Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Estudantes: quais os motivos para preparar sua comida em casa?

De Fernanda, publicado dia 21/05/2019 Blog > Artes e Lazer > Culinária > Porque cozinhar em casa é melhor do que o delivery?

A felicidade está na cozinha – Paul Bocuse

Uma lasanha, um quiche de queijo, pimentões recheados, um tabule, um brownie… Você adoraria saber preparar esses pratos, mas está longe de dominar as receitas e preparar em sua própria casa? Este é frequentemente o caso dos estudantes, que limitam as suas refeições a menus muito simples, a pratos prontos ou congelados, que fazem mal para a saúde, e são muito mais caros.

Cerca de 55% dos adolescentes se alimentam mal, segundo os dados de 2018 do Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional (SISVAN). A pesquisa utiliza como parâmetro adolescentes acompanhados pelos serviços de atenção básica do Sistema Único de Saúde (SUS).

E pior: o Ministério da Saúde afirma que os maus hábitos à mesa se reflete na saúde e no excesso de peso dos adolescentes. Segundo a Pesquisa Nacional de Saúde do Escolar (PENSE), 7,8% dos adolescentes das escolas estão obesos.

E, no entanto, nós do Superprof afirmamos: é possível vincular boas receitas a um estilo de vida estudantil!

As refeições feitas nos restaurantes ou os pratos para entrega não são adequadas para os estudantes, por várias razões que veremos imediatamente! E sim, fazer receitas em casa é sempre melhor!

Cozinhar em casa é mais econômico

Como aproveitar uma pequena cozinha estudantil? Uma cozinha também é um lugar para se passar um tempo e curtir, seja você estudante ou não!

Quando você é estudante, muitas vezes tem a tendência de fazer o mais simples e o mais rápido, por causa de uma agenda lotada, ou simplesmente por falta de paciência. É por isso que a solução de pratos prontos, congelados, ou fast food, e sobretudo os pratos para entrega, acabam sendo a primeira opção. No entanto, é uma maneira muito cara de se alimentar.

É verdade, um congelado ou uma lasanha pronta é algo muito mais fácil de se comer em pouco tempo, no entanto, é muito menos econômico do que se você dedicasse meia hora para fazer uma boa refeição caseira na sua cozinha! Além disso, há muitas receitas fáceis, que são muito baratas e tão boas quanto as preparadas por outra pessoa.

Então, é um fato: cozinhar em casa é muito mais barato do que fazer um pedido para entrega. Dezenas de reais a mais que, para um orçamento de estudante, fazem diferença na conta do final do mês. E além disso, cozinhar é sempre um prazer, então vamos aproveitar isso! Aliás, por que não organizar refeições entre amigos?

A comida caseira é muito mais saudável

Por que comer em casa? Quais as diferenças entre um prato caseiro e um prato para entrega?
Nada mais saudável do que cozinhar boas refeições estudantis em casa!

“A verdadeira culinária é uma forma de arte. Um presente para ser compartilhado” – Oprah Winfrey

E se você fizesse um curso de confeitaria online?

Que se trate de espinafre, cenoura, bolo de chocolate, nhoque ou molho bechamel: fazer suas próprias receitas é milhares de vezes mais saudável, independentemente do número de calorias no prato. E por uma boa razão: a maioria dos serviços de entrega são apenas transportadores de sabor.

Isso quer dizer que nesse ramo de mercado de entrega, o que conta na hora da elaboração dos pratos, antes de qualquer coisa, é o sabor. Esta é a razão pela qual os preparadores adicionam muita gordura (óleo, manteiga), mas sobretudo sal.

Os pratos prontos, quando você é estudante, são frequentemente sinônimo de prática, mas também de diversão! Do yakisoba à pizza, passando pela comida árabe e prato comercial, a refeição ganha um sabor dez vezes mais potente graças a estes intensificadores de gosto, que são bem viciantes e nada saudáveis.

Alimentos que certamente dão mais alma a um prato, mas são usados ​​em exagero, e são potencialmente perigosos. Perigosos para a saúde, mas também para a boa forma, porque muito óleo em cada refeição implica ganhar peso ao logo do tempo. Pense nisso!

Cozinhar em casa significa ter a garantia de escolher a comida certa, medir os aditivos, adicionar produtos frescos, dominar as texturas à perfeição, tudo isso sem deixar de lado a noção de prazer, é claro!

Procurando por um curso de confeitaria em São Paulo?

Cozinhando em casa quando você é estudante: adaptando seus pratos aos seus desejos

Por que comer em casa? Como saber o que é melhor: um prato caseiro ou o delivery? | A cozinha é um lugar de muitas experiências, mas também de todos os prazeres! Para os estudantes, a primeira vantagem é adaptar os seus desejos ao seu cardápio!

Este é provavelmente um dos benefícios mais fortes da culinária caseira: fazer o que quiser! E sim, você prefere a abobrinha à berinjela? Sem problema! Quer tirar a cebola da receita original? Sem problema! Quer acrescentar brócolis no carbonara? Por que não!?

Cozinhar em casa também é ter a liberdade de remover ingredientes, adicionar outros, de acordo com seus desejos, mas também com suas alergias ou suas preferências culinárias. E isso é muito melhor do que ter um menu fechado e sem possibilidade de adaptações!

E por que não experimentar novas receitas, que ajudarão a dar nova vida aos seus pratos, sua rotina culinária?

Porque a entrega, mesmo que seja útil em certos momentos, significa também colaborar para a lei do mínimo esforço, ou seja, você aceita tudo o que é oferecido, sejam quais forem os ingredientes que se colocam lá… E, no entanto, a comida caseira traz muito mais valores positivos quando se é estudante!

E se você fizesse um curso de gastronomia online?

Cozinhar em casa é mais gratificante do que o delivery

E sim, podemos não pensar nisso com bastante frequência, mas cozinhar para você mesmo é quase como uma técnica, um trabalho manual, que usa habilidades como precisão, destreza ou paciência. Se você colocar tudo isso na balança, vai ver que o resultado é muito mais satisfatório do que simplesmente pedir um delivery.

E quando você é estudante, ver o resultado de seus esforços é primordial! Podemos fazer um paralelo com o princípio de um exame importante: isso mostra que, com esforço e dedicação, tudo é possível.

Mesmo que decidamos seguir os livros de culinária práticos de famosos como Bela Gil ou Rodrigo Hilbert ou resgatar aqueles antigos livros de receita de sua avó: a verdade é que somos os construtores do que vamos comer, e perceber isso traz autoconfiança e recompensa.

O prato, então, só poderá ser melhor ainda, e vai ter a vantagem de poder ser saudável. Também vale lembrar o fato de que cozinhar em casa é mais econômico!

Sendo um estudante também é sinônimo de usar sua imaginação e suas habilidades técnicas para inventar suas próprias receitas gourmet!

A cozinha para superar as suas dificuldades

Por que comer em casa? Você sabe quanto custa um prato delivery em São Paulo? |
De alguns problemas podem surgir as melhores receitas quando você é um estudante! Esqueça do delivery!

Alguns de vocês podem enfrentar algumas dificuldades na vida: têm dificuldades financeiras, ainda moram com os pais, têm uma cozinha muito pequena, não têm forno, etc. Em suma, muitas barreiras que poderiam fazer da culinária uma arte bem distante da realidade.

E, no entanto, essas mesmas barreiras podem se tornar uma motivação adicional para se começar a cozinhar. Desenvolver criatividade, preparar boas refeições, tudo isso usando apenas o que você tem: o que é mais gratificante?

E menos recurso não significa necessariamente menos sabor, longe disso! Por exemplo, você conhece o bolo de caneca? Nada mais é do que um bolo, feito em apenas três minutos, usando uma xícara e um microondas. Uma receita ideal para estudantes que não possuem muitos acessórios! Adeus delivery!

O mesmo acontece com os alunos que têm muitos acessórios disponíveis, mas que moram com os pais, a família ou os colegas de quarto.

Neste caso, basta ter uma boa conversa com eles e, por que não, definir um dia em que você poderá tomar as rédeas do forno. Assim, você será capaz de dar asas à sua criatividade e ainda por cima beneficiar os outros!

Não há necessidade de pedir para entregar um prato que você quer: basta assumir a sua preparação e compartilhá-lo! Isso também é cozinhar: os valores de compartilhamento, generosidade e amor, no sentido mais amplo da palavra.

Cozinhando em casa: um passatempo para relaxar

Além da noção de compartilhamento, cozinhar em casa, ao contrário da cozinha delivery, tem a vantagem de unir a utilidade da comida e o prazer para muitos! E sim, cozinhar é uma atividade relaxante, às vezes é quase terapêutica!

Um passatempo que permite, usando novas receitas ou acessórios de cozinha, reinventar receitas tradicionais, inventar outras, descobrir novos ingredientes ou simplesmente desfrutar do ser cozinheiro.

E sim, enquanto muitos de nós vemos a culinária como um ato mecânico útil para a vida, outros têm grande prazer em misturar ingredientes, criando sabores, depois de um longo dia de aula, por exemplo!

Aqui, não importa os acessórios, o orçamento, ou o lugar que se tem: o objetivo é simplesmente esvaziar a cabeça, e além disso, encher a barriga! Nada mal, não é?

Em suma: quando você é estudante, cozinhar em casa revela ser muito mais interessante em muitos pontos: orçamento, compartilhamento, criatividade ou simplesmente pelo gosto!

Então, pronto para fazer receitas deliciosas?

Que tal fazer uma aula de culinária online?

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...
avatar