir lá para cair na estrada, é realmente aconselhável aprimorar o nível do seu inglês. Fazer uma viagem de carro pelo desconhecido significa se virar em situações inusitadas diariamente.

E para isso você vai ter de interagir com os neozelandeses (um povo muito simpático e aberto, aliás) e com mochileiros de todo o mundo que também foram em busca da Terra Média.

Que tal usar nossas frases úteis em inglês para se comunicar com o povo local?

A Ilha do Sul, do Fiordland ao Mar da Tasmânia

Na opinião de muitos, se for preciso escolher uma das duas ilhas da Nova Zelândia, é o Sul que ganharia mais votos. Nós entendemos bem o porquê.

Fjordland

Você que está atualmente tentando melhorar o seu Inglês para esta morar um tempo na Nova Zelândia, já deve ter ouvido muitos “rain” e “bad weather” quando o assunto é tempo. A verdade é que a Nova Zelândia é um país que sofre muito com a mudança climática, e o tempo é imprevisível!

Além de ser a terra dos fiordes! Na região de Fiordland, este braço do Alpes do Sul que se estende por mais de 12 000 km² ao sul da ilha, chega a chover por cerca de 300 dias por ano. É por isso que, se você for visitar esses fiordes milenares da região ou escalar montanhas, acredite em nós: vale a pena investir em blusas de frio e comprar um bom corta vento!

Akaroa

Uma cenário encantador, cheio de história e surpresas: Akaroa é parada obrigatória durante a sua viagem. A menos de 1 hora de Christchurch, a maior cidade da Ilha do Sul, Akaroa está escondida entre colinas e prados.

Poucos quilômetros antes de chegar, você já avista ao longe a aldeia rodeada pelo oceano. A vista é impressionante.

E, por fim, ao entrar em Akaroa, não se surpreenda ao ver um monte de palavras em francês! A cidade foi colonizada por ingleses e por franceses vindos de La Rochelle em 1840. Mas foram os últimos que mais marcaram mais a cultura local. Tirando a língua inglesa, o clima francês domina: nomes de ruas e praças, comida…

O que visitar na Nova Zelândia. Akaroa: um pedaço do paraíso do outro lado do mundo!

Este pequeno paraíso fica assentado no que já foi uma cratera de um vulcão.

Arthur’s Pass

Bem-vindo ao terceiro maior parque nacional da Nova Zelândia! Localizado no meio da Ilha do Sul, Arthur’s Pass é uma terra intocada, sem qualquer vestígio humano, onde se encontram mochileiros, campistas e caminhantes de todo o mundo.

Durante a sua viagem pelos vales do Parque Nacional, você vai ter a oportunidade de se deparar com o lendário Castle Hill. É uma colina ensolarada, onde estão dispostas grandes rochas, também conhecidas por pedras espirituais. Uma verdadeira Stonehenge em tamanho XXG!

Em vez de passar batido pela Arthur’s Pass, fique à vontade para dormir sob as estrelas…. Pura magia!

Mar da Tasmânia

Sua viagem pela Ilha do Sul pode acabar no Mar da Tasmânia.
A oportunidade perfeita para passear pelas montanhas e alpes neozelandeses e se banhar nas praias de águas azul-turquesa. O lugar ideal para fazer mergulho e caiaque!

A Ilha Norte: Hobbits e pára-quedismo

Lago Taupo

O Taupo está localizado no coração da Ilha do Norte. Com uma enorme extensão de 616km² de água, é local preferido dos neozelandeses e turistas para se divertir (muitos festivais são realizados ali) ou fazer esportes radicais!

O que conhecer na Ilha Norte neozelandesa? A Nova Zelândia vista do céu.

O lago Taupo é conhecido por ser um dos melhores pontos de pára-quedismo do mundo. Imagine subir por cerca de 4 ou 5 km, mergulhando em um céu azul e uma paisagem maravilhosa…. Um cenário mais do que paradisíaco e perfeito para aventureiros de plantão!

Monte Tongariro

Este é um dos vulcões mais ativos do mundo. A cerca de 45 minutos ao sul do lago Taupo, fica um dos passeios mais emocionantes e famoso de Nova Zelândia: The Tongariro Alpine Crossing.

Esse é o nome da famosa caminhada de quase 9 horas que te leva de um lado do Monte Tongariro para o outro.

Depois de mais de 19,4 quilômetros de caminhada, você chega a uma altura de quase 2.000 metros e avista os lagos de enxofre do vulcão. O clima é muito instável, mas também é o que faz o charme desta caminhada.

Outro detalhe que não deve ser esquecido, especialmente para os fãs de O Senhor dos Anéis: o Monte Tongariro foi cenário para Peter Jackson, Frodo e Sam e algumas de suas cenas em Mordor (O Senhor dos Anéis: As Duas Torres).

Aldeia Hobbits

O Senhor dos Anéis, a Terra Média e a Nova Zelândia sempre estarão associados. Na direção de volta para Auckland, você vai descobrir a cidade dos hobbits: Hobbiton.

Não espere mais nem menos do que o cenário visto no próprio filme. Ali foram filmadas cenas externas do Contado, com Frodo, Bilbo e todos os seus amigos hobbits.

Senhor dos Anéis: mais um motivo para aprender inglês na NZ! A vila dos Hobbits: passagem obrigatória durante sua viagem com o Working Holiday Visa na Nova Zelândia.

O passeio de duas horas vai custar 80 dólares neozelandeses – minutos valiosos, tanto para os fãs como para os leigos. Dividida em grupos, a atividade é acompanhada por um guia local. Ter aulas particulares de inglês vai te ajudar bastante a entender alguns super segredos dos bastidores que o guia costuma revelar…

Se a Nova Zelândia não é sua primeira escolha, você pode ir para a Inglaterra e aprender inglês! Este país é um dos melhores destinos para estudar o idioma!

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...

Deixe um comentário

avatar