Música Reforço escolar Idiomas Aulas particulares Artes e Lazer Esporte
Compartilhar

Tratamento da depressão pode contar com o apoio de um personal trainer

De Fernando, publicado em 22/04/2018 Blog > Esporte > Personal trainer > Melhore seu estado depressivo com atividades físicas personalizadas

Um estudo indica que, 5,8% dos brasileiros são afetadas pela depressão, os maiores números da América Latina. E, ainda segundo a OMS, cerca de 3,6% da população no Brasil sofre de transtornos de ansiedade (o que pode acontecer em concomitância com a depressão).

Os números que indicam os transtornos mentais são um problema real de saúde pública, especialmente quando sabemos que a depressão está fortemente associada ao aumento da mortalidade.

O treinamento esportivo e a atividade física têm efeitos positivos no bem-estar. E, para alguns pacientes, estar acompanhado de um treinador pessoal tem sido o único remédio que os impede de piorar ainda mais os quadros de depressão. Misturar esporte e saúde é sempre uma boa ideia.

Aqui temos algumas dicas muito interessantes para controlar melhor essas situações com o bom uso dos esportes!

não abandone o tratamento tradicional A depressão precisa ser acompanhada por uma equipe especializada

As virtudes do esporte regular contra a depressão

Agora é um fato da vida: praticar esportes, até mesmo um pouco de exercício regular pode ajudar a combater a depressão. Esporte age sobre a química do corpo humano, é um poderoso antidepressivo natural e sem efeitos colaterais prejudiciais.

Ter uma atividade física  gera externalidades positivas  na saúde física e mental da pessoa: depois de correr, fazer exercícios de ioga, fazer ginástica, musculação ou zumba, o corpo está cansado e aliviado de tensões.

O apoio de seu treinador de esportes vai ajudar a se sentir melhor através da liberação de neurotransmissores (mensageiros químicos do cérebro, incluindo a dopamina e serotonina ), o que acontece em quantidades muito pequenas em pessoas com depressão.

Esses neurotransmissores ajudam a regular as emoções e afetam a fisiologia do corpo humano, como a melatonina.

Em pacientes com depressão, a melatonina (o chamado hormônio do sono) e o metabolismo estão desordenados .

Os estudos sobre o assunto descobriram que 30 minutos de atividade física única por dia, durante um período de 3 a 5 dias, já pode melhorar os sintomas típicos da depressão.

Porque o esporte tem inúmeros benefícios físicos e emocionais:

  • Eliminar distúrbios do sono,
  • Eliminar transtornos de ansiedade,
  • Aprender a gerenciar o estresse
  • Excreção de endorfinas, hormônios necessários para o bom humor,
  • Combater o isolamento social (para o esporte em grupo),
  • Liberar neurotransmissores,
  • Dormir melhor, soltando a tensão muscular.

Estímulos do corpo e da mente que os permitirão combater as síndromes de tristeza, ansiedade, irritabilidade, estresse, fadiga, raiva e falta de confiança em si.

Alongamento de manhã e à noite por recomendação do treinador – o  personal trainer – e até mesmo alguns exercícios de ioga, e então abdominais e flexões vão ajudar a sentir-se melhor a médio e longo prazo!

O que o esporte na academia ou no treinamento em casa pode combater a depressão e evitar a piora em quadros de transtornos mentais?

Praticamente tudo de ruim pode ser melhorado com musculação, treinamento cardiovascular, ginástica, corrida, aeróbica, pois assim que o corpo humano começa a se mover, ele começa a se libertar das cargas que o atrapalham.

Lembre-se que a depressão é uma doença que precisa ser acompanhada por uma equipe multidisciplinar, portanto, não deixe de procurar ajuda de psiquiatras e psicólogos. O exercício será uma indicação de todos!

Descubra também se o esporte e o diabetes são compatíveis.

Ative sua mente com o trabalho certo Que tal encontrar um grupo que goste do mesmo exercício que você?

A socialização na associação esportiva

A depressão é uma doença perniciosa, porque encoraja a vítima a entrar no mal-estar.

Após um longo período de isolamento social, a integração de uma associação esportiva ajuda a romper com a depressão.

Para conhecer pessoalmente alguém cujo estado depressivo leva ao comportamento bipolar perpétuo, nada pode afetar o humor da pessoa afetada.

Não encontrando o fim de seu desconforto, a pessoa adquire gradualmente a vergonha de ser “anormal” e pode vir a retirar-se para o isolacionismo – sintoma e consequência da doença – não Solicitar demais e preocupar seu entourage próximo.

Além disso, um fenômeno de evitação e isolamento social pode ocorrer porque o campo das relações sociais está gradualmente se estreitando.

Nos casos em que a doença é mais grave, o surgimento de ideias mórbidas aumenta o risco de suicídio, o que deve ser evitado primeiro.

É inegável que  o esporte praticado de maneira coletiva reduz consideravelmente o isolamento social.

Durante um esporte em grupo – corrida, aulas de zumba, ginástica em grupo, esportes coletivos, etc. – a pessoa previamente isolada é convidada a compartilhar suas emoções e a se motivar provocando a autotranscendência.

Há até clubes (muito poucos) para pessoas deprimidas, onde um treinador pessoal, experiente e graduado cuida de seu paciente e motiva-o regularmente a se exercitar.

Uma diminuição no desconforto e isolamento pode ser simplesmente fornecida através do apoio de um ente querido no ginásio.

Caso contrário, basta indicar onde e como encontrar um treinador : coaching individual com um  personal trainer  esporte profissional pode vir a preencher o déficit emocional das pessoas em depressão.

É como uma reintegração social após anos de prisão: a depressão faz com que alguém se sinta preso à sua síndrome, de modo que o esporte praticado com uma ou mais pessoas o faz recriar o vínculo social.

O humano é um animal social que não pode viver realizado sem estar interconectado com seus semelhantes. As relações sociais tecidas no ginásio ou com o seu treinador doméstico ajudam a combater a síndrome depressiva.

As virtudes do treinamento esportivo contra o estresse cotidiano

O estresse é uma das causas mais comuns de depressão. Estresse no trabalho, conflitos familiares, precariedade, desemprego: marcadores sociais de depressão que o coach esportivo pode atenuar.

Eventos de vida estressantes e riscos sociais podem levar a estados depressivos mais graves:

  • A perda do emprego,
  • Frustrações,
  • Traumas,
  • A perda de um ente querido,
  • Conflitos em casa ou no trabalho,
  • Reveses judiciais …

Profissionais de psicoterapia descobriram que esses fatores – fortemente existentes ​​na sociedade – exacerbam a vulnerabilidade da doença e podem fazer com que a depressão se desenvolva mesmo diante de um evento inicialmente insignificante.

Deste ponto de vista, o treinamento esportivo parece ser um bom antídoto .

Por quê?

Porque a prática de uma atividade esportiva regular na academia com um treinador esportivo pessoal, pode limitar as conseqüências físicas da doença que podem ser apresentados após o início de um quadro já instalado, que pode ser representado por:

Esportes na academia liberarão dopamina (o hormônio do prazer), adrenalina e endorfina que afetarão o humor da pessoa, reduzirão a ansiedade ou o estresse, criarão distração e o farão esquecer idéias negativas ou tristeza.

o indivíduo deprimido precisa de apoio Exercícios coletivos podem ser uma boa para a socialização

Treino esportivo: uma boa dose de endorfina?

Como já mencionamos, fazer esportes libera neurotransmissores e secreta hormônios de bom humor.

Uma decepção no amor, uma música triste, lembranças reminiscentes podem piorar o estado de treisteza. A atividade física liberará os hormônios do bem-estar!

A endorfina é um neurotransmissor criado pela glândula pituitária e age sobre os repetidores de opiáceos, aqueles que regulam precisamente a resposta ao estresse, dor e emoções.

Durante a atividade física intensa – esporte, dor, sexo – o cérebro é irrigado por esses neurotransmissores, criando prazer e bem-estar. Já as pessoas deprimidas sofrem uma deficiência desses mensageiros químicos do cérebro, que estão em quantidade insuficiente.

O personal trainer esportivo, além de melhorar a condição física, ajuda seu cliente a sair um pouco mais da depressão!

Como o suor, o movimento, seu corpo oxigenará e evacuará as toxinas, criando um ciclo virtuoso com propriedades terapêuticas bem eficientes como antidepressivos naturais.

Liberar a tensão muscular e liberar endorfinas através dos esportes também pode ajudá-lo a dormir melhor e reduzir seu nível de estresse. Descubra se esportes e hipertensão são compatíveis.

Fazer aulas de treinamento esportivo individual ou em grupo, sem dúvida, terá um custo significativo. Mas vale a pena pagar o conhecimento do treinador para que seu estado possa ser cada dia melhor, não é mesmo?

yoga pode ser uma boa ajuda no seu trabalho psicologico Adicione atividades de autoconhecimento ao seu tratamento

Confiança, estilo de vida e prazer: palavras-chave do coaching esportivo

O fitness também está eliminando o estresse, encontrando um estilo de vida saudável, tem uma dieta equilibrada em relação à sua atividade física. E se recuperar os encantos da vida passados ​​por um bom prato? O estilo de vida e o esporte são a base para a cura!

Tendo fases de mal-estar de vez em quando – a vida tem sua parcela de infortúnios – podemos atestar que um mínimo de exercícios físicos diários, ajuda a encontrar a forma, o bom humor e a confiança em si mesmo.

E parar temporariamente com a atividade física pode até mesmo provocar um forte retorno do bumerangue aos males anteriores: quanto mais você pratica esportes, mais o corpo humano pede mais.

Depois de examinar a questão do sofrimento que os saltos de humor depressivos podem gerar, verifica-se que os alvos de ação do treinador esportivo são precisamente aqueles que ajudam a curar qualquer estado ruim do corpo e da mente.

O esporte melhora a autoconfiança e ajuda a atrair em si tudo o que é positivo – isto é, não se deixar levar pela negatividade. O exercício físico pode ser muito bem complementado também pela meditação!

Quando se tem uma atividade esportiva regular, também se está inclinado a adquirir um estilo de vida melhor quase que automaticamente:

  • Melhor nutrição,
  • Melhor recuperação do sono
  • Aumento das habilidades cognitivas,
  • Melhores habilidades motoras
  • Maior mobilidade.

Os hormônios do prazer (dopamina, serotonina) secretados pela atividade física permitem, finalmente, instigar novamente o prazer nas ações da vida atual.

E, o melhor de tudo, andando, correndo e alongando-se em casa, esse prazer é de graça!

Descubra também como é possível unir esporte e câncer, com as virtudes da prática contra a reincidência.

Compartilhar

Nossos leitores curtem este artigo
Este artigo trouxe a informação que você estava procurando ?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...

Deixe um comentário

avatar