Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Aulas de reforço: solução para evitar a evasão escolar?

Blog > Aulas particulares > Reforço escolar > Apoio escolar para evitar o abandono escolar

O que é o abandono escolar?

A noção de abandono escolar  refere-se à saída de um aluno da escola que estava a frequentar/ ou que estava matriculado, antes do final do ano lectivo . Em outras palavras, quando um aluno deixa de frequentar a escola, embora ainda não tenha completado a sua formação, está em situação de abandono escolar.

Existem soluções para amenizar essa realidade?

O reforço escolar e a aula particular seriam soluções a se considerar?

Infelizmente, aqueles que por uma razão ou outra não chegam a completar a escolaridade obrigatória definida pelo Estado, acabam ficando em desvantagem, uma vez que não têm as habilidades necessárias para integrar com sucesso o mercado de trabalho. Com isso, só poderão contar com empregos informais ou precários, sem muitas possibilidade de progresso. Com relação aos alunos evadores, pode-se dizer que estes indivíduos estão em desvantagem relativamente àqueles que completaram a sua escolaridade.

As razões que levam um aluno a parar de frequentar a escola são muitas e variadas. Tais razões são geralmente de cunho social. Porém algumas vezes estas razões estão relacionadas a organização e contexto escolares no qual o aluno está inserido. Por exemplo, um aluno que se sente à margem com relação a sua classe ou sua escola, acaba por abandonar os seus estudos. Outras vezes, a falta de confiança que o aluno tem com relação ao professor e a falta de um acompanhamento personalizado a sua necessidade também funciona como fator desmotivador levando o aluno a optar pela evasão escolar.

Como fazer para diminuir os números do abandono escolar?

 

O abandono escolar em números

Segundo o estudo  Aprendizagem em foco proposto pelo Instituto Unibanco  utilizando dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e do Ministério da Educação, aproximadamente 1,3 milhões de jovens entre 15 e 17 anos deixaram a escola sem concluir os estudos. Dentre estes, pelo menos 50% não concluíram sequer o ensino fundamental.

O risco de abandono escolar preocupa pais e famílias

Os efeitos causados pela evasão escolar são extremamente negativos na vida do aluno. Sendo a educação e, claro, o porte de diplomas, um fator primordial para a sociedade atual, um aluno que não conclui pelo menos o ensino básico obrigatório terá grandes chances de ser excluído socialmente.

O abandono escolar muitas vezes mal interpretado como uma “crise de adolescente” , na verdade esconde um aspecto sombrio e que reflete a condição da sociedade brasileira atual. Segundo pesquisas, a maior parte de jovens que abandonam a escola possuem uma trajetória de vida difícil (baixa renda familiar, sobrecarga de responsabilidade, entre outros).

Para lutar contra a evasão escolar, algumas ações podem ser tomadas. Dentre elas, a implementação de aula de reforço a domicílio. É sabido que devido ao seu aspecto personalizado, a aula de apoio escolar pode funcionar como um motor que transmite confiança e motivação para o aluno.

 

Um aluno pode sair do sistema escolar tradicional para ser escolarizado em casa?

Embora o termo evasão escolar não seja o mais apropriado nesse caso específico, ainda não existe um nome outro que defina esse processo. Assim, mesmo nos casos onde pais e alunos decidam trocar o ensino tradicional pela educação domiciliar, o aluno será referido como evadido.

Por que isso acontece?

Tanto os alunos quanto os pais acabam por se convencer de que a escola não é obrigatoriamente o único meio e nem a forma mais eficiente de educar os jovens.

Assim, alguns pais preferem recorrer ao ensino a domicílio através de aula online ou contratando um professor tutor de aula particular para assegurar a educação de seus filhos.

O aspecto legal do ensino em casa?

No Brasil a educação domiciliar ainda não é reconhecida legalmente, embora a prática não seja proibida. O homeschooling (como é também conhecido pela expressão em inglês) tem sido uma prática que vem aumentando nos últimos anos. Muitos fatores podem ser responsáveis por motivar os pais e famílias a optar por esse tipo de educação, sendo eles o bullying e a violência que infelizmente tem sido recorrentes nas escolas do país, mas também uma perda de confiança no ensino tradicional podem ser os motivadores de tal decisão.

O ensino a domicílio passa a ser a escolha de muitas famílias

O tema ainda está sendo discutido pela Comissão de Educação e Cultura para decidir se a escolarização a domicílio é positiva ou não para os alunos. Especialmente aqueles entre 6 e 17 anos.

Enquanto isso, para manter um equilíbrio entre a educação proposta pelo estado e aquela em que os pais realmente querem para os seus filhos, a aula de apoio escolar tem sido requisitada como complemento educacional.

Como o ensino tradicional e a escola se tornaram insatisfatórios?

Eis aqui uma questão que poderia ser tema de vários livros e debates. Aliás, já é o caso.

Muitos pais e estudantes não estão satisfeitos com o ensino oferecido nas escolas do país, assim como não estão satisfeitos com a maneira que a escola aborda determinados temas sociais e políticos. Em muitos momentos a escola busca doutrinar os seus estudantes e essa doutrinação nem sempre vai de acordo com a crença e escolhas do ciclo familiar do aluno.

Além disso, existe também uma insatisfação com relação a formatação e a pedagogia proposta pelo ensino tradicional. A falta de uma pedagogia adaptada, a impossibilidade de obter um acompanhamento mais aprofundado com o professor, o pouco ou nenhum interesse pelo percurso e futuro do estudante…. fatores que fazem com que alguns estudantes brasileiros e sua famílias não confiem na escola para ajudá-los a ter sucesso na sua vida acadêmica.

Considerando tais fatores e sem qualquer ajuda adicional, abandonar a escola se torna inevitável!

Como o sistema de educação nacional vem lutando contra a evasão escolar?

Dentre os fatores que levam um aluno a abandonar a escola está a grande dificuldade de adaptação. A evasão escolar está também relacionada à incapacidade do aluno para lidar com as dificuldades da educação tradicional.

A aula de reforço escolar como ferramenta de apoio a educação

Quando este é o caso, muitas famílias consideram o apoio escolar vital para combater os erros do sistema nacional de educação.

Porém, mesmo que a passos lentos, o governo também tem criado medidas para lutar contra esses problemas. O abandono escolar tem sido discutido pelas comissões pedagógicas, e possíveis soluções tem sido implementadas no projeto educacional das escolas para ajudar os jovens em dificuldade.

Dados da pesquisa realizada pelo instituto Unibanco, mostra que a aula de monitoria tem mostrado resultados satisfatórios na luta contra o abandono escolar. Em depoimento, a diretora de uma escola afetada por uma alta taxa de evasão no primeiro ano de ensino médio, diz que os alunos muitas vezes chegavam despreparados. Esse fator unido a falta de acompanhamento personalizado a estes alunos fazia com que esses evadissem já que não conseguiam acompanhar o resto da turma e se sentiam desconectados do grupo.

Outros diretores de escolas contam com a sensibilização, para levar de volta a escola os alunos evadidos. Estes recebem carta e até visitas de outros alunos que solicitam a sua presença na sala de aula. Essa ação cria no aluno evadido um sentimento de “pertencimento” ao grupo, levando-o a retornar a  sala de aula.

Quais que sejam as razões que levam um aluno a abandonar a escola, esse problema é importante e precisa de medidas sérias para erradicá-lo. Infelizmente muitos talentos passam despercebidos devido a uma educação insatisfatória.

Preocupados com esses dados, nós da equipe Superprof estamos de acordo com os pais que acreditam que a aula de reforço escolar a domicílio é uma excelente solução como complemento a educação. Assim como uma ferramenta importante contra as dificuldades escolares e a evasão.

Como a aula de reforço contribui para o bom andamento do aluno na escola?

Na maioria das vezes, o fracasso escolar não é sinônimo de falta de capacidade do estudante.  Na verdade, muitos alunos talentosos abandonam a escola por causa de um mau funcionamento desta e falta de acompanhamento apropriado por parte do professor. Vale lembrar que a pressão exagerada por partes dos pais são também um fator a considerar.

Para superar as dificuldades encontradas por seu filho na escola, a solução ideal é confiar em um professor particular.

O professor particular é o melhor aliado rumo ao sucesso escolar

A aula de tutoria escolar pode assumir várias formas! Em primeiro lugar, o professor particular a domicílio oferece aulas intensivas em todas as disciplinas estudadas na escola: matemática, português, ciências, línguas, história, geografia, entre outras. O professor de reforço está interessado pelo aluno e pelo seu sucesso e fará o necessário para que o estudante alcance os seus objetivos. Além disso, a relação estabelecida entre os sujeitos professor/família/aluno no processo de ensino a domicílio cria um cenário apropriado para o aumento do interesse do aluno nos estudos.

Graças a um programa de estudo adequada e a um ritmo regular e intensivo, as aulas particulares a domicílio podem ser uma arma fatal contra as notas ruins!

Além de transmitir seu conhecimento, o professor de acompanhamento escolar se tornará um conselheiro educacional para seu filho, ajudando-o a fazer as escolhas corretas durante sua vida escolar. O objetivo do professor particular  é sobretudo o sucesso acadêmico de seu aluno: ao contrário de alguns professores tradicionais. O acompanhamento personalizado proposto pela aula de reforço escolar a domicílio pode trazer mais resultados positivos para o aluno que muitos anos de negligência escolar.

Não perca mais tempo e procure hoje mesmo um professor particular para ajudar o seu filho a manter o gosto pelos estudos!

 

 

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (média de1,00 sob 5 de 1 votos)
Loading...

Deixe um comentário

avatar