São muitos os brasileiros que procuram oportunidades fora do Brasil. Da mesma forma, muitos estrangeiros vêem no Brasil um país cheio de oportunidades e para cá vem em busca de trabalhar ou estudar, ou somente em busca de novas experiências.

Alunos de intercâmbio, graduandos, mestrandos, expatriados ou turistas, esses estrangeiros em geral precisam de aulas de português para progredir e se comunicar melhor dentro do país. O professor de português como língua estrangeira trabalha principalmente em torno dessa comunidade.

Assim, o profissional de PLE, através do ensino do idioma e da transmissão da cultural brasileira ao aluno estrangeiro contribui para a inclusão social dos estrangeiros que pretendem se instalar no Brasil.

A profissão de professor de português para estrangeiro também abre oportunidade para aqueles que desejam fazer carreira fora do Brasil, através do ensino de português em instituições estrangeiras, escolas ou universidades.

As possibilidades são muitas para quem quer atuar na área docente dando aulas de português para estrangeiros. A seguir, falaremos sobre as diferentes formações e como se estrutura um curso de português para estrangeiros.

A profissão de PLE: informações importantes

Os cursos de PLE são aulas de português dadas a estudantes que não possuem o português como língua materna. As aulas podem ser ministradas no Brasil ou no exterior, em forma de aula particular ou em grupos na universidade ou na empresa do aluno.

aulas de portugues
O professor de PLE é, na maioria das vezes, a primeira referência do aluno estrangeiro no Brasil

Saiba que o papel do professor de português para estrangeiros não se limita somente ao ensino da língua. 

O que isso significa?

Quando um estrangeiro deseja se instalar no Brasil, ele busca por aula de portugues brasileiro para estrangeiros, assim, ele aprende a língua para poder se integrar mais facilmente no país.

O professor de PLE será o seu mediador e uma figura importante na trajetória de integração e instalação do estrangeiro no Brasil. A aula de PLE será a primeira referência do estrangeiro.

O professor de PLE deve garantir o aprendizado do português mas também deve insistir na assimilação da cultura por parte do aluno estrangeiro. Afinal de contas língua é cultura e uma não pode ser dissociada da outra.

O ideal é que o professor de português seja formado na área de Letras, mas não se trata de uma obrigatoriedade sobretudo para aqueles que vão atuar como professor particular.

No entanto, algumas características fazem muita diferença para quem se destaca oferecendo aulas de português língua estrangeira, a saber:

  • Interesse em conhecer diferentes culturas
  • Possui domínio pleno da língua portuguesa
  • Ter didática de ensino
  • Ser bom com relações interpessoais, entre outro

Veja, aqui, como se formar a distância em PLE.

Onde fazer faculdade de PLE?

Por todo o Brasil existem universidades que oferecem formações e cursos para  professores e profissionais interessados em  dar aulas de PLE.

formação de PLE
Se formar para melhor exercer a função de professor de PLE

O ideal, como já falamos, é possuir formação em Letras e áreas correlatas. Porém, é possível fazer um curso de extensão, um curso extra-curricular na área de PLE em diversas universidades e escolas de idiomas por todo o Brasil.

Uma boa parte das faculdades de Letras possuem um setor de línguas que oferece curso de PLE para alunos estrangeiros da graduação e visitantes. Os alunos de graduação de Letras possuem, portanto, a possibilidade de dar aula de PLE e "aprender fazendo", como parte do projeto de formação.

A Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), por exemplo, oferece cursos de Extensão e matérias optativas na área de PLE, ideal para alunos de LETRAS que desejam se especializar no ensino de Português para estrangeiros.

Confira quais são as oportunidades na área de PLE.

O que se estuda num curso de formação para professor de PLE?

As matérias do curso de PLE são complementares aquelas do curso de LETRAS. Na realidade os profissionais de PLE são, em sua maioria, graduados da área de Letras com habilitação em Literaturas, línguas estrangeiras ou em PLE, dependendo da universidade onde o aluno cursou.

aula de PLE
Verifique no departamento de Letras de sua faculdade a existência de uma formação para professor de PLE

Os cursos de formação para professor de portugues lingua estrangeira devem, portanto, ser estruturados de forma bastante específica, já que o ensino de PLE difere do ensino de português para falantes maternos.

Objetivos gerais do curso de formação de professores de PLE

  • Objetivo 1 - Desenvolver uma visão adequada dos diversificados perfis sociolinguísticos, psicolinguísticos e linguísticos dos alunos do Português como Língua Não Materna (PLNM); Português como Segunda Língua (PSL) e Português Língua Estrangeira (PLE)
  • Objetivo 2 - Compreender  os processos de aquisição e aprendizagem de línguas não maternas e  os princípios fundamentais de ensino de línguas não maternas;
  • Objetivo 3 - Caracterizar áreas linguísticas críticas dos alunos de PLE.

Organização e metodologia do curso de formação de professores de PLE

De forma generalizada, o curso de português como segunda língua, língua não materna e português para estrangeiros se estrutura da seguinte forma:

  • Língua materna vs. língua não materna (língua estrangeira e língua segunda);
  • Bilinguismo(s) e PLE. Para uma definição dos perfis dos alunos de Português como segunda língua;
  • Interlíngua(s) e fossilização; transferência das línguas maternas e mecanismos transversais às línguas maternas. Áreas linguísticas críticas dos aprendentes de PLNM;
  • O papel do ensino na aquisição/aprendizagem de uma segunda língua. Aquisição implícita e/ou ensino explícito da gramática: contributos para a discussão.

Pode fazer parte do curso, ainda, matérias relacionadas a pesquisa e desenvolvimento de material didático de PLE.

A área de Letras e professorado: estudos gerais

Como você já deve ter percebido, a maioria dos cursos de formação de professores de PLE se tratam de cursos com duração de um ano ou de dois anos. Cursos de especialização, extensão e cursos ofertados em forma de complemento da faculdade de Letras.

matérias de letras
A faculdade de Letras é para você

Uma licenciatura completamente voltada para o ensino de português como segunda língua, ainda não é a realidade na maior parte das universidades do Brasil. Por aqui, o curso de Letras ainda é o percussor para aqueles que querem seguir carreira como professor de PLE.

Como não dá para fugir muito desse percurso, dê uma olhada na grade curricular do curso de Letras para saber se essa formação realmente é para você:

Linguística e Sociolinguística

A disciplina apresenta um estudo científico da linguagem, sua origem,  diversidade, funções, preconceitos linguísticos e a relação com o nossa sociedade.  Na sociolinguística trabalha-se a linguagem no contexto social, avaliando variações e mudanças. Por exemplo aprende-se o conceito de idioma e dialeto, transformações fonéticas, empréstimos e interferências de outros idiomas…

Português:

  • Leitura e produção de texto

No curso de letras você aprenderá a ler de forma técnica, observando os diferentes recursos de estilo e os mecanismos utilizados pelo autor do texto. Tudo isso tem por objetivo capacitar o aluno a criar estratégias de leitura e produção textual e, também de incentivá-lo no desenvolvimento de um estilo de escrita própria.

  • Morfologia e Sintaxe

Entre tantos objetivos da morfologia e da sintaxe, o principal é capacitar o aluno a compreender a formação, estrutura e classificação dos vocábulos, assim como o papel que desempenha dentro da frase.

São objetos dessa matéria o estudo das classes gramaticais que são elas: pronome, artigo, substantivo, adjetivo, advérbio, verbo, preposição, numeral, conjunção, interjeições. E a sintaxe se preocupa em estudar o papel que cada palavra desempenha na construção de frases nas línguas naturais.

  • Semântica

Explora o significado das palavras ou expressões em um determinado contexto. Estuda também os fatores como o espaço geográfico e o tempo no processo de mudanças que acontecem no sentido das expressões ou palavras.

Fonética e Fonologia

Podemos dizer bem resumidamente que a fonética e a fonologia são áreas complementares da linguísticas cujo objetivo é estudar e investigar os sons da fala, isto é, a construção sonora das palavras, o nosso aparelho fonador e os sons que somos capazes de produzir quando falamos.

Ao iniciar seus estudos na disciplina, você vai aprender desde conceitos mais básicos de fonética e fonologia até o estudo de entonação, formação de fonemas, processos fonológicos e as diferentes variações em um mesmo idioma…

Teoria da Literatura

Como o nome sugere, na teoria da literatura lida com a análise crítica dos textos à luz de argumentos científicos ou filosóficos. Tem a função de comparar a relação entre a obra e a cultura, sendo ela atual ou da época em que os textos foram produzidos. Em síntese, a teoria da literatura aborda a natureza do discurso literário e o conceito de literatura.

Literatura Brasileira e Literaturas estrangeiras

A disciplina de Literatura Brasileira estuda a origem e as transformações da nossa literatura, do momento em que fomos descobertos e colonizados até a contemporaneidade.

Em termos de literaturas estrangeiras, são estudadas obras de diferentes épocas e estilos, sempre promovendo a leitura e a discussão dessas obras. O objetivo é, entre outros, notar semelhanças entre a literatura nacional e estrangeira e como esta influenciou ou influencia aquela.

Como você pode ver, a grade da faculdade de letras não foca somente no estudo da gramática do português! Se trata de uma formação ampla e bastante completa!

Somente com o curso de Letras já é possível atuar como professor na área de PLE, mas o ideal é realmente fazer uma formação complementar e específica para o ensino de português como segunda língua!

 

 

 

Precisando de um professor de Português para Estrangeiros ?

Você curtiu esse artigo?

5,00/5 - 1 nota(s)
Loading...

Joseane

Apaixonada por Línguas e Culturas, sou uma viajante assídua que acredita que viajar é a melhor forma de aprender.