Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Conheça a língua da Rússia através dos livros

De Glicia, publicado dia 11/12/2018 Blog > Idiomas > Russo > Como aprender russo por meio da literatura

O russo é uma língua de origem eslava e pertence à família linguística indo-europeia, ou seja, a família de línguas faladas na região leste do continente europeu. Provavelmente, o russo surgiu nessa região entre os séculos IX e X.

Entre as línguas eslavas, o russo é a mais divulgada delas. Isso se deve, provavelmente, à sua literatura,  pois as obras produzidas pelos grandes escritores russos podem ser classificadas como as mais influentes e importantes do mundo. No país, foram produzidas obras como Ivan – o ImbecilCrime e CastigoAnna Karenina e Guerra e Paz, entre outros clássicos literários.

As razões para aprender a língua russa são muitas: desejo de se tornar um professor de russo, viajar para a Rússia, fazer um intercâmbio linguístico, expatriação, interesse em descobrir a cultura russa, etc.

E é justamente sobre a cultura russa que nós vamos falar hoje. Neste artigo nós vamos explorar a língua de Dostoiévski através da sua literatura.

Esta viagem no tempo vai fazer você descobrir a Rússia e a cultura eslava sob uma nova perspectiva e com certeza despertará em você o desejo de fazer aulas de russo!

As origens da literatura russa

O embrião da literatura russa nasceu na Idade Média, sendo a maioria dos textos dessa época textos sagrados e religiosos escritos em eslavo eclesiástico (a língua reservada à liturgia).

como surgiu a literatura na Rússia A literatura russa é uma das mais apreciadas mundialmente.

Os primeiros vestígios de obras que não fossem nem jurídicas, nem religiosas, datam do final da Idade Média e foram escritas  em russo antigo.

Vale ressaltar que, a literatura russa, assim como as literaturas de diferentes povos, não se limitava apenas às obras escritas. A cultura oral era muito forte e difundida entre os povos eslavos.

As histórias e contos eram transmitidos de geração em geração, o que contribuiu para formar um vasto repertório de literatura oral. Essas histórias eram cheias de influências dos contos cristãos bizantinos, assim como do paganismo.

Os contos orais oriundos da cultura popular constituem a base da literatura russa – Словесность, em português, a arte das palavras (referência à literatura oral)!

É somente mais tarde, durante o Iluminismo, que o termo итература surge para designar a literatura escrita.

Boa parte dos textos escritos em russo antigo são anônimos. O religioso Avvakum foi quem abriu novas possibilidades para a literatura russa e para a língua vernácula. Ele escreveu sua própria autobiografia no século XVII e é um precursor da linguística russa moderna.

Foi nessa época que ocorreu uma primeira ocidentalização da cultura russa, com a introdução do teatro, incentivada por  Natalia Narychina, a mãe do czar Pedro I (O Grande).

O apogeu do romance russo

Sob o reino do czar Pedro I a Rússia ganha novas facetas. Ele busca ocidentalizar cada vez mais o país, mas em contrapartida, busca também estabelecer uma identidade nacional, especialmente através da linguagem.

pinturas estilo bizantino Rússia A cultura russa tem fortes influências das artes e da religião bizantinas.

É nessa época que surge o chamado russo literário moderno (século XVIII). Em seu desejo de ocidentalizar seu império, o czar Pedro I foi o principal incentivador das mudanças linguísticas.

Ele não apenas restringiu a antiga língua eslava à liturgia (hoje denominada como eslavo eclesiástico), mas também presidiu a modernização da língua administrativa russa então em vigor na época, herdada do russo antigo.

A famosa gramática do poeta Lomonosov (1711-1765) é, à sua maneira, uma obra-prima litarária. Lomonosov é considerado fundador da língua russa moderna. Ele também é o criador da primeira universidade de seu país e faz parte da primeira “onda literária” russa, propriamente dita.

Assim, o russo moderno é o resultado de uma mistura entre a gramática de Lomonosov e a língua eslava. Grandes e talentosos escritores lhe deram seus ares de língua nobre, dentre eles: Pushkin (1799-1837), Gogol (1809-1852), Dostoiévski (1821-1881), Tchekhov (1860-1904), entre outros.

O gradual desenvolvimento da ciência e da educação permitiu o surgimento de novos temas literários. As canções de amor, assim como os romances de cavalaria e aventuras apareceram também nesse período.

Você encontrará, em meio às obras produzidas nesse período, elementos tradicionais da cultura russa e eslava, bem como elementos adaptados de obras estrangeiras de sucesso.

Paralelamente, a poesia russa também se desenvolveu e ganhou grande popularidade dentro do Império. Os nomes mais falados da época são: Trediakovsky (1703-1769) e Derjavine (1743-1816) na poesia; Cantemir (1708-1744), Radishchev (1749-1802) e Karamzin (1766-1826) na prosa; enquanto Sumarokov (1717-1777) e Fonvizin (1745-1792) marcam o início do teatro nacional.

Século XIX: a idade de ouro da literatura russa

Ao contrário do que comumente se acredita, o romance russo nasceu no século XVIII. As obras eram, geralmente, inspiradas em obras francesas traduzidas para o russo.

literatura russa na idade de ouro A Rússia se destacou não apenas na literatura, mas também na arquitetura.

O primeiro romancista russo foi Emine (1735-1770), no entanto ele não era originário da Rússia. Hoje em dia caído no esquecimento por causa da qualidade de seus textos, considerados por muitos, mediocres, na época suas obras causaram burburinho e inspiraram outros escritores.

O romantismo russo, assim como o francês, teve suas origens na Alemanha e se espalhou por todo o leste europeu na primeira metade do século XIX.

Sem surpresa, o dialeto de Moscou, que gradualmente se impôs como língua das elites e dos intelectuais, é também a língua usada pelos escritores do romantismo.

Esse movimento artístico sem precedentes colocou em evidência grandes gênios da literatura russa, o que mais tarde valeu ao período o título de idade de ouro.

Pushkin, o místico Gogol cujas obras foram inspiradas por obras ocidentais, o brilhante Dostoiévski, Tourgueniev, o mestre indiscutível do teatro russo Tchekhov e Tolstoi, cujos romances Guerra e Paz e Anna Karenina são os dois títulos mais conhecidos.

Todos aqueles que se interessam pela língua e cultura russas precisam ler Crime e Castigo, O Idiota, Os Demônios e Os Irmãos Karamazov, entre tantas outras obras-primas assinadas por Dostoiévski. A genialidade de suas obras é incontestável!

Ao lado desses gigantes da literatura russa, há uma miríade de escritores menos conhecidos, mas muito talentosos: Zhukovsky, famoso por suas canções patrióticas contra Napoleão, o artista completo Lermontov, o poeta simbolista Tyutchev, Goncharov (aclamado por Tolstoi e Dostoiévski), o satirista Saltykov-Shchedrin, ou ainda Leskov… entre tantos outros.

A poesia foi um dos gêneros literários mais populares na Rússia, especialmente a obra de poetas como, Baratynsky e seus temas metafísicos, o elegante Alexei Tolstoi (embora infinitamente menos conhecido que seu homônimo do século XX) , bem como Afanasy Fet, precursor do movimento “arte pela arte”.

A literatura russa no século XX

Até agora, vimos que a arte poética era um dos gêneros literários mais apreciados pelos russos entre os séculos XVIII e XIX. Durante o século XX a poesia ganhou ainda mais visibilidade com os poetas simbolistas, especialmente as obras de Bely, Khlebnikov e Voloshin.

Nesses quase 2 séculos de existência da literatura russa, inúmeros escritores de talento ímpar se destacaram. O estilo literário russo também foi mudando e se aprimorando ao longo dos anos.

formalismo russo teve grande influência e contribuiu para moldar o aspecto teórico da bibliografia russófona da época. Após o apogeu literário do século XIX, as produções literárias do século XX tiveram um curto momento de glória.

E por boas razões: em 1917, a Revolução Bolchevique vai perturbar a Rússia e causar uma profunda mudança no modo de vida dos russos. Tais mudanças afetaram inclusive o plano linguístico. Lenin, um dos líderes da Revolução Bolchevique, foi também o responsável pela reformulação do alfabeto russo.

O apogeu da língua russa aconteceu na época da criação da URSS (União das Repúblicas Socialistas Soviéticas), pois ela não apenas era a língua oficial usada em todos os países da União Soviética, como também era a língua usada em todas as transações econômicas e políticas.

Entretanto, apesar da notoriedade que a língua russa obteve durante esse período, a revolução teve consequências agravantes no plano cultural e artístico: houve durante  o regime o  estabelecimento de um padrão oficial a ser seguido por todos os artistas da época. Aqueles que se desviassem desse padrão corriam o risco de serem presos, exilados, ou pior, executados.

A arte abstrata em todas as suas formas foi banida, enquanto o chamado “realismo socialista” se tornou obrigatório para todos os artistas: os autores deviam, sob a supervisão dos comissários do governo soviético, elogiar a ordem estabelecida e as conquistas socialistas.

Felizmente, graças aos samizdat (panfletos literários clandestinos) os escritores puderam continuar a escrever, mas em segredo absoluto. Os autores mais proeminentes deste período são, provavelmente,  Bulgakov e Vassili Grossman.

A literatura russa atualmente

Com a queda da URSS, um vento de liberdade e de novas possibilidades sopra sobre a literatura e as artes russas.

o livros em russo nos dias de hoje Novos talentos da literatura russa surgem nos dias atuais.

Como se trata de um acontecimento histórico relativamente recente, é difícil, por enquanto, analisar as mudanças ocorridas na literatura após o fim da União Soviética.

Alguns autores tatelontosos se destacaram nos últimos anos, como Elena Tchoudinova, que escreveu romances de ficção científica e históricos (notadamente sobre a França e a Inglaterra), Mikhail Shishkin, Vladimir Sorokin, entre outros.

Uma coisa é certa: a engenhosa e criativa literatura russa, apesar do grande parêntese stalinista, ainda não deu (ou melhor, escreveu) sua última palavra.

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...
avatar