Matemática
Inglês
Inglês
Italiano
Teatro
Fotografia
Português para Estrangeiros
Inglês
Superprof uma comunidade de
1.421.871
professores particulares independentes
TOP 10 professores
Inglês
Inglês
Programação
Fotografia
Teatro
Química
Inglês
Inglês
Matemática
Inglês
Inglês
Italiano
Teatro
Fotografia
Português para Estrangeiros
Inglês
Inglês
Inglês
Programação
Fotografia
Teatro
Química
Inglês
Inglês
Superprof uma comunidade de professores particulares independentes
TOP 10 professores
Música Violão e Guitarra Reforço escolar Matemática Idiomas Inglês Aulas particulares Dar aulas particulares
Compartilhar

Qual o perfil ideal de educador para meu filho?

De Fernanda, publicado em 28/12/2016 Blog > Reforço escolar > Matemática > Como escolher um professor de matemática?

Atualmente, a concorrência no mercado de aulas particulares e de aulas de matemática é bem grande. E continua crescendo.

Por um lado, é uma ótima notícia, principalmente para alunos e pais que podem escolher o melhor profissional de acordo com suas necessidades e demandas. Mas aí vem a grande dúvida: qual tipo de professor de matemática devo escolher para auxiliar meu filho nos estudos?

Posso confiar no professor que se formou como autodidata, por exemplo? Na verdade, muitas são as opções: milhares de engenheiros, estudantes de boas instituições e apaixonados pela disciplina propõem seus serviços.

Quais são as vantagens de cada perfil de professor, e quais são os contras de cada metodologia?

Aliás, será que é melhor recorrer aos serviços de um educador com um bom diploma, e que tenha uma metodologia mais tradicional, ou posso arriscar uma pedagogia mais livre, contemporânea?

Veja agora nossas dicas e confira os principais perfis de professores.

Mariana

Nossos professores são realizados

”Com o Superprof, eu consegui encontrar alunos sérios, motivados e com vontade de aprender. Eu recomendo o Superprof!”

Escolher seu professor de matemática em função da experiência profissional

Digamos que o ano letivo do seu filho não anda lá aquelas coisas. Nos primeiros anos do fundamental, ou nos anos finais, seja no ensino médio ou na universidade, talvez a matemática nunca tenha sido seu forte.

qual o melhor perfil de educador para seu filho Não é nada fácil se tornar professor particular de matemática!

Mas encare os fatos: você não pode deixar as dificuldades se prolongarem por muito tempo na escola, certo?

A aprendizagem de matemática nos primeiros anos da Educação Básica tem como principal objetivo ensinar aos mais jovens sobre o mundo que os cerca, e sobre as regras que o compõem.

Isso inclui os números! Os números estão presentes em todos os momentos, lugares e coisas da nossa vida. Daí a importância dessa temida disciplina.

Quando o aluno chega ao Ensino Médio, a matemática ganha ainda mais relevância, uma vez que a escolha de uma carreira está em jogo. São estudos que podem determinar seu futuro.

Resultados de pesquisas e avaliações nacionais (como o Saeb – Sistema de Avaliação da Educação Básica) e internacionais indicam que o panorama não é nada favorável. Dados divulgados recentemente pelo último PISA, Programa Internacional de Avaliação de Estudantes, revelam que o Brasil caiu para a 66ª colocação em matemática, sabendo que foram avaliados 70 países.

Nem precisamos ir muito longe para saber da importância dos estudos de ciências exatas para todos os alunos.

Portanto, que tal recorrer a um professor particular, que dê aulas de reforço para seu filho?

Ok, sabemos que contratar um profissional particular uma vez por semana está longe de ser barato. Mas saiba que as vantagens e os benefícios fazem toda a diferença. A metodologia se demonstra muito eficaz. No final, o investimento é mais do que válido.

Por isso é importante escolher o professor mais adequado às demandas de seu filho. Não é nada fácil!

Para começar pelo caminho certo, nós aconselhamos como prioridade observar a experiência do profissional. Antes de assumir o compromisso, converse com o professor e investigue se ele tem o hábito de fazer aulas individuais. As aulas particulares, as de apoio ao dever de casa e o reforço escolar são disciplinas específicas e que exigem certa bagagem e metodologia.

É preciso que as aulas aconteçam presencialmente, na casa do aluno, e com uma certa regularidade. Outra condição é que o professor precisa adaptar todo seu conteúdo em função do aluno. Desde suas maiores dificuldades em sala de aula até os bloqueios psicológicos, passando inclusive por sua personalidade. Tudo isso deve ser levado em conta.

Finalmente, saiba que em alguns sites, como no Superprof, por exemplo, os professores de matemática (e demais disciplinas) têm a possibilidade de descrever em detalhes sua experiência profissional  educacional.

Aliás, o Superprof também permite que os alunos que já frequentaram os cursos deixem comentários e observações sobre os profissionais. Um ótimo recurso, não?

Esses são elementos fundamentais que ajudam na hora de fazer a boa escolha.

Posso confiar em um professor que se formou como autodidata?

professores autodidatas Que tal chamar um engenheiro para dar aulas particulares a seu filho?

Mais cedo ou mais tarde, essa pergunta vai aparecer para você. Ao realizar sua busca de professores particulares, você encontra milhares de anúncios, de todos os tipos. Professores que podem ensinar matemática para alunos do 1º ano do fundamental ao 3º ano do ensino médio. Professores que dominam os mais extensos conteúdos:

  • Álgebra
  • Trigonometria
  • Geometria
  • Frações
  • Teoremas
  • Equações
  • Números complexos
  • E por aí vai…

Essa variedade de oferta é uma das principais características do mercado de professores particulares, e pode ser também uma vantagem: o profissional é autorizado a sair da “caixinha” da educação regular, tradicional, e pode utilizar métodos e pedagogias alternativas, adaptáveis em função das necessidades do aluno. Algo mais personalizado, e muitas vezes mais eficaz.

Portanto, saiba que você não vai encontrar apenas professores com diplomas universitários, pós-graduação e toda a sequência tradicional acadêmica.

É bem possível que você encontre muitas opções de professores que se formaram de maneira autodidata, ou seja, sem diploma ou formação regular, e que estudaram sozinhos.

O universo das aulas particulares é repleto de autodidatas, na verdade. Os autodidatas, muitas vezes dominam saberes diversificados, como matemática, química, ciências, tecnologias, engenharia…

Os autodidatas são frequentemente estudantes em grandes universidades que precisam de recursos para pagar seus estudos. Sabia que até os engenheiros se lançam no mercado?

São professores sem formação mas com conhecimentos científicos avançados!

Mas então… chega o momento de realizar a grande escolha. Quais critérios utilizar? Podemos confiar cegamente nesse profissional, justamente num momento crítico na vida estudantil de seu filho?

Bom, primeiramente, a escolha final é sua, é claro. Mas aqui no Superprof nós pensamos que… Sim! É claro!

Nada melhor que aprender uma disciplina sob um outro ponto de vista, com outra abordagem. Enriquece os estudos e, de quebra, fortalece os saberes de forma interdisciplinar.

Professor particular x profissional da educação: prós e contras

Depois de decidir que você vai contratar um professor particular ou um acompanhamento especializado de matemática para seu filho, chega o momento de escolher qual o profissional mais adequado.

Esse profissional também pode ser alguém da própria escola que ele frequenta. Muitos professores oferecem seus serviços fora do horário regular, como complementação de renda. Pode ser um pedagogo, um professor universitário ou um professor licenciado.

Mas também existe a possibilidade de contratar um professor particular profissional… E agora? Como escolher? Quais as vantagens e desvantagens de cada perfil e de cada metodologia?

O espírito livre do professor de matemática em domicílio

Aprender matemática em sala de aula tradicional nem sempre é a melhor metodologia para todos. A sala é composta por trinta a quarenta alunos, e nem sempre o professor tem o tempo necessário para cada um deles. Dependendo das características da própria turma, tampouco tem paciência e disponibilidade!

A metodologia tradicional pode se revelar rígida demais, dependendo da linha pedagógica da escola. E isso pode até desmotivar seu filho.

pedagogia do professor de aula particular Uma metodologia alternativa: por que não?

Para dar aquela injeção de ânimo e de motivação em seu filho, que tal contratar um professor particular, com uma metodologia e uma abordagem diferentes?

Se ele estiver se aproximando do vestibular, é preciso se apressar!

Nem todos os alunos se encaixam nos moldes da educação tradicional, seja ela pública ou particular. Frequentemente, o reforço escolar e as aulas particulares fazem toda a diferença no desenvolvimento escolar do aluno.

Pela primeira vez na vida, ele vai poder desfrutar de um ensino completamente livre e desvinculado de avaliações. E quando o assunto é matemática, uma das disciplinas que geram mais pesadelos nas crianças e nos jovens, isso pode ser a salvação da pátria!

A grande vantagem de adotar essa modalidade de aulas particulares ainda reside na sua metodologia, que tem como princípios a liberdade e a flexibilidade.

A liberdade de estudar um conteúdo complexo com uma abordagem totalmente diferente do que dizem os materiais didáticos. A utilização de aplicativos, smartphones, jogos online, músicas, recursos inovadores.

O professor particular também é capaz de inverter a tradicional posição hierárquica imposta pela escola clássica, onde os alunos têm de obedecer à autoridade, o professor. Nas aulas em casa, professor e aluno estão no mesmo nível. Pelo contrário, o centro se torna o aluno, uma vez que todas suas necessidades e dificuldades devem ser trabalhadas de maneira individual e personalizada. É também um ambiente bem mais descontraído.

O contra dessa metodologia reside paradoxalmente no professor: se você fizer uma má escolha, pode cair com uma pessoa que dê liberdade demais, ou então que se afaste demais do conteúdo a ser estudado.

A tradição do profissional da educação

Os pais que continuam preocupados com a educação de seus filhos e têm um pouco de receio de arriscar algo alternativo, optam por contratar um profissional da educação, ou seja um professor da própria escola ou da rede de ensino.

E por que não?

É o melhor jeito de não correr grandes riscos: o conteúdo será certamente o mesmo. Ainda mais se a situação escolar de seu filho estiver a ponto de uma calamidade!

Por que confiar em uma pedagogia alternativa principalmente se seu filho estiver no 3º ano do ensino médio?

A escolha por esse profissional da educação é justamente para se manter em terreno conhecido. Uma pedagogia comprovada, tradicional e que não trará surpresas muito grandes.

Sim, essa metodologia tem suas vantagens e resultados excelentes.

Mas existe um inconveniente: seu filho pode ficar entediado, desmotivado.

Ele já vivencia essa modalidade de ensino durante várias horas ao longo da semana. Os mesmos exercícios, os mesmos livros, a mesma voz.

Alguns podem se desmotivar ao ver aquele mesmo profissional em sua casa. Um déjà-vu de um fracasso. A matemática pode se tornar algo… ainda mais chato.

O que perguntar para seu futuro professor de matemática?

Tirar suas dúvidas nos estudos dos números Prepare-se para metralhar o professor particular com milhares de perguntas!

Depois de iniciar sua busca por um professor particular, você vai fazer uma primeira seleção, com os preferidos.

Sejam eles profissionais de apoio no dever de casa, de reforço escolar, para aulas de matemática em casa, seja um engenheiro, físico, químico, seja um curso preparatório para o vestibular, enfim!

Você vai precisar fazer uma entrevista com os selecionados, e por isso deve formular uma série de perguntas para que consiga fazer a sua escolha de maneira consciente e adequada. Veja alguns exemplos de perguntas aqui:

  • Há quanto tempo você dá aulas particulares em casa?
  • Você tem referências de trabalhos anteriores?
  • Qual a sua formação?
  • Qual o valor da sua hora/aula?
  • Quais são os conteúdos de matemática de sua preferência?
  • Você dá aulas de outras disciplinas?
  • Você segue alguma metodologia específica?
  • Você tem facilidade de deslocamento e pode dar as aulas em nossa residência?
  • Você já teve algum aluno com perfil similar ao do nosso filho?
  • Você acredita que pode ajudá-lo a melhorar suas notas/conceitos e seu desempenho escolar?

Essa entrevista é crucial para sua escolha. Você pode fazê-la presencialmente ou por telefone. O importante é que ela lhe dê elementos suficientes para que você consiga distinguir o profissional mais adequado entre os tantos professores disponíveis!

Boa sorte!

Compartilhar

Nossos leitores adoram deste artigo
Este artigo trouxe a informação que você estava procurando ?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...

Deixe um comentário

avatar
wpDiscuz