Aulas particulares Idiomas Música Apoio Escolar Esporte Artes e Lazer
Compartilhar

Estudando temas atuais para redação do ENEM

De Fernanda, publicado dia 19/10/2019 Blog > Apoio Escolar > ENEM > O que cai na redação do Exame Nacional do Ensino Médio?

Que a prova de redação é uma das mais comentadas do Exame Nacional do Ensino Médio, isso não temos dúvida! Muitos candidatos afirmam que a dissertação é um dos conteúdos mais difíceis de se estudar, não apenas pelos critérios de língua portuguesa exigidos, mas sobretudo pelos temas da redação. Sempre baseados em algum problema da sociedade brasileira, os assuntos podem surpreender estudantes que estão por fora das atualidades do Brasil e do mundo.

Neste artigo, descubra todas as dicas para que você consiga fazer uma ótima redação na prova do Enem e garanta sua vaga em sua instituição de ensino superior dos sonhos!

O que são temas atuais a estudar pro ENEM?

Dicas de como estudar para a prova de português do Enem. Desenvolva seu conhecimento de Redação para o Enem.

Os temas da redação do Enem normalmente são de ordem social, cultural, política ou científica, ou seja, uma problemática da sociedade brasileira. Um dos pontos importantes é que o Edital do Exame Nacional do Ensino Médio exige que para fazer a redação os candidatos devem considerar na Proposta de Intervenção uma perspectiva de Direitos Humanos.

Para ajudá-lo na orientação dos estudos sobre esses assuntos, trazemos um levantamento feito pelo Guia do Estudante dos temas que caíram na prova de 2008 a 2018:

  • A redação do Enem 2018 teve como tema a “manipulação do comportamento do usuário pelo controle de dados na internet’
  • O tema de 2017 foi “Desafios para a formação educacional de surdos no Brasil”
  • Em 2016, o Enem teve duas aplicações e, portanto, dois temas distintos de redação. O primeiro deles foi “Caminhos para combater a intolerância religiosa no Brasil” e o segundo foi “Caminhos para combater o racismo no Brasil”.
  • Na edição de 2015 os candidatos tiveram que escrever sobre “A persistência da violência contra a mulher no Brasil”. As provas do exame ganharam repercussão e viraram até polêmica nas redes sociais ao trazer duas questões relacionadas à situação da mulher.
  • A prova de redação do Enem de 2014 teve como tema “Publicidade infantil em questão no Brasil”.
  • Em 2013, o Exame cobrou como tema de redação a questão da “Lei Seca no Brasil”. Os candidatos tiveram que discutir os efeitos da implantação da lei no país.
  • Em 2012, os candidatos tiveram que produzir um texto sobre imigração no país. A prova trazia como texto de apoio um trecho do site do Museu de Imigração explicando o contexto dos movimentos imigratórios para o Brasil e dois outros textos sobre a imigração de bolivianos e de haitianos em direção ao Brasil. Havia também um mapa com o trajeto percorrido por haitianos para entrada no Brasil a partir do Acre.
  • Na redação de 2011, o candidato precisou refletir sobre o tema: “Viver em rede no século 21 – os limites entre o público e o privado”. Duas reportagens e uma tira de quadrinhos serviam de referência para o estudante e indicavam que os candidatos deveriam escrever sobre como as pessoas se relacionam nas redes sociais como Twitter e Facebook.
  • O tema de 2010 foi: “O trabalho na construção da dignidade humana”. Os candidatos tinham como apoio um texto sobre trabalho escravo e outro sobre o futuro das profissões.
  • Em 2009, os estudantes tiveram que escrever sobre o tema: “O indivíduo frente à ética nacional”.
  • Em 2008 a proposta pedia uma resposta para: “Como preservar a floresta Amazônica”. Foram sugeridas três possibilidades – suspender imediatamente o desmatamento; dar incentivo financeiros a proprietários que deixarem de desmatar; ou aumentar a fiscalização e aplicar multas a quem desmatar.

O que ler para saber sobre atualidade?

Tenha um esboço bem feito antes da versão final do texto

Como estudar os possíveis temas que caem na redação é uma das principais dúvidas dos estudantes. Mas antes de começar a treinar para sua redação, saiba que o melhor caminho para aprender a escrever bem é a leitura. Ler aumenta o vocabulário, melhora o senso crítico e amplia nossos conhecimentos, abrindo a mente para novas possibilidades e perspectivas diferentes.

Todo tipo de leitura é válida (romances, poemas, artigos científicos, textos jornalísticos, etc.), mas como a redação do Enem sempre aborda assuntos da atualidade, é melhor dar preferência à leitura de jornais e revistas informativas, que tratem sobre história, geopolítica e cultura geral, por exemplo. A internet também é uma fonte rica a ser explorada. Existe hoje em dia uma infinidade de sites, blogs e fóruns de discussão onde é possível obter informação e conhecimento de qualidade.

Trazemos aqui algumas dicas para que você consiga se organizar nos seus estudos:

Como estudar atualidades

Os temas tem como foco questões atuais e relativas à sociedade brasileira. Por isso, é imprescindível estar atento ao que acontece no Brasil e no mundo para ter o mínimo de familiaridade com os possíveis assuntos.

Uma boa dica é criar o hábito diário de ler as notícias dos principais jornais brasileiros. Pelo impresso ou pela internet, busque também ler o que escrevem os colunistas especializados sobre os assuntos mais discutidos na mídia.

As opiniões dos articulistas de um mesmo jornal podem ser bem diferentes e até mesmo opostas. Ter o hábito de ler opiniões diferentes enriquece seus argumentos em relação a um determinado tema e contribui para que sua dissertação fique mais coerente.

Aprofunde seu conhecimento sobre história, filosofia, sociologia

Conhecimentos nas áreas de história, filosofia e sociologia são fundamentais para dar embasamento à argumentação. Dessa maneira, estudar os principais conceitos filosóficos e sociológicos, bem como fundamentos históricos, pode conferir à argumentação uma fundamentação teórica relevante. Após a reformulação do Enem, o exame passou a cobrar mais a interpretação de texto e o conhecimento interdisciplinar do conteúdo.

Busque fontes de informação diferentes

Jornais, telejornais, redes sociais, sites…. Buscar fontes diferentes e canais de comunicação alternativos também enriquecem sua argumentação e são uma importante forma de absorver novas informações. Dê atenção à análise que os jornalistas fazem a respeitos dos assuntos. Compare o nível de contextualização dos fatos feitos pelo jornal impresso, o televisivo e a análise das reportagens de maior fôlego em revistas ou especiais online.

Quais os sites sobre atualidades mais importantes?

Além dos jornais, telejornais, redes sociais e mídias em geral, selecionamos aqui alguns sites que reúnem informações sobre atualidades e diferentes abordagens sobre os possíveis temas da prova do Enem:

  •  Vestibular.com.br
  • Guia do Estudante Abril
  • Vestibular Brasil Escola Uol
  • Blog do Enem
  • Toda Matéria

Os temas atuais mais prováveis para a redação do ENEM

Quais os temas que caem na redação do Enem? Uma boa dica é sempre estar atualizado na leitura de jornais, redes sociais e mídia em geral.

Mesmo com o auxílio de especialistas, muitas vezes o tema da prova do Enem é alvo de surpresa para os candidatos. De qualquer forma, para conseguir direcionar os estudos, é sempre bom recorrer às sugestões dos professores e estudiosos a respeito.

Com base nas indicações do site Vestibular Brasil Escola, apontamos aqui alguns prováveis temas atuais que podem cair nas próximas edições da prova de redação:

A era da informação, redes sociais 

O acesso à internet possibilita a inclusão social e a troca de experiências entre pessoas de diferentes lugares, mas é o discurso de ódio que tem chamado a atenção com a popularização das redes sociais.

  • Os efeitos da cultura de ódio na internet
  • Uso de redes sociais e a proteção de dados privados
  • Letramento Digital
  • Cyberbullying e crimes virtuais
  • Controle parental na internet

Educação

Os temas ligados à Educação e ao ambiente escolar também estão entre as apostas dos professores para a redação do Enem. Veja alguns possíveis assuntos:

  • Alfabetização
  • Evasão Escolar
  • Educação Domiciliar
  • Bullying e violência nas escolas brasileiras
  • O papel da língua estrangeira na formação do jovem contemporâneo

Migrações e a questão dos refugiados

O Brasil é um país que recebe imigrantes e refugiados diariamente, em especial os venezuelanos que buscam refúgio em terras brasileiras, sendo a porta de entrada o estado de Roraima. Por isso, existe possibilidade de se abordar os ataques aos estrangeiros que se encontram nessa condição e como combater a xenofobia.

Meio ambiente e mobilidade

Questões relacionadas ao meio ambiente sempre são passíveis de abordagens pelo Enem. Veja algumas apostas para as futuras provas de redação:

  • Desafios da mobilidade urbana no Brasil
  • Meio ambiente: preservação ambiental;
  • Exploração de recursos naturais;
  • Tragédias ambientais;
  • Avanço da pecuária sobre áreas verdes;
  • Aquecimento global;
  • Queimadas e desmatamentos
  • Causas e consequências da crise hídrica no Brasil.

Segurança pública

Apesar de polêmico, este tema ainda é mencionado por professores e especialistas como aposta para futuras provas. Confira alguns assuntos:

  • Segurança pública: porte e posse de armas;
  • Crise do sistema penitenciário brasileiro;
  • Políticas de segurança pública e violência urbana.

Brasil e sociedade

Por fim, temas atuais que se referem à composição da sociedade brasileira e seus maiores problemas. Selecionamos alguns deles como objetos de estudo:

  • Família Contemporânea e diversidade
  • Desigualdade Social no Brasil
  • Racismo e discriminação social
  • Inclusão e exclusão social
  • Homofobia
  • Orientação e diversidade sexual

E lembre-se! Sempre apresente o tema e a abordagem que você fará dele. Sobretudo, evite fazer rodeios. É recomendável que a tese seja exposta para direcionar a leitura e mostrar sua linha de raciocínio.

Você pode começar o texto de forma objetiva e ir direto ao ponto. Outra opção apreciada pelos corretores é recorrer à estatística (não precisa entrar em detalhes), desde que você tenha certeza da fonte. Você também pode recorrer à contextualização histórica e situar o leitor com fatos que tenham importância para a problematização.

Compartilhar

Nossos leitores adoram esse artigo
Este artigo te trouxe as informações que procurava?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...
avatar