Matemática
Inglês
Inglês
Italiano
Teatro
Fotografia
Português para Estrangeiros
Inglês
Superprof uma comunidade de
1.421.871
professores particulares independentes
TOP 10 professores
Inglês
Inglês
Programação
Fotografia
Teatro
Química
Inglês
Inglês
Matemática
Inglês
Inglês
Italiano
Teatro
Fotografia
Português para Estrangeiros
Inglês
Inglês
Inglês
Programação
Fotografia
Teatro
Química
Inglês
Inglês
Superprof uma comunidade de professores particulares independentes
TOP 10 professores
Música Violão e Guitarra Reforço escolar Matemática Idiomas Inglês Aulas particulares Dar aulas particulares
Compartilhar

Enem para ciências exatas: o que estudar, provas e trabalhos

De Carolina, publicado em 30/11/2016 Blog > Reforço escolar > Matemática > Vestibular matemática: matérias, revisões e empregos

O vestibular e o Enem não são etapas fáceis de se passar na vida. Além do período ser muito chato: adolescência, início da vida adulta, dúvidas, formação de identidade, etc, você tem que saber química, física, matemática, língua portuguesa, história, geografia etc.

E ainda não acabou! Na maioria das vezes, ainda temos que aprofundar na matéria específica da nossa área para a segunda etapa do vestibular.

Mas depois do vestibular e do Enem, a boa (má) surpresa: passar (ou não), ter boas notas (ou não)! Para os que conseguiram entrar na universidade de seus sonhos, as dificuldades ainda não acabaram. Ou começaram? E para aqueles que não conseguiram passar, mais uns meses de estudos em cursinhos…

Voltando aos calouros da vida acadêmica, nossas matérias preferidas vão ficar mais complexas e as responsabilidades vão aumentar cada vez mais.

O dever espera por você! Ele é bem grande e necessita de muita seriedade. Por isso, veja o que você pode fazer em um curso superior em exatas.

Mariana

Nossos professores são realizados

”Com o Superprof, eu consegui encontrar alunos sérios, motivados e com vontade de aprender. Eu recomendo o Superprof!”

Os cursos de matemática no ensino fundamental e médio

Início da vida com os cálculos e números Quais são as matérias da disciplina no ensino fundamental?

E se a gente mergulhasse junto em um currículo escolar de matemática e seus diferentes objetivos, do 1º ano do colégio ao 3º ano científico? Durante todos os estudos na escola, a matemática tem uma importância capital para os estudantes. Para muitos, a matéria vai além do fundamental e médio para o ensino superior.

Do  1º ao 5º ano,  a meta do professor de matemática é desenvolver o raciocínio dos alunos, sua imaginação, assim como sua capacidade de análise.

No 1º ano do ensino fundamental, os alunos começam a incorporar os conceitos básicos da matemática como os números decimais, algumas figuras geométricas, resolvem problemas simples de cabeça e veem calendários e mapas elementares. Já o ano seguinte, o 2º, aprofunda a matéria do primeiro. Além do que já foi explorado, há ainda a noção de espaço, medidas e grandezas como massa, comprimento, etc. No 3º ano, as coisas ainda se desenvolvem: a criança já está familiarizada com o sistema numérico, sabe fazer algumas adições e subtrações além de conhecer algumas nomenclaturas de figuras numéricas.

Essas são algumas das noções gerais aprendidas pelos alunos. Depois do 5º ano, ele está pronto para os anos finais do ensino fundamental, o que lhes dá base para o ensino médio. Nos 3 anos antes dos estudos superiores, a ideia é aprofundar na matemática para, quem sabe, preparar os futuros vestibulandos de ciências exatas? Comparado aos anos anteriores, a complexidade aumenta muito. Podemos dizer que a matemática também é um jeito de acostumar o aluno adolescente à vida adulta? Também cada vez mais complexa?

Como passar em matemática no ensino médio?

A passagem do ensino fundamental ao médio também não é simples. Esse período da vida é um marco para todos, da vida infantil para a vida adulta. A criança se torna adolescente, jovem um pouco de uma hora para outra (olhe que eu não sou a tia que diz que você cresceu cada vez que te encontra…).

As dificuldades aumentam consideravelmente, principalmente em matemática. A carga de conteúdo é muito maior, normalmente o aluno tem aula de álgebra e de geometria separadas, com dois professores diferentes.

E ainda o estudante deve se preparar para o vestibular, Enem…

Então, como ir bem e não ser reprovado em matemática no ensino médio?

Não há muito segredo. As chaves para o sucesso são sempre as mesmas: dedicação, persistência e agilidade.

Mas para matemática, em particular, o importante é não se perder no emaranhado de conteúdo.

Quando tiver uma dúvida, tente solucioná-la o mais rápido possível. Não deixe suas perguntas se acumularem e virarem uma verdadeira bola de neve.

A liberdade após as provas de matemática! Os estudos nos preparam para a vida adulta

Pergunte para o professor, para o amigo crânio!

Outra dica: reveja a matéria em outros materiais didáticos. Pode ser que um outro livro explique melhor aquilo que não ficou claro para você em uma determinada matéria.

Ou se não, crie seu próprio material didático: as fichas. A vantagem é que você pode resumir o conteúdo nesse papel e ainda facilitar suas revisões.

Faça e refaça exercícios do mesmo assunto. Outra dica, veja os exercícios corrigidos também. Eles podem te ajudar a encontrar o macete que estava faltando para resolver aquele exercício cabeludo.

E claro, não desista nunca!

Como ir bem no vestibular em matemática?

Você escolheu ciências exatas ao invés de humanas, biológicas para seguir seus estudos superiores? Então, agora é a hora de entrar fundo na língua dos números, cálculos e figuras geométricas!

Veja, então, nossas dicas para ir bem na prova de matemática do vestibular e do Enem.

Vamos começar trabalhando seus pontos fracos. Faça uma lista de todo o conteúdo que te deu dor de cabeça durante o ensino médio. Depois, prepare uma lista de exercícios dessas matérias: livros, exercícios corrigidos, temas do vestibular, Enem. As revisões em grupos podem criar uma dinâmica interessante, principalmente se os que tem mais facilidade ajudarem os que têm mais dificuldade. Fazer perguntas pertinentes pode ajudar até os mais gênios a revisar os principais pontos da matéria.

Qual curso prestar para o vestibular em exatas?

Você já decidiu que vai prestar vestibular para ciências exatas. Agora, você está em dúvida sobre qual curso fazer?

Normal, são tantas opções! A matemática abre muitas portas. Veja aqui os principais caminhos a seguir.

Os cálculos servem para muitas profissões A matemática é a base da química, física etc

Você pode optar pela matemática nua e crua! Os cálculos, números e sinais vão ser seus melhores amigos e vão te acompanhar por toda a vida!

Se quiser um pouquinho mais de dinâmica, você pode cursar física. A matemática é a base dos estudos nessa disciplina. Você vai lidar também com os estudos dos movimentos, energia e a interação entre os diferentes corpos (das maiores às menores partículas).

Ainda existe a astronomia que está dentro da física, porém, estuda a interação e a energia dos corpos presentes nas galáxias.

A química também necessita da matemática, mas ela estuda as matérias, suas composições e as reações químicas provocadas pelas suas interações.

Outro campo muito presente nas ciências exatas é o da engenharia. No Brasil, podemos cursar mais de 20 cursos de diferentes tipos: civil, elétrica, mecânica, naval, de minas etc… Sua escolha vai depender de sua segunda paixão, a primeira tem que ser pela matemática e seus cálculos.

A geometria e a álgebra se relacionam muito bem com outras ciências como a humanas. Os cursos de arquitetura, estatísticas e contabilidade se caracterizam por estar dentro das ciências exatas, mas ter uma relação muito próxima com a humanas.

A arquitetura pensa e projeta os espaços onde o ser humano vive. Para exercê-la, você tem que gostar de cálculos, mas também das artes, culturas e tradições.

Os espaços urbanos precisam também de cálculos Matemática é importante para criar prédios!

As estatísticas vão representar em números e gráficos os fenômenos naturais, sociais e econômicos. Se você gosta de pesquisas que envolvem questionários, gráficos, porcentagem, esse pode ser um bom caminho!

A contabilidade faz o controle de todos os gastos e ganhos de uma sociedade, empresa, família.  Além dos ganhos financeiros, ela também considera os ganhos materiais como propriedades, veículos etc.

Outro campo muito importante hoje em dia é o da computação e tecnologias. Através deles, você pode se transformar em um expert do Big Data, fazer análises, criar softwares, hardwares, aplicativos, banco de dados. As tecnologias trabalham com o desenvolvimento de novas soluções de máquinas e programas de computação.

Como se preparar para o GMAT?

Mas se quiser se especializar em administração de empresas, saiba que existe um teste especial válido principalmente no exterior. Caso queira fazer carreira internacional ou estudos em outros países, vale a pena fazer o GMAT (Graduate Management Admission Test).

Esse teste contém questões de múltipla escolha de matemática e uma dissertação. Atenção, tudo é feito em inglês!

Por isso, além de estar afiado no conteúdo da disciplina, seu inglês tem que estar na ponta da língua e do lápis.

Por isso, as vezes o melhor caminho é fazer algumas aulas particulares de matemática e de inglês para ter melhores resultados com seu GMAT.

Quais são os empregos após cursar matemática?

O que não falta na área de exatas é emprego! A matemática é essencial para as empresas, indústrias, campos que geram mais trabalho em qualquer lugar.

Um dos caminhos é continuar seus estudos e seguir carreira acadêmica. Mas haja estudos para isso! Você tem que ter no mínimo o doutorado se quiser fazer pesquisas e dar aulas em universidades.

Se não, o ensino fundamental e médio sempre procuram professores de matemática. Para ser professor até os estudos secundários, basta fazer a graduação e a licenciatura. E claro, gostar muito de transmitir seus conhecimentos.

Se não quiser ir além em seus estudos superiores, o melhor a fazer é procurar empregos em empresas. Os setores de contabilidade, informática, logística sempre precisam de vários profissionais em ciências exatas.

Como ser um profissional em matemática?

A linguagem dos números pode ser uma verdadeira paixão. Para os “loucos” pela matemática, o melhor a fazer é se tornar um profissional da disciplina.

Mas como chegar até lá? Como para todas as conquistas em nossas vidas, a dedicação, persistência e amor são essenciais.

Os longos estudos superiores são marcas dos matemáticos, principalmente aqueles que seguem carreira acadêmica, fazem pesquisa e dão aula na universidade.

Há aqueles que acreditam que a escolha da universidade é importante para definir o futuro profissional. As faculdades federais, até então, incentivavam muito as pesquisas. Já as particulares preparavam os alunos principalmente para o mercado de trabalho. Mas com o atual andar da carruagem e a falta de incentivo financeiro do governo para a educação, talvez as particulares sejam a melhor opção para ambos os trajetos.

Porém, cada caso é um caso. Cabe ao aluno se informar e fazer a balança de qual universidade corresponde mais com as suas expectativas.

Compartilhar

Nossos leitores adoram deste artigo
Este artigo trouxe a informação que você estava procurando ?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...

Deixe um comentário

avatar
wpDiscuz