Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Aprender a cozinhar com um chef

De Camila, publicado dia 24/02/2018 Blog > Artes e Lazer > Culinária > Tudo sobre aulas de culinária

Atualmente, qualquer um pode se lançar na aventura de desenvolver pratos dignos de restaurantes reputados, sempre com o acompanhamento de um profissional entendido no assunto.

Existem várias escolas e professores particulares que organizam cursos de culinária com o intuito de ensinar seus alunos a preparar grandes clássicos da gastronomia brasileira e internacional.

Você ama cozinhar, é completamente apaixonado pelas artes culinárias e a única certeza que tem na vida é que deseja seguir um curso de gastronomia para virar um grande chef de cozinha.

As aulas de culinária ganharam grande espaço na vida dos amantes da cozinha. No entanto, saber apenas executar uma receita não é o suficiente para conseguir transformar a paixão em cozinhar em uma profissão sólida.

Nesta matéria você encontra um pouco de tudo sobre aulas de culinária, gastronomia e chef de cozinha.

História das aulas de culinária

Quer saber um pouco mais sobre a evolução da arte de se cozinhar?

Durante muito tempo, as aulas de culinária foram feitas através de livros e da transmissão de conhecimento, sendo passados de geração para geração.

Somente no século XIX os profissionais da cozinha começaram a se organizar para dar aulas, ateliês culinários e até mesmo fazer concursos gastronômicos!

Antiguidade, molho garum e livros de receitas de Apicius

Marcus Gavius Apicius, ou simplesmente Apicius (em português, Apício), foi o cozinheiro oficial do Imperador Tibério durante o século I e foi supostamente o responsável pela escrita do livro gastronômico De re coquinaria, melhor fonte para conhecer e entender melhor a culinária na época do Império Romano.

O primeiro livro de receitas surgiu no Império Romano. Qual o seu livro de receitas favorito?

Seu livro apresenta uma compilação de +- 500 receitas da cozinha romana antiga, tornando-se público no início da nossa era. Ele foi reescrito e editados inúmeras vezes até o século IV. Nesta época, não havia formações e estudos na área de arte da cozinha, nem mesmo ateliês que permitissem os interessados no assunto em descobrir um pouco mais sobre os fazeres gastronômicos.

garum (em português, garo) – também conhecido por liquemen – é um molho de receita típica da antiguidade, feito à base de peixe fermentado, muito utilizado na cozinha romana de época de Apício

Século XIX: os ofícios dentro da cozinha se organizam

1842

Tudo começa em 1842, quando a associação-sindicato “associação de cozinheiros franceses” é criada com o objetivo de regularizar a formação em culinária.

1883

Somente em 1883 foi aberta pelo chef Charles Driessens a primeira escola de cozinha em Paris. Além de aulas, ali também era um local de conferências e concursos culinários.

1901

Em 1901, aulas de culinária são incluídas no currículo das escolas destinadas às meninas, com o intuito de formar “boas mães de família”.

1990

escola privada de Artes Culinárias de Ecully foi criada em 1990, próxima à cidade de Lyon. Sob a direção de Paul Bocuse, ela passa a ser chamar “Institut Paul Bocuse” em 2002 e entra para a lista dos melhores cursos de culinária do mundo

Os livros de receitas no Brasil: só para donas de casa?

No Brasil, no início do século XX até meados da década de 1970, os livros de culinária se dirigiam à tradicional figura da dona de cara – a rainha do lar.

De 1950 a 1970, o cenário culinário brasileiro muda aos poucos. É nesta época que surge ainda uma associação que hoje nos parece básica: aquela entre culinária, corpo, saúde e sentidos.

Na década de 1980, a cozinha se moderniza e as técnicas de preparo se modificam para acompanhar tal evolução.

As várias maneiras de se aprender a cozinhar

Você sabia que existem diferentes tipos de aulas de culinária?

Ao fazer um curso de cozinha, nenhuma receita será mais um mistério para você. Alguns professores preparam suas aulas em volta de um tema, como gastronomia do Sul do Brasil ou do Sul da França. Ainda têm aqueles que se concentram nos sabores, como doces, sobremesas e pâtisseries. Ou então em ingredientes, como pratos a base de arroz (brasileiros, italianos, tailandeses, etc.)

Que tal se lançar na aventura? Você sonha em fazer um curso com um chef renomado?

Cursos com chefs renomados

Alex Atala

Além de chef e empresário (ele possui, além de dois restaurantes, uma mercearia, uma linha de produtos alimentícios, uma fundação e um bar), Atala ainda divide seu tempo dando cursos. As aulas são pontuais e acontecem, na maioria das vezes, a partir de convites de eventos gastronômicos.

Helena Rizzo

Em um meio ainda dominado por homens, Helena Rizzo se destaca como uma das melhores chefs do Brasil e do mundo.

Ela organiza esporadicamente cursos de culinária, tanto para crianças quanto para adultos.

Rodrigo Oliveira

Como todos os outros chefs renomados, Oliveira também oferece cursos esporadicamente, em feiras, eventos gastronômicos e através de convites.

Escolas de culinária

Ficou curioso para saber quais são as top 10 Faculdades de Gastronomia mais bem conceituadas do Brasil? Então confira a lista abaixo, extraída da avaliação oficialmente publicada pelo MEC. Os integrantes desta seleção receberam nota máxima (5) em pelo menos um dos critériosanalizados pelo Ministério de Educação e Cultura.

  1. Universidade Estácio de Sá (UNESA);
  2. Universidade Cruzeiro do Sul (UNICSUL);
  3. Faculdade Pitágoras (PITÁGORAS) – em Minas Gerais;
  4. Universidade do Vale do Itajaí (UNIVALI);
  5. Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR);
  6. Centro Universitário UNA (UNA);
  7. Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre (UFCSPA);
  8. Universidade Positivo (UP);
  9. Faculdades Integradas de Três Lagoas (AEMS);
  10. Centro Universitário do Instituto de Educação Superior de Brasília (IESB).

Aulas sobre cozinha vegetariana

Se você está interessado em se lançar em um curso com essas características, mas está preocupado em dar de cara com receitas apenas à base de tofu, então pode tirar seu cavalinho da chuva, pois os pratos são muito mais sofisticados que isso.

O reputado Senac, por exemplo, oferece cursos livres de culinária vegetariana.

Aulas de gastronomia internacional: uma viagem sensorial

Várias escolas e professores autônomos de culinária ensinam pratos tradicionais e típicos, assim como a maneira correta de escolher, manipular e preparar determinados ingredientes com os quais não temos familiaridade.

Senac de Salvador oferece um curso completo intitulado “Curso de Cozinheiro Internacional”.

Melhores faculdades de gastronomia do Brasil

Existem vários cursos de culinária super reputados no país.

Existem várias escolas de gastronomia no Brasil. Chef bom tem que colocar a mão na massa!

Universidade Estácio de Sá (UNESA)

Objetivos

  • Executar as técnicas básicas da gastronomianacional e internacional, bem como as de panificação e confeitaria nas mais diversas tendências mundiais;
  • Identificar e classificar os diversos insumos utilizados no preparo de alimentos, resguardando os critérios da qualidade para aquisição, armazenamento e métodos de conservação.

Universidade Cruzeiro do Sul (UNICSUL)

Objetivos

  • Aprender a planejar e elaborar pratos de diversos tipos de cozinhas;
  • Capacitar o aluno nas técnicas e procedimentosdas artes culinárias;
  • Qualificá-lo a planejar, administrar e gerenciar alimentos, bebidas e equipes.

Faculdade Pitágoras (PITÁGORAS)

Objetivos

Formação de um profissional completo dentro da área de Hospitalidade, com conhecimentos específicos das artes culinárias.

Universidade do Vale do Itajaí (UNIVALI)

Objetivos

Formar profissionais:

  • Reflexivos
  • Críticos
  • Inovadores.

Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR)

Objetivos

Formar profissionais de excelência na atuação como cozinheiro, gestor de empreendimentos gastronômicos e consultor em gastronomia através de uma formação multidisciplinar onde teoria e prática caminham lado a lado.

Centro Universitário UNA (UNA)

Objetivos

Formar cidadãos aptos a atuar profissionalmente em empresas do ramo de alimentação e/ou empreender seus próprios negócios no mercado de alimentos e bebidas, de forma responsável e sustentável.

Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre (UFCSPA)

Objetivos

  • Habilitar profissionais para o exercício da profissão de tecnólogo em gastronomia, por meio de atividades de ensino e atividades práticas;
  • Contribuir para o desenvolvimento e implantação das práticas de planejamento e gerência de ambientes gastronômicos no que se refere à: recursos humanos, físicos e ambientais.

Os melhores cursos de gastronomia do mundo

Apresentamos um apanhado geral com escolas presentes nos 5 continentes.

Nossa seleção foi feita a partir de listas preexistentes que apontam instituições com reputação e reconhecimento internacional.

África

  • Cass Abrahams (Cidade do Cabo, África do Sul)
  • Institute of Culinary Arts (Stellenbosch, África do Sul)
  • Rhode School of Cuisine (Marrakech, Morrocos)

Américas

  • Pacific Institute of Culinary Arts (Vancouver, Canadá)
  • New England Culinary Institute (Montpelier, Vermont, EUA)
  • Culinary Institute of America (Nova Iorque, EUA)
  • Los Dos, (Mérida, Mexico)

Asia

  • Issaya Cooking Studio (Bangkok, Tailândia)
  • Martha Sherpa (Hong Kong, China)
  • Ozeki Cooking School (Seki, Gifu, Japão)

Europe

  • Le Cordon Bleu (Paris, França)
  • School of Artisan Food (North Nottinghamshire, Reino Unido)
  • Italian Culinary Institute (Calábria, Itália)

Oceania

  • James St. Cooking School (Brisbane, Austrália)
  • NSIA – The Professional Hospitality Academy (Auckland, Nova Zelândia)

Ser chef não é apenas cozinhar, mas também saber levar seu restaurante ao sucesso. A maioria dos cursos dá um panorama geral da vida em um restaurante.

Aulas de culinária com o Alex Atala

Que tal fazer um curso de cozinha com seu chefe favorito?

Você ama cozinhar, conhece bem Alex Atala e gostaria de ter a oportunidade de fazer aulas com ele? Então confira nossas dicas.

Não se preocupe se você ainda não souber quem ele é, pois vamos te contar um pouco da sua trajetória na matéria abaixo.

Quem é Alex Atala?

Nascido em São Paulo, ao atingir a maioridade no Brasil, Alex Atala partiu para uma viagem de mochilão para a Europa, quando teve o seu primeiro contato profissionalizante com a gastronomia ao fazer um curso na Bélgica.

Na década de 1990 ele ficou nacionalmente conhecido após ser eleito o Melhor Chef Jovem pela Associação Brasileira de Bares e Restaurantes Diferenciados.

Em 1999 o restaurante D.O.M. foi criado, se tornando um sucesso imediato de público e crítica. A partir daí, prêmios não pararam de chegar para o chef e seus sócios

Aulas de culinária com Alex Atala

Alex Atala não possui um ateliê ou uma escola gastronômica onde oferece aulas presenciais regulares para particulares.

Alex é muito convidado para fazer participações especiais em feiras de gastronomia e, na maioria das vezes, acaba dando uma aulinha sobre algum prato de sua autoria.

Em 2018, ele é um dos professores convidados do novo curso de Pós-Graduação da PUC-RS em Gastronomia e Cozinha Autoral.

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (média de5,00 sob 5 de 1 votos)
Loading...

1
Deixe um comentário

avatar
1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors
Vera Melo Recent comment authors
Mas recentes Mais antigos Mais populares
Vera Melo
Convidado
Vera Melo

Adorei os artigos!