Muitas pessoas comentam que a carreira de um desenvolvedor de TI é muito promissora, e isso não é nenhuma mentira. Afinal, no Brasil há uma grande oferta de empregos e poucos profissionais para assumi-los. Isso ocorre devido à importância cada vez maior da tecnologia em nossas vidas. A realidade é que qualquer empresa - seja grande ou pequena - precisa de um programador.

Por mais que muitas pessoas tenham interesse em seguir a carreira de desenvolvedor de TI, elas têm muitas dúvidas sobre essa área. Afinal, podemos dizer que essa profissão é relativamente nova, não é mesmo? Se você tem o sonho de viver como programador, veja o nosso artigo, pois falaremos sobre as principais especialidades, onde é possível trabalhar e qual o salário!

Os melhores professores de Programação disponíveis
Alessandra
5
5 (25 avaliações)
Alessandra
R$65
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Gabriel
5
5 (52 avaliações)
Gabriel
R$90
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Everton
4,9
4,9 (13 avaliações)
Everton
R$59
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Tiago frança
5
5 (16 avaliações)
Tiago frança
R$42
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Tiago
5
5 (23 avaliações)
Tiago
R$75
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Rafael
5
5 (32 avaliações)
Rafael
R$150
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Lucas vicente
5
5 (41 avaliações)
Lucas vicente
R$85
/h
Gift icon
1a aula grátis!
João otavio
5
5 (24 avaliações)
João otavio
R$60
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Alessandra
5
5 (25 avaliações)
Alessandra
R$65
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Gabriel
5
5 (52 avaliações)
Gabriel
R$90
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Everton
4,9
4,9 (13 avaliações)
Everton
R$59
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Tiago frança
5
5 (16 avaliações)
Tiago frança
R$42
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Tiago
5
5 (23 avaliações)
Tiago
R$75
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Rafael
5
5 (32 avaliações)
Rafael
R$150
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Lucas vicente
5
5 (41 avaliações)
Lucas vicente
R$85
/h
Gift icon
1a aula grátis!
João otavio
5
5 (24 avaliações)
João otavio
R$60
/h
Gift icon
1a aula grátis!
Vamos lá

Quais são as áreas de TI?

Linguagem de programação no computador
Fazer cursos programação para se tornar um grande programador é uma ótima escolha!

A realidade é que há muitas especialidades que um desenvolvedor pode seguir. Isso porque a área da Tecnologia da Informação é muito vasta - e pode ficar ainda mais com o passar do tempo. Veja a seguir uma pequena lista de especialidades da área de desenvolvimento de TI:

  • Programador mobile (Android/iOS): como o nome já diz, o programador mobile é responsável por desenvolver aplicativos. Esse profissional planeja, elabora, testa e implementa softwares específicos para aparelhos móveis;
  • Desenvolvedor CRM: é responsável por desenvolver sistemas de gerenciamento de dados de usuários e/ou consumidores. O foco desse profissional, como o nome já diz, é gerenciar o relacionamento com o cliente, tornando-o mais satisfeito;
  • Cientista de dados: esse profissional realiza tarefas relativas à análise de dados para apresentar decisões estratégicas para as empresas tomarem melhores decisões. Em geral, os cientistas de dados têm conhecimento de Machine Learning, Deep Learning, Analytics, reconhecimento de padrões e preparação e conversão de dados;
  • Analista DevOps: o nome dessa profissão é uma abreviação de "analista de desenvolvedor & operações". Esse profissional tem como tarefa elevar a produtividade e a confiabilidade dos processos operacionais relativos à TI;
  • Especialista de Business Intelligence: realiza coleta, análise e monitoramento de dados, oferecendo informações precisas para a gestão organizacional;
  • Especialista de computação em nuvem: esse profissional é responsável por "cuidar" da plataforma de computação em nuvem. Portanto, ele verifica os indicadores, analisa a infraestrutura e otimiza os mecanismos;
  • Desenvolvedor web: projeta/cria sites utilizando as linguagens de programação. Esse site que você está acessando agora, por exemplo, foi desenvolvido por um desenvolvedor web!

Como foi possível perceber acima, um desenvolvedor TI pode trabalhar com sites, programas, aplicativos... E até com games! Isso ocorre porque a área da tecnologia é muito vasta, existindo muitas tarefas/atividades relacionadas com o segmento. Além disso, existem muitas linguagens de programação, como Python, Javascript, etc.

É importante ressaltar que existem três tipos de profissionais na área de desenvolvimento web, como desenvolvedor front-end, desenvolvedor back-end e desenvolvedor full-stack. Como conhecer um a um mais a fundo?

  • Desenvolvedor front-end: desenvolve a interface do site. Portanto, após a criação do design pelo designer, o desenvolvedor front-end realiza todo o trabalho de codificação para estruturar a "plataforma", que posteriormente será visualizada pelo usuário. Geralmente, esse profissional utiliza linguagens de programação, como CSS, HTML e Javascript.
  • Desenvolvedor back-end: é responsável por "cuidar" do que existe por trás do site. Portanto, ele realiza atividades relacionadas com gerenciamento, armazenamento e segurança.
  • Desenvolvedor full-stack: realiza os dois trabalhos ao mesmo tempo, de desenvolvedor front-end e back-end. Ou seja, é um desenvolvedor completo, criando todo o projeto do site.

E aí, escolheu a especialidade que tem mais interesse? Agora é só iniciar o seu curso de programação para aprender tudo e se tornar um verdadeiro desenvolvedor de TI! Vale lembrar: essa pode ser a oportunidade da sua vida!

Onde é possível trabalhar como desenvolvedor de TI?

Homem trabalhando com linguagem de programação
Fazendo curso online de programação é possível trabalhar em diferentes organizações!

Para ser bem preciso, você pode trabalhar como desenvolvedor de TI em todas as instituições que utilizam os recursos da tecnologia. Portanto, há empregos para esse profissional nas seguintes instituições:

  • Empresas que prestam serviços de TI;
  • Seguradoras;
  • Bancos;
  • Empresas de telecomunicações, de marketing, de pesquisas e de comércio eletrônico;
  • Indústrias;
  • Órgãos públicos.

Há muitos lugares que demandam profissionais de TI. A realidade é que existe uma grande busca das empresas por desenvolvedores, pois faltam pessoas qualificadas no mercado. Se você deseja aprender e conseguir realizar o seu trabalho com excelência, não tenha dúvidas de que conseguirá ser bem sucedido.

Se você ainda tem dúvidas de onde é possível arranjar um emprego, nossa dica é: pesquise sobre vagas em empresas próximas à região onde mora. Rapidamente conseguirá encontrar locais bacanas, onde pode trabalhar futuramente. Se você gostar de uma das vagas, por exemplo, pode até colocá-la como seu objetivo no futuro: prestar serviços para a empresa "X", ganhando um salário "Y" e com o curso "Z" no currículo. Assim é possível trabalhar com metas!

Desenvolvedor de TI: CLT, PJ ou freelancer?

Programador trabalhando no notebook
Um programador pode trabalhar em casa ou em uma empresa formal. Para isso, basta fazer programação curso!

Há muitos formatos de emprego para um desenvolvedor de TI: pode prestar serviços como PJ, ser colaborador de uma empresa como CLT ou atuar como freelancer, realizando diferentes trabalhos em variadas corporações. Isso é sensacional, pois você pode escolher  a melhor opção, de acordo com as suas necessidades/desejos profissionais.

Como desenvolvedor de TI freelancer, você precisa encontrar os seus próprios clientes - ou se tornar um profissional conhecido e requisitado, que precisa apenas esperar que eles solicitem os seus serviços. Essa opção é perfeita para quem gosta de uma rotina mais diferenciada, ou melhor, flexível. Não é à toa que muitos viajantes, também conhecidos como nômades digitais, têm preferência por esse tipo de trabalho.

Já o formato CLT é aquele tipo de emprego em que, na maioria das vezes, o programador precisa comparecer diariamente, no mesmo horário, sentar em uma mesa e realizar o seu trabalho das 8h às 18h, por exemplo. Muitas pessoas preferem o regime celetista pelo seguinte motivo: ele proporciona mais estabilidade! Assim, você sabe que receberá aquela mesma remuneração todo mês.

Por fim, a prestação de serviços como PJ é, geralmente, contratual. Você fecha contrato com uma ou mais empresas e presta serviços para elas. Esse formato pode variar bastante - a depender da sua relação com a organização. Algumas vezes, o profissional trabalha por produtividade, já em outras recebe um valor pré-determinado todo mês. Essa opção também é flexível, visto que muitas pessoas trabalham nas próprias empresas e outros realizam as suas tarefas em homeoffice.

E aí, você prefere qual tipo de regime de trabalho? Escolha o seu, se inscreva no curso de programação online e se torne o novo desenvolvedor de TI "da área". As chances de que você se torne bem sucedido são altas e as aulas de programação podem te ajudar bastante a conseguir uma carreira de sucesso!

Quanto ganha um profissional de TI?

Programador trabalhando no notebook
A aula de programação ou o curso programação servem para aprender a programar com expertise!

Em geral, um profissional de TI ganha muito bem - podendo até mesmo ultrapassar os valores médios ganhos por outros especialistas do mercado. Um técnico em tecnologia da informação pode iniciar ganhando em torno de R$ 1.500,00. Porém, com o passar do tempo, ele pode ganhar cada vez mais, sendo necessário somente se especializar na área.

Já um cientista de dados, por exemplo, pode ganhar em torno de R$ 7.000,00 em média. Além disso, um analista de desenvolvimento de sistemas pode ter um salário mensal de R$ 5.500,00. Um desenvolvedor mobile pode receber uma quantia de R$ 4.000,00 por mês. Enfim, o valor médio é acima do que a maioria da população brasileira recebe. Veja uma lista de valores:

  • Desenvolvimento de software: R$ 5 mil  a R$ 15 mil reais;
  • Gestão de banco de dados: R$ 3 mil a R$ 9 mil;
  • Desenvolvimento ERP: R$ 2 mil a R$ 9 mil;
  • Desenvolvimento Interface e Interação (UX/UI): R$ 4 mil a R$ 15 mil;
  • Desenvolvimento de Business Inteligence: R$ 5 mil a R$ 20 mil.

Portanto, esses são os salários médios dos profissionais da área de desenvolvimento de TI. Mas, vale ressaltar que varia bastante, conforme o nível de especialização do desenvolvedor (ou seja, os seus cursos de programação) e a região onde atua.

Para saber mais informações sobre salários de profissionais, você pode acessar os sites de empresas que disponibilizam esses valores e que ficam próximas à região onde mora. Isso pode facilitar bastante a sua pesquisa e torná-la mais consistente. Afinal, só podemos apresentar uma média geral desses valores, não é mesmo?

Por fim, é importante ressaltar o seguinte: para se tornar um desenvolvedor de TI não é preciso ter graduação. Isso porque é necessário somente fazer um curso de programação de sistemas (aliás, é preciso apenas saber as linguagens e aprender a manuseá-las). Se você quer fazer programação curso, encontre o seu tutor aqui no Superprof!

Além disso, se você gostou dos nossos conteúdos, aproveite para deixar a sua opinião nos comentários e ler também os outros artigos do site sobre o curso de programacao. Há muitos posts interessantes que podem te ajudar a aprender ainda mais sobre a área de Tecnologia da Informação!

>

A plataforma que conecta profes particulares e alunos

1ª aula gratuita

Gostou desse artigo? Deixe uma nota!

5,00 (1 note(s))
Loading...

Isabella

Graduada em administração de empresas e especialista em marketing de conteúdo. Apaixonada por educação, redação e mundo digital. Atua como redatora e conteudista.