Música Reforço escolar Idiomas Aulas particulares
Compartilhar

Conheça a história da língua inglesa

De Carolina, publicado em 20/05/2017 Blog > Idiomas > Inglês > Saiba as origens do inglês

A língua inglesa é a mais aprendida no mundo. Ela é falada em 75 países sendo a língua oficial ou extraoficial deles. 339 milhões falam inglês como a língua maternal sendo o 3º idioma mais falada no mundo. O mandarim é a primeira língua com 1,3 bilhão e o espanhol é a 2ª com 427 milhões de acordo com o livro “The Ethnologue: languages of the world”.

Hoje, cada vez mais pessoas querem aprender inglês por razões profissionais, principalmente no setor digital e de novas tecnologias.

Os germânicos contribuiram muito para o desenvolvimento do idioma As culturas do norte influenciaram muito a inglesa e a língua

Hoje ela é a língua mais aprendida no mundo e a mais valorizada no mercado de trabalho. Porém, ela é bem antiga! Ela tem a origem no ano 700. A evolução do inglês se faz em três tempos: Old English muito utilizado pelas culturas tribais germânicas, Middle English durante o tempo que o francês teve uma grande influência no inglês e o Modern English a partir de 1100 até 1500 que vai mudar muito a língua e se transformar no idioma contemporâneo que nós conhecemos.

Mariana

Nossos professores são realizados

”Com o Superprof, eu consegui encontrar alunos sérios, motivados e com vontade de aprender. Eu recomendo o Superprof!”

Old English

Antes de 700, as tribos germânicas originadas dos países escandinavos estavam em guerra perpétua por causa de território. Eles embarcam na Grã Bretanha, chamada de Britânia e tiram as tribos celtas. Eles fugiram para o continente Armórica (atual Bretanha na França).

As tribos germânicas falam suas línguas originais, como o antigo nórdico, franco, frisã, saxã, ânglico. A gente pode comparar essas línguas aos dialetos germânicos. Eles são a premissa para uma língua inglesa que ainda não existia.

A origem do Old English está ligada diretamente com os fluxos migratórios das tribos germânicas para as ilhas britânicas: ânglicos, frísios, saxões. São os ânglicos que deram o nome ao inglês “England” e “English”.

Os dialetos germânicos vão se fusionar em Old English de 700 a 1100. Ele vai ser escrito primeiro em alfabeto rúnico e depois em latim. Os linguistas são unânimes: do ponto de vista fonético, ele é muito próximo ou antigo frísio. Alguns linguistas o chamam de anglo-frísio. Considerado como rústico, essa língua deixa palavras fundamentais como “him”, “he” e seus derivados.

A evolução do inglês é intimamente ligada à história das invasões na Grã Bretanha a partir do século VIII e IX. Os vikings têm um papel central nisso e falavam o velho nórdico ou antigo irlandês. Esse dialeto é a origem de palavras comuns como take, give, skin. O velho irlandês vai deixar suas digitais na gramática inglesa com regras fundamentais como a aparição do they, them, their e do s na 3ª pessoa do singular. O gênero gramatical é neutro.

Middle English

O inglês evolui a partir do século XI com o latim, língua oficial da igreja e a conquista normanda na batalha de Hastings em 1066.

O Middle English é uma mistura de línguas romanas como o francês normando e as línguas germânicas como o antigo escandinavo por meio da sintaxe e a ordem das palavras. O lugar do verbo na frase é influência disso. Com origens germânicas, o dinamarquês e o irlandês têm as estruturas das frases comparadas ao inglês.

Venha conhecer a cidade britânica por excelência Londres será sempre a capital da língua inglesa

Vamos até a vitória de Guilherme, o Conquistador para entender a inserção das línguas romanas. Diante da vitória em 1066 e seu coroament como o rei do mosteiro de Westminster, Guilherme 1º da Inglaterra se instala na Grã Bretanha. O normando é a línguas de oïl do antigo francês falado no norte da França, excluindo a Armórica. Já o e o sul da França falava o occitano.

O normando vai trazer sérias modificações linguísticas se tornando a língua da corte. Ele transmite uma grande diversidade de vocabulário para o Middle English.

Duas línguas eram faladas praticamente nesse período. Para dizer a mesma coisa, eles tinham o equivalente de origem germânica e outro de origem normanda. O termo saxão era utilizado pelo povo enquanto o termo normando pela nobreza (exemplo: pig/pork para porco ou ox/beef para boi). Várias palavras vieram da língua normanda como authority, government, pardon, battle, cream, vinegar, anatomy, nature, table e hour…

Hoje, os franceses têm dificuldade de pronunciar o famoso th nas aulas de inglês. Porém, ele tem origem normanda (união de 2 letras como o ch, sh, gh e a letra w – antigo digrama de vv e uu).

O latim, língua do cristianismo, influenciou muito o Middle English.

Por exemplo, a gente pode citar palavras diretamente ligadas ao latim como incarnate, infinite, intellect, lunatic, moderate, nervous, solidary, zenith. O inglês também utiliza algumas palavras de origem grega presentes no latim: centre, character, comedy, cycle, echo, fantasy, harmony, horizon, magic, mystery, theatre…

A Guerra dos Cem Anos (1337-1453) marca uma virada na língua inglesa. Na verdade, toda a nobreza falava francês no sentido que todos os reis ingleses como Henrique II se casavam somente com princesas francesas de 1152 e 1445. O francês era a língua falada pelos monarcas e o inglês era falado pelo povo.

Alguns acontecimentos foram decisivos nesse momento da história:

  • Em 1362 o parlamento inglês reconhece o inglês como língua oficial nos tribunais.
  • O rei Henrique IV da Inglaterra reinou em plena guerra dos 100 anos de 1399 a 1413. Ele foi o primeiro rei a falar inglês como língua materna e o francês como segunda língua. A geração seguinte com seu filho Henrique V utiliza o inglês em documentos oficiais.

Essa guerra também vai causar a necessidade identitária que passa pela língua nos dois países.

Modern English

A partir do século XVI, a era do Modern English começa e continua a evoluir ainda hoje. A gente distingue dois períodos: Early Modern English marcado pelo Renascimento de 1500 a 1750 e o Late Modern English dos séculos XIX e XX. Hoje, a gente fala de Contemporary English, Basic English ou Business English.

Os USA influenciam a cultura mundial e o idioma Os EUA vieram com a colonização do império britânico

O Early Modern English marca a estrutura ortográfica e da gramática, o que nos permite compreender a escrita dos textos ingleses de William Shakespeare, fim do século XVI e começo do século XVII. Ele é marcado pela presença das vogais.

A língua continua a evoluir com a ajuda do latim e do grego. Os textos literários são escritos pelos autores em inglês. Enquanto as pesquisas científicas (medicina, botânica e certos textos jurídicos) são escritos em latim. É por isso que palavras como maternity, atmosphere ou skeleton são tiradas do latim. O grego deixa suas marcas com palavras tais como anthropology, archeology ou geography.

A percepção do latim é superior a das palavras de origem saxônicas ou germânicas no Renascimento. As palavras em latim são principalmente empregadas por pessoas letradas com uma boa educação. Porém, para alguns autores, as palavras de origem latina são eufemismos que servem para sair da realidade.

A abertura dos outros países europeus como a Itália também acontece no Renascimento. O país conheceu uma fase esplendorosa tanto do ponto de vista econômico, científico ou cultural. A gente encontra palavras de origem italianas no inglês como madona, opera, carnival, tarot… O espanhol também não é deixado de lado porque Elizabeth I falava a língua.

O Renascimento é um período marcado pelas trocas comerciais e as viagens. Assim, o inglês se apropriou linguisticamente de diferentes línguas:

  • O holandês com as palavras yacht ou waggon.
  • O árabe com admiral, alembic, cotton, elixir, alchhol, algebra, apricot…
  • O hindu com os termos curry ou arsenic.
  • O persa (bazaar), o turco (caviar, coffe) ou ainda o ameríndio (canoe, lama, manioc, tobacco, chocolate).

Ao longo dos séculos XVIII e XIX, o Late Modern English tem suas maiores influencias no latim. Por que? O vocabulário técnico e científico é muito utilizado na fase industrial e dos avanços tecnológicos como album, minimum, status, stimulus, insomnia, maximum, ultimatum, detritus, duplex, sanatorium…

As línguas modernas como o francês e o italiano sempre influenciaram o inglês. A ponto de alguns escritores quererem lançar uma campanha para purificar a língua inglesa, sem sucesso.

As diferentes pronúncias do inglês são marcadas pelas evoluções!

É no fim do século XVIII que a corrente se inverte e o inglês tem o seu lugar preponderante no comércio internacional. Se o inglês se apropriou de muitas palavras no passado, agora é a vez de outras línguas pegarem palavras do inglês.

A extensão do inglês é marcada pela colonização do Império Britânico. O inglês vai se estender naturalmente na Irlanda onde a língua irlandesa era falada pela metade da população no final do século XVIII. Hoje 98% dos irlandeses têm o inglês como língua materna.

Na América do Norte (Canadá e Estados Unidos), o inglês conhece uma real expansão ao longo da colonização. O inglês britânico se desenvolve para o inglês norte-americano com as diferentes pronúncias e léxica.

Os cangurus também falam o idioma? A Austrália fez parte da colonização inglesa e enriqueceu a língua

A gente vê essa diferença nas mídias anglófonas.

A colonização da África do Sul e Austrália traz ao inglês algumas palavras de origem aborígenes como boomerang, kangaroo ou wombat.

Winston Churchill queria criar em 1940 o Basic English com 850 palavras para fazer do inglês a única língua no mundo…

Aliás, Churchill criou também várias citações famosas em inglês.

Hoje e depois do começo do século XX, a gente fala de Contemporary English com seu campo lexical de aproximadamente um milhão de palavras. Sua influência é internacional, tanto que o inglês se tornou a língua dos negócios e da cultura.

Compartilhar

Nossos leitores curtem este artigo
Este artigo trouxe a informação que você estava procurando ?

Nenhuma informação ? Sério ?Ok, trabalharemos o tema num próximoNa média, ufa !Obrigado. Deixe suas dúvidas nos comentários.Estamos muito felizes em te ajudar ! :) (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *