Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Como se preparar para seu teste de francês?

De Olga, publicado dia 26/02/2018 Blog > Idiomas > Francês > Planeje-se para sua prova de língua francesa!

Existem mais de 274 milhões de pessoas no mundo que falam francês, é a língua oficial de 29 países em todo o mundo. Se você escolheu este idioma no Ensino Médio e deseja seguir carreira com a língua francesa, prepare-se, você terá que passar nos exames e tentar obter boas notas.

Encontre aqui algumas dicas para se preparar perfeitamente para os exames de francês.

Como são as provas em língua francesa para o Ensino Médio?

Embora nem todos os estudantes tomem o francês como segunda língua estrangeira, todos os exames orais têm partes comuns.

Todos os alunos que estudam francês terão exames orais e escritos. Os testes de francês no Ensino Médio do Brasil são avaliados como em todas as outras provas de proeficiência as quatro competências seguintes:

Compreensão oral
A expressão oral
Compreensão de leitura
A expressão escrita

Os exames finais são geralmente escritos

As quatro competências são avaliadas durante o ano e contam na porcentagem da nota final do curso.

Os exames orais geralmente são feitos antes do final do curso, através de exposições, debates, conversas entre alunos etc. Os exames de compreensão oral geralmente são feitos com mídia audiovisual: programas de rádio, programas de televisão, músicas em francês etc. Esses testes são conhecidos como “écouter” (chama-se “escutar”, em francês) e funcionam da seguinte maneira:

Os áudios não são muito longos. Embora dependa do professor e da escola, a faixa geralmente é ouvida duas ou três vezes e todo o teste dura aproximadamente 25 minutos.
Entre cada audição, os alunos recebem alguns minutos para responder as perguntas.
Após duas ou três vezes para ouvir, os alunos têm alguns minutos extras para terminar de escrever as respostas.
O teste de expressão oral, além de ser avaliado através da participação em aula, pode ter um teste específico. Pode ser realizada de várias maneiras (debates, apresentações, interações…), mas observe: um assunto é dado ao aluno e ele fica com cerca de 5 minutos de preparação. Assim o aluno faz uma apresentação do assunto de cerca de 5 ou 10 minutos.
Por outro lado, há estudantes que estudam francês como primeira língua estrangeira. Os alunos que estudam francês como primeira língua estrangeira como parte de um programa bilíngue receberão exames finais com o professor. O teste de expressão oral pode ser uma apresentação de um tópico, um debate, uma entrevista ou um jogo com o assistente de idiomas. O teste de compreensão oral será também um “écouter”. A diferença é que as perguntas serão mais específicas, o áudio mais longo e, em geral, haverá um maior nível de demanda das questões.

As provas escritas de francês

As provas escritas de francês no Ensino Médio são a base do exame final. Nelas, o conhecimento do aluno sobre gramática, vocabulário, cultura, conhecimento é avaliado. Para a maioria, isto é, os estudantes no Ensino Médio, os exames escritos finais têm duas partes: compreensão de leitura e expressão escrita. O teste de compreensão escrita geralmente consiste em responder várias questões de gramática e vocabulário, bem como escrever um breve ensaio sobre um tema estudado durante o curso. São divididos da seguinte forma: dar respostas a questionários de compreensão com três ou quatro documentos escritos tratando de situações da vida cotidiana. Ele consiste em ler um texto e responder perguntas abertas, verdadeiras ou falsas ou de múltipla escolha. Com relação aos estudantes de francês como primeira língua estrangeira, os testes de expressão escrita e compreensão de leitura são mais exigentes. As perguntas são mais específicas e os textos são mais longos.

Nos testes, o professor coloca várias perguntas ao aluno (ou interação com outros colegas de classe)

Os alunos podem escolher se candidatar de acordo com o seu seu nível de francês, por isso existem os chamados DELF e DALF. Os exames de compreensão e expressão escrita geralmente têm uma primeira parte que consiste em uma análise textual através de várias questões: o primeiro, do tipo verdadeiro ou falso, justificando as respostas; o segundo, uma breve explicação de uma das frases no texto; o terceiro, encontre um sinônimo de duas palavras no texto e encontre duas palavras no texto que correspondem à definição dada; o quarto, complete oito frases com pronomes, tempos verbais etc. E, finalmente, o quinto, escreva uma pequena redação de 100 a 120 palavras.

Assim, o teste de expressão escrita consiste em fazer uma redação de duas produções escritas breves (carta amigável ou mensagem):

– descrever algum evento ou experiências pessoais;
– escrever para convidar, agradecer, se desculpar, pedir informações, informar, parabenizar…

Este exame dura 45 minutos e faz parte do bloco obrigatório, ou seja, as quatro competências segundo o quadro europeu de línguas.

Os temas de língua e literatura francesa têm uma parte escrita, com um comentário de texto e um argumento, e uma parte oral, na qual o aluno deve falar por 20 minutos sobre um tópico. Mais uma vez, um comentário sobre uma imagem, texto ou gráfico será feito, juntamente com o desenvolvimento de um dos tópicos apresentados durante o curso. A vantagem de fazer este programa é que, no final dos três anos de Ensino Médio, o título de possuir um certificado em língua francesa é obtido.

Para os exames escritos, os alunos têm uma hora para realizar a redação.

Assim, com os exames de proeficiência e a bagagem da língua francesa desde a escola, os alunos terão a oportunidade de entrar em universidades na França e nos países francofonos, bem como em outros países da UE. Também serve como certificado de idioma.

Provas de francês: principais passos para se obter uma boa nota no exame oral

Acabamos de ver que os exames de francês oral nem sempre são os mesmos. Assim, a primeira coisa que você precisa fazer é descobrir como os testes orais funcionam em sua escola, faculdade ou instututo de línguas. Então, prepare-se!

Compreensão oral

Claro, os exames de francês são preparados ao longo do ano. Você não pode aprender um idioma e suas características em uma semana, o importante é estar em contato com o francês todos os dias! Para ter confiança no teste de compreensão oral do francês, é necessário estar familiarizado com os sons e a coerência da linguagem diariamente e ao longo do ano.

Não há necessidade de passar horas e horas estudando: apenas alguns minutos por dia já basta para revisar. Você pode ouvir o rádio com músicas em francês, através de uma estação de notícias em francês, ou mesmo estudar as letras da música mais recente. Isso é o suficiente!

Claro, devemos sempre  revisar:

Tome boas notas.
Sintonize sua audição pouco a pouco.
Tente responder as perguntas de quem, o quê, quando, onde, como e por quê?
Concentre-se nas palavras que você entende, não as que você não entende.
Finalmente, tente praticar com exercícios de exames de outros anos ou que você já tenha feito durante o curso!

Expressão oral

Não há fórmulas mágicas para preparar bem a prova oral: você tem que falar francês!

Falar na frente de um espelho, por exemplo, nos permite ver a posição que adotamos e o que podemos corrigir na pronúncia e nos gestos. É necessário falar com clareza e precisão. Os professores ficam com uma má impressão quando precisam pedir a um aluno para repetir porque não falam alto o suficiente. Assim o aluno fica mais nervoso, porque ele acha que ele pode ter dito algo incorreto ou que cometeu mesmo um erro!

Para fazer o teste muito bem preparado, é bom também praticar com um colega de classe: um é o aluno e o outro, o professor. Então você pode rever, estruturar idéias e gerenciar o estresse quando o dia do teste chegar.

Não se esqueça de que, para obter boas notas em exames orais de francês, você tem que dar respostas espontâneas: não repita expressões e tente não gaguejar!

Obtenha o auxílio necessário com um professor particular de francês

Um professor particular para aprender francês pode ser de grande ajuda para passar em todos os exames e ter bons resultados, do fundamental até o ingresso às Universidades e pós-graduação, você tem a chance de estudar com os melhores professores.

Para uma maior credibilidade: um curso intensivo com um professor experiente logo antes das datas dos exames de francês pode dar uma maior confiança ao aluno. É uma boa maneira de evitar uma reprovação!
Para motivar: o professor estará lá para ajudar e reforçar ao aluno a rever os exames.
Para trabalhar com a metodologia apropriada: às vezes, o único problema está na forma de estudar. O professor ajudará nas correções e orientará o aluno no caminho certo.

Por que um professor particular?

O que o professor faz?
Principalmente, ele se adapta ao aluno e suas dificuldades. Como rever bem? Basta seguir o método que seu professor lhe dá! Um peso menor para aqueles que nunca sabem por onde começar. Você tem dificuldades para o exame oral? Nem todos aprovam na primeira vez. O professor estará lá para corrigi-lo e dizer o que está indo bem e o que está errado. Isso lhe dará dicas para melhorar.

Você tem dificuldade em escrever? Os exames finais são escritos principalmente. O professor irá ajudá-lo a revisar e auxiliar você a fazer exames de anos anteriores. Você corrigirá os exercícios juntos e você poderá comentar os erros: assim você poderá alcançar o nível exigido nos exames.

Você precisa de um professor particular durante todo o ano?
Não tem problema! Acesse o Superprof.com.br para encontrar o professor de francês perfeito para você. Com aulas de frances online ou presenciais particulares em média de R$60/mês, você vai se sentir mais à vontade e vai aprender a gerir o estresse, assim como você terá mais confiança e, claro, um nível melhor que a maioria dos seus colegas.

Se esta ideia chama sua atenção, nossa plataforma oferece inúmeros professores de francês com taxas diferentes.

Como se preparar até o dia das provas?

Não esquente a cabeça! A preparação para o exame de francês é feita desde o início do curso, e mesmo antes! Nenhuma língua é aprendida em algumas semanas. Estudar o francês desde o início é a melhor maneira de obter uma boa nota nos exames de francês e ter mais uma vantagem para o ensino superior e para as futuras propostas de emprego.

Em todas as aulas de francês o aluno em geral: retém 20% do que ele ouve, 70% do que ele diz e 90% do que ele faz. Ir para a aula para não fazer nada não é uma boa maneira de estudar.
Dicas práticas: releia as anotações do dia logo após a aula para absorver o conhecimento. Para ficar mais fácil, faça uma guia e planejamento dos estudos. Você começará por sublinhar os elementos essenciais da aula enquanto você está lendo suas notas. Em seguida, escreva, faça esboços e simplifique lendo novamente para reter o aprendido.

Seja curioso: duas ou três horas de francês que você tem uma semana não são suficientes para se sentir completamente à vontade. Então, tente descobrir: use o dicionário, encontre informações sobre a cultura francesa, a França e seus departamentos e destritos.

Finalmente, pratique fazendo exercícios!

Com os amigos, você pode aprender de um jeito ainda mais fácil e dinâmico: se para a parte escrita, é melhor estudar sozinho, para a parte oral, é exatamente o contrário. Fazer exames simulados ajuda a prepara-lo melhor para o teste de francês oral. E isso o motiva muito mais! Mas isso só funciona se você praticar com alguém responsável.
Utilize exercícios corrigidos: no final, os exames de francês acabam sendo semelhantes. É melhor usar exercícios ou exames já corrigidos de outros anos. Assim, você aprenderá a responder as perguntas melhor. Mas atenção: não pegue e baixe provas muito antigas, pois você corre o risco do assunto estar desatualizado.
Procure fazer pausas enquanto estuda: para aprender de forma eficaz, são necessárias pausas. Não podemos nos concentrar indefinidamente. Tente fazer uma programação: estudar uma hora e meia e demorar quinze minutos de intervalo, por exemplo. E então complete seus estudos!
Não se estresse com o tempo: a pessa é inimiga da perfeição, isso é fato! Aprenda a respirar se você sofre de ansiedade. Uma grande inspiração é uma excelente exalação. Essa é a melhor coisa para relaxar.
Priorize as regras no dia do exame: escreva claramente em azul ou preto, respeite o espaço entre linhas e também as margens. Não rasure, geralmente isso não é aceito. Entregar uma prova “limpa” serve para ganhar pontos com facilidade, ou pelo menos, para não perder.
Esteja preparado para o dia da prova: durante o estudo, é essencial manter os hábitos de uma vida saudável. É necessário levantar e acordar cedo, beber água, comer bem e praticar esportes para se divertir e se concentrar melhor.

Resumindo:

É preciso saber exatamente quais exames são essenciais antes de começar a estudar.
A preparação dos exames começa no início do ano, especialmente a preparação de testes orais que geralmente são os mais difíceis para os alunos. Ouça o rádio, assista as notícias em francês, estude as letras das músicas da moda… o que quiser, portanto que seja em francês!
Um professor particular pode ajudá-lo a avaliar, gerenciar o estresse, encontrar uma metodologia adaptada a você e motivá-lo.
Siga estas dicas e você verá como os exames de francês serão moleza de passar!

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (média de5,00 sob 5 de 1 votos)
Loading...

Deixe um comentário

avatar