Música Reforço escolar Idiomas Aulas particulares
Compartilhar

Seja craque na língua inglesa

De Carolina, publicado em 15/05/2017 Blog > Idiomas > Inglês > Dicas para ser fluente em inglês

A imersão e a prática cotidiana da língua permitem as pessoas de se tornarem bilíngues e progredirem em inglês!

Isso implica em adquirir os mecanismos linguísticos de forma espontânea e poder conversar com as pessoas tranquilamente!

Ser fluente em inglês vale ouro no currículo, é ótimo em viagens e principalmente abre as portas para novas culturas.

Hoje, para se tornar fluente, as aulas de inglês ensinadas nos colégios e ensino médio não são suficientes. É preciso falar inglês no cotidiano e escutar conversas para se impregnar da cultura, desenvolver o ouvido e minimizar o sotaque. Veja aqui alguns conselhos para se tornar bilíngue.

Mariana

Nossos professores são realizados

”Com o Superprof, eu consegui encontrar alunos sérios, motivados e com vontade de aprender. Eu recomendo o Superprof!”

Faça seus estudos em um país anglófono

Partir para a Inglaterra, Estados Unidos ou Austrália é uma boa ideia para você? Então perfeito! Porque a aprendizagem da língua acelera com a imersão em países anglófonos. Você tem que morar em um desses países (ou outros onde a língua é a inglesa) pelo menos um ano para desenvolver bem os seus conhecimentos. Esse é o caminho mais rápido para se tornar bilíngue com um bom nível de inglês escrito e oral.

Por que é importante partir? Além de encontrar com pessoas e falar a língua, a imersão vai te fazer pensar em inglês. A partir do momento que você acordar e pensar “I’m going to take a shower” ao invés de “Eu vou tomar banho”, você já está quase lá! Faltará só um pouquinho para você ser bilíngue.

Não desanime! Continue seus estudos no idioma e fique craque! O caminho pode ser longo, mas para encurtar, temos que começar a prática da língua inglesa agora

O cérebro pode se acostumar rapidamente a pensar e mesmo sonhar em inglês. Depende da pessoa, mas entre 3 semanas e 3 meses isso será um automatismo.

Conte, porém, com 6 meses a 9 meses para conseguir desenvolver seu vocabulário e melhorar sua pronúncia em inglês. No mais, não há idade certa para aprender inglês.

É possível fazer um intercâmbio cultural desde o ensino médio. Você estará integrado a uma outra escola com aulas de inglês e na casa de uma família. Isso permite que você conheça os modos de vida desse país. A integração é certa e o bilinguismo também.

Outros intercâmbios são possíveis como o programa europeu Erasmus Mundus. Os estudantes podem partir durante um semestre para outro país da Europa. Eles ficam em residências universitárias e seguem aulas de inglês. O “Ciências Sem Fronteiras” era o programa mais ou menos equivalente ao Erasmus. Ele é muito popular entre os europeus, mas abre espaço também para alunos latino-americanos como nós.

Trabalhe no exterior

Se você não pôde fazer um intercâmbio quando era estudante, nada impede de você fazê-lo agora.

Há vários programas para poder morar e trabalhar em países como os Estados Unidos, Austrália, Irlanda, Nova Zelândia. A única questão é verificar a necessidade do visto e como obtê-lo.

Assim, você pode ter a experiência de viver fora mas com a garantia do ganha-pão. Porque, convenhamos, em muitos casos não é a vontade que falta, mas sim o dinheiro. Então, o fato de trabalhar já alivia nas finanças.

O trabalho também ajuda a desenvolver na língua porque você é literalmente forçado a falar, se não não vai conseguir trabalhar direito.

Porém, é melhor você não ser muito exigente na hora de escolher o trabalho. Privilegie uma área onde você possa fazer contatos para melhorar o seu nível de inglês.

Muitas pessoas aproveitam para ser garçons, recepcionistas, faxineiros, vendedores para praticar a língua e ter essa experiência no exterior.

Férias no exterior!

Não é sempre que a gente pode tirar férias e partir para o exterior. Muitas pessoas nunca fizeram isso na vida e nem poderão fazer por motivos financeiros, familiares, profissionais…

Mas as férias podem ser a ocasião perfeita para falar inglês! Pense em países anglófonos com muitas atrações, patrimônios e cidades próximas a serem visitadas. A Europa sempre é perfeita para isso, principalmente o Reino Unido. Conheça a Inglaterra, Irlanda, Escócia! Essas países, além de serem lindos, vão permitir que você fale bastante em inglês.

Cada um tem seu método ideal, mas todos podem dominar o idioma Todo mundo é capaz de aprender a língua inglesa, é só começar!

Faça visitas culturais com guias em inglês para aumentar seus conhecimentos no idioma.

Veja noticiários em inglês

Há três tipos de informações: as mundiais, nacionais e locais. Veja as notícias mundiais nos canais de informação em inglês como o Sky News e a BBC.

Vários professores gravam reportagens e mostram para seus alunos para melhorar a compreensão oral. Você pode comparar os sotaques dos diferentes apresentadores e como é tratar uma informação de um país para o outro.

Imite algumas frases para aprender a pronúncia e a entonação. A gente não entende muita coisa no começo, mas as imagens e os escritos embaixo da tela ajudam a entender o assunto das matérias.

Quando seu nível estiver melhor, o que acha de fazer um teste em inglês?

Escute aulas de inglês em mp3 ou rádios online

Use o tempo gasto em seus trajetos para escutar aulas de inglês! Se estiver no carro, coloque no som ou coloque os fones de ouvido nos transportes públicos e pronto.

Você pode baixar os mp3 ou colocar um CD para treinar o seu ouvido. Prefira de manhã quando está mais atento que à noite.

Os podcasts também são excelentes para aprender inglês! Procure-os na internet e coloque play!

Ver filmes e séries sem legenda

Desapegue das traduções! Filme dublados e legendados devem ser evitados!

Comece vendo filmes para crianças em que a linguagem é menos complexa. Pode colocar a legenda em inglês no começo, se preferir.

Outra dica é ver primeiro filmes que você conhece de cor para prestar atenção principalmente nas falas dos personagens. A história você já conhece!

Mas você tem que se esforçar aos poucos para entender as falas somente com o ouvido, sem a legenda em inglês.

Não há coisa mais fácil que colocar as legendas em inglês. Se estiver assistindo a um DVD, você deve ir no menu no local dos idiomas. Selecione a fala original e a legenda em inglês.

Caso você tiver baixado a série ou o filme, é fácil você achar só as legendas em inglês. Mas cuidado! Isso requer mais trabalho e técnica.

Mas uma coisa é certa. Se conseguir entender a maioria dos filmes dessa forma, você estará preparado para viajar e se comportar como um nativo!

Ler livros juvenis em inglês

Como os fenômenos de Harry Potter e Twilight poderiam passar despercebido para você? Se você leu esses livros em português, chegou a hora de lê-los em inglês! Os fãs da saga Harry Potter se acostumaram a ler o livro em inglês para não ter que esperar as versões traduzidas em suas línguas respectivas. Isso foi há algum tempo, está bom (para os que começaram a ler já com todas as edições lançadas).

Vários adultos também fizeram isso recentemente com os livros de Cinquenta Tons de Cinza. Com novidades o tempo inteiro, a literatura inglesa vai te ajudar muito a conhecer novas palavras. Escolha os livros com uma linguagem menos formal, mais parecida com a falada.

Jornais, revistas, internet são bons aliados no aprendizado da língua A leitura permite o contato constante com a língua inglesa

A seção juvenil também pode ser um bom caminho! Não tenha preconceito: não há histórias de amor de adolescentes. A gente pode encontrar obras em vários estilos: terror, fantasia, via cotidiana, histórias afins…

Ter um correspondente inglês via Skype

Talvez durante a escola você teve aquele amigo que morava longe e que trocava cartas com ele? Pois é, a modernidade acabou com isso.

Porém, agora podemos nos comunicar através do Skype! E para falar, não há nada melhor. Quando estamos aprendendo uma língua, isso é um dos fatores mais importantes. Então, vamos todos conversar em inglês no Skype? Mas com quem? Onde encontrar amigos anglófonos?

Há sites especializados em trocas de língua como o conversation exchange. Lá você pode encontrar pessoas interessadas em praticar a sua língua com você e vice-versa.

Ou se não, as redes sociais! Pergunte algum amigo que mora fora para indicar um anglófono no Facebook ou Twitter. Quem sabe ele anima de conversar com você no Skype? Uma conversa de uma hora a cada 15 dias pode ser muito benéfica.

Associações inglesas no Brasil

Encontrar associações norte-americanas ou inglesas será mais fácil em capitais como São Paulo, Rio de Janeiro etc.

Associações de cozinha, para se reunir entre anglófonos… Normalmente elas são abertas fazendo uma inscrição antecipada. Elas organizam também festas típicas e dicas para encontrar uma casa mais barata em seus países respectivos.

Essa é uma boa maneira de praticar o inglês e conhecer a cultura dos países anglófonos sem sair da sua cidade.

Começar o mais jovem possível

É possível aprender uma língua estrangeira em qualquer idade. Assim, não é porque deixamos de ser estudante que não podemos aprender uma nova língua.

Incentive o seu filho a estudar idiomas desde cedo Quanto mais cedo melhor! Comece o aprendizado da língua desde criança, se puder

Porém, se você tiver filhos, não é preciso esperar muito para colocá-los em uma aula de inglês. Ao contrário! Temos que reconhecer que as crianças aprendem muito mais rápido as línguas que os adultos.

Compartilhar

Nossos leitores curtem este artigo
Este artigo trouxe a informação que você estava procurando ?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *