A revista que adora os profes, os alunos, as aulas particulares e o intercâmbio de saberes

Como se aprimorar nos cálculos de um jeito diferente?

Par Fernanda le 22/11/2016 Blog > Reforço escolar > Matemática > Maneiras alternativas para aprender a calcular
Table des matières

A matemática é uma disciplina que, a princípio, assusta muitos estudantes.

Mas você saberia dizer qual é o melhor jeito de estudar? Quais as metodologias de estudo mais recomendadas?

Tida como uma das matérias mais difíceis, conhecida por ser chata e muitas vezes incompreensível, a matemática raramente agrada aos alunos.

No entanto, ao entender seus conteúdos, o estudante passa compreender melhor nosso mundo e nossa sociedade. É como se você passasse a entender como funcionam  os mecanismos dessa grande engrenagem que é a vida. Na verdade, algo muito útil na prática do dia a dia.

Dois métodos clássicos de ensino na matemática que se opõem

Ensinar matemática é apresentar aos alunos desafios matemáticos adequados à idade deles. É dar tempo para que eles reflitam, troquem conhecimentos, estudem, pensem.

No entanto, o ensino depende de muitos fatores: do meio socioeconômico da família, da capacidade individual de concentração… Nem todos conseguem aprender a disciplina do mesmo jeito, pelo mesmo método de ensino.

O professor tem o mesmo dilema: cada aluno tem sua maneira de aprender, portanto, é preciso estar atento aos ensinamentos; além disso, os conteúdos devem ser contextualizados à realidade dos alunos.

Para o professor, também é um desafio: há alunos que já têm referências para entender certas informações, e outros que precisam de um acompanhamento bem mais próximo. E no final, quando as notas caem, não sabemos o porquê. Na verdade, a matemática funciona como qualquer outra disciplina: é preciso perceber a capacidade de reflexão e contextualização do aluno.

As técnicas para se aprender as exatas variam! As técnicas para aprender as exatas variam!

Atualmente, existem dois métodos de ensino que, ao mesmo tempo, se opõem: o método da instrução direta e o ensino ativo.

  • Método da Instrução Direta: chamado de método tradicional, prevê um professor como transmissor do conhecimento, em uma organização hierárquica. O educador é o centro do ensino e ele repassa as informações à turma, expondo o conteúdo e certificando-se de que os estudantes aprenderam o que se espera deles. O método inclui técnicas de repetição, testes e exemplos.
  • Ensino ativo ou interativo: consiste em criar ambientes de ensino que estimulam a interação entre o professor e os alunos, abrindo possibilidades de colaboração e de debates construtivos. A base dessa técnica é a comunicação multidirecional, com preferência para conversas em grupos e projetos coletivos.

A verdade é que, certamente, o segundo método é o mais apropriado para a matemática atualmente. No entanto, nem sempre os professores têm as condições e os ambientes necessários para que os alunos assumam a aprendizagem como atores reais e ativos. O risco é a desmotivação e o abandono.

Mas então como aprender matemática de um jeito diferente? Podemos aprender a disciplina sozinhos?

O ensino da matemática sob medida: aulas particulares

Fazer aulas particulares significa ter um profissional da disciplina ou área que acompanhe seus estudos.

Mas por que fazer aulas de matemática?

É um jeito diferente de aprender a matéria, pois é um método mais personalizado e que se adapta às necessidades individuais do aluno.

Você pode encontrar um professor particular por meio de anúncios na internet ou no seu bairro, ou também por meio de portais online de reforço escolar.

professor independente pode dar aulas em casa Aulas de reforço escolar são uma boa alternativa

Para o aluno é uma alternativa bem eficaz: você não precisa se incomodar com seus colegas de turma, você pode tirar suas dúvidas sem pressa e se por acaso não conseguir entender algum ponto, o professor pode dedicar mais tempo nesse conteúdo específico.

O professor é geralmente um profissional da educação, muitas vezes um estudante de licenciatura de matemática ou ciências exatas, ou então um professor aposentado ou um educador que atua em ambientes de ensino não regular.

Ele conhece o conteúdo, tem experiência como educador, domina a matemática geralmente em todos os níveis de estudo da educação básica. A sua missão é garantir que o aluno aprenda a disciplina sem que haja lacunas. Isso tudo de uma maneira adaptada ao perfil do próprio estudante.

Assim, o curso de matemática particular pode trazer resultados ainda mais otimizados, uma vez que as aulas são personalizadas e atendem às demandas e dificuldades específicas de cada aluno.

Você consegue encontrar professores particulares no Brasil inteiro.

cursos particulares de matemática Que tal fazer uma aula sob medida?

É uma excelente metodologia para aqueles que desejam aprender a disciplina de um jeito diferente, pois o curso atende suas expectativas e ainda dura o tempo que você levar para aprender os conteúdos.

Avance nos estudos com a técnica das fichas

Você conhece essa técnica? Utilizar fichas de estudo pode ser uma solução muito eficaz para aprender matemática de um jeito diferente.

Em primeiro lugar, é você que cria seu próprio material de estudo. Afinal, você é quem conhece o melhor jeito de organizar os estudos e as anotações, escolhendo o que é mais importante, acrescentando exemplos. Além disso, é comprovado que o sistema de fichas de estudo contribui intensamente na absorção de informações específicas em um tempo recorde. Incrível, não?

Mas é preciso, antes de tudo, saber redigir uma ficha de estudo de matemática! Você sabe?

Não existe um método específico para a redação das fichas, mas é importante identificar qual é a visualização que lhe permite assimilar melhor o conteúdo. Ter capacidade de síntese é fundamental nessa hora.

Quanto ao tipo do papel, você também pode escolher o mais prático para seus estudos. As fichas de papel tipo bristol são muito usadas, mas não são as únicas. Escolha sempre folhas simples por serem mais práticas; melhor não usar folhas duplas.

Outra dica é escrever apenas no recto da folha, por questões de praticidade.

como fazer fichas para estudar matemática Reúna as informações essenciais!

Também não se esqueça de utilizar bastante cores, para realçar os diferentes títulos, aulas, fórmulas e teoremas, entre outros.

Enumere suas fichas de estudo: em matemática, existem muitos capítulos e subcapítulos. Certamente você vai precisar de muitas fichas para guardar todo esse conteúdo!

Saiba que cada pessoa tem seu jeito particular de estudar; portanto, cada pessoa cria uma ficha diferente. É normal: cada um desenvolve mecanismos próprios para guardar conteúdos na memória, cada um sabe o que destacar ou sublinhar para dar mais ênfase ou valor. Descubra o seu! Crie sua ficha de modo que ela facilite a sua vida e seu aprendizado.

E lembre-se: acrescente exemplos para cada conteúdo. Eles ajudam a ilustrar a teoria e são grandes salvadores na hora de revisar!

Assimil ou Berlitz?

Entre todas as formas mais conhecidas de se aprender matemática, os métodos Assimil e Berlitz estão em alta.

São métodos voltados para adultos e frequentemente utilizados na aprendizagem de línguas.

O princípio que rege é o mesmo para ambos os métodos: a assimilação intuitiva.

Do mesmo jeito que você aprendeu a falar português sem perceber que estava em um processo de ensino-aprendizagem, você vai aprender matemática naturalmente, decifrando problemas, escutando CDs e ouvindo áudios em MP3. Essa é a primeira fase do método, chamada de passiva.

Nessa fase, você precisa exercitar e empregar os conteúdos adquiridos apenas por meio desse método e só depois poderá explorar outras fontes de estudos em matemática.

Na segunda fase do método, a chamada fase ativa, você continua a estudar os materiais de apoio mas deve, todos os dias, realizar um exercício para revisar o que já aprendeu.

No método Assimil, sobretudo, todas as lições de matemática têm uma apresentação padrão: primeiramente um texto, depois, alguns exercícios. Entre eles um exercício para completar e uma ilustração que contextualiza os conceitos de cada lição. Claro, tudo isso acompanhado de explicações e referências diversas.

A cada sete lições, há uma revisão semanal que trata do conteúdo estudado nos dias anteriores de maneira mais aprofundada.

Os MOOCs nos estudos de matemática

Os MOOCs (Cursos Online Abertos e Massivos – tradução de Massive Open Online Courses) estão cada vez mais presentes no dia a dia de professores e estudantes.

Esse recurso é reconhecido internacionalmente e se demonstra cada vez mais eficaz, graças à divulgação pela Internet e seus internautas. A Matemática não está fora disso!

que tal estudar matemática na internet Cursos Online Abertos e Massivos: experimente!

Na verdade, os MOOCs representam uma grande revolução nos conceitos de aprendizagem. Mas o que é um MOOC? São cursos online divulgados por meio de vídeos, com horário e duração pré-definidos. Duram geralmente entre 15 e 20 minutos. Os vídeos são disponibilizados gratuitamente na Internet por universidades ou instituições reconhecidas.

Sempre vai existir um MOOC para o assunto que você procura. Matemática é um exemplo disso. Não importa se você é iniciante ou está em níveis avançados.

Todos os dias surgem novos vídeos, principalmente em inglês, e cada vez mais em português. As grandes escolas norte-americanas são as mais conhecidas por divulgarem seus cursos online.

Os MOOCs não certificam com diplomas, pois seu objetivo principal é complementar uma formação principal já em curso: os vídeos abordam geralmente temas específicos e de maneira bem pontual.

Como encontrar um curso de matemática nessa modalidade? Basta procurar nos sites de universidades e instituições o portal MOOC, se inscrever e pronto: você vai receber um e-mail um pouco antes do começo do curso. Não é necessário uma matrícula na instituição ou universidade para frequentar sua aula online.

Além do vídeo, o MOOC também traz sugestão de livros, estudos, sites Web e outras referências para completar suas aulas.

Ao final de cada curso, você tem acesso a uma avaliação em estilo quiz, que permite que você avalie o quanto aprendeu durante a sessão. Ainda há o acesso ao fórum do curso se você quiser conversar com outros colegas e tirar possíveis dúvidas.

Um curso pode durar até seis meses e exige várias horas de estudo por semana, se seguido à risca. Que tal tentar aprender matemática financeira por essa modalidade?

Outras possibilidades para entender matemática

Ainda existem outras alternativas para aqueles que desejam aprender a disciplina fora dos métodos tradicionais.

  • Método Kumon: método bem difundido no Brasil, existe há mais de meio século. O Kumon tem como principal objetivo incentivar a criança a adquirir autonomia nos estudos, buscando fortalecer o potencial individual de aprendizado de cada aluno. Por meio de um processo de aprendizagem planejado e personalizado, o aluno se torna confiante e capaz de enfrentar sozinho o desafio da conquista do conhecimento.
  • Método Moore: esse método tem como centro o estudante. É ele que escolhe o conteúdo que vai abordar e aprofundar. Em vez de utilizar livros didáticos, os alunos trabalham fórmulas e teoremas que devem depois ser apresentados para a turma.
  • Método LEGO: sim, é possível aprender matemática com LEGO!
  • Método Singapura: esse método de ensino de matemática tem como base a abordagem « concreto-pictórica-abstrata », e é aplicado sobretudo na Educação Infantil. Essa modalidade usa bastante desenhos e objetos que os alunos podem manusear para ensinar habilidades de agrupamento que auxiliam na aprendizagem da adição, subtração, multiplicação e divisão.

Nos précédents lecteurs ont apprécié cet article

Cet article vous a-t-il apporté les informations que vous cherchiez ?

Aucune information ? Sérieusement ?Ok, nous tacherons de faire mieux pour le prochainLa moyenne, ouf ! Pas mieux ?Merci. Posez vos questions dans les commentaires.Un plaisir de vous aider ! :) (Soyez le premier à voter)
Loading...
Fernanda
Apaixonada por educação, música e cinema, é especialista nos encontros e desencontros das línguas.

Commentez cet article

avatar
wpDiscuz