A revista que adora os profes, os alunos, as aulas particulares e o intercâmbio de saberes

Aprenda a fazer contas sem precisar de uma calculadora

Par Fernanda le 29/11/2016 Blog > Reforço escolar > Matemática > Cálculo mental: truques para ser fera em matemática
Table des matières

Desde os primeiros anos de ensino de matemática, existe um exercício em particular que exige mais concentração, dedicação e investimento intelectual do que muitos outros: ele é o cálculo mental.

Imagine então no Ensino Médio, na preparação para o vestibular, ou então durante seu curso universitário? É uma técnica muito útil e que pode aprimorar o desempenho e rendimento dos estudantes de uma maneira bem eficaz.

Mas é preciso dominar técnicas específicas para utilizar o cálculo mental com rapidez e eficácia na nossa vida cotidiana, seja na hora de fazer compras, arrumar a casa ou cozinhar, entre outros.

aprenda a fazer contas de cabeça Aprender a progredir em matemática com o cálculo mental exige concentração.

Mesmo se a grande maioria das pessoas hoje possui um smartphone, às vezes não temos o celular por perto ou então, quando temos, até procurar o aparelho na bolsa, digitar a senha, achar o aplicativo calculadora… A conta já era!

Retomar as noções de base do cálculo mental pode ajudar você a sair do sufoco na hora de uma prova, no dia do vestibular, por exemplo, mas também a economizar tempo e treinar sua mente em situações do cotidiano.

Mas como fazer? Existe uma técnica específica? Existem exerícios, dicas, orientações particulares para melhorar seus estudos de matemática?

As vantagens do cálculo mental

O cálculo mental traz muitos benefícios e vantagens incontestáveis para a nossa vida cotidiana, seja você um estudante ou um profissional.

Ele contribui para que você obtenha resultados rápidos e precisos em qualquer situação; o melhor de tudo isso é que você não vai precisar nem de uma calculadora!

Você simplesmente vai aprender a contar de cabeça, bem depressa! Só isso!

Para aqueles que desejam reforçar seus estudos em matemática, o cálculo mental permite a consolidação dos conhecimentos dos números, a familiarização com as operações, a descoberta de certas propriedades, e muito mais.

como fazer cálculos mentais no dia a dia Que tal calcular o valor da sua conta de supermercado de cabeça?

O cálculo mental pode ser usado em diversas ocasiões: ele treina as noções de grandeza das operações, o que é muito importante quando estudamos os números decimais ou as proporções, por exemplo.

Enfim, o cálculo mental contribui para que você estruture sua mente, de maneira a começar a pensar, refletir, estimulando sua memória, sua habilidade analítica e de síntese.

Em um primeiro momento, apesar de não parecer, ele compreende também um forte aspecto lúdico: excelente oportunidade para aqueles que gostam de desafios matemáticos seja em jogos de lógica, com quebra-cabeças, brincando de lego ou de cubo mágico… com o cálculo mental, você faz seus neurônios funcionarem e se diverte ao mesmo tempo! Na verdade, você pratica a matemática e nem se dá conta disso.

Por que estudar o cálculo mental?

Existem muitas razões para começar a fazer contas de cabeça e sobretudo a desenvolver suas habilidades de memorização matemática. Veja algumas delas:

  • Você estimula sua mente a progredir nos cálculos, uma vez que já terá alguns resultados prontos por reflexo; assim, consegue focar em problemas mais complexos;
  • Você ganha tempo e em alguns casos até dinheiro (vá perguntar a opinião dos jogadores de poker ou dos banqueiros!)
  • Você viaja com menos bagagem: pode deixar em casa aquela calculadora enorme que ocupa espaço na mala. Ok, você vai ter o seu celular, mas desnecessário usá-lo para calcular quanto é 8 x 7, certo?
  • Você vai se dar bem em diversas situações do dia a dia: a tabuada do 11 e do 12 não será mais nenhum mistério…
  • Ninguém mais vai conseguir te enganar na hora de dar o troco!
  • Você vai economizar nas aulas de matemática!

Como treinar sua mente a calcular

Em todos os casos, a prática diária e constante do cálculo mental, por cerca de dez minutos por dia, já é suficiente. Não adianta ficar horas a fio decorando fórmulas e contas; seu cérebro precisa apenas de uma prática constante e regular para que os cálculos se tornem algo bem natural, assim como andar de bicicleta ou até mesmo respirar.

O cálculo mental pode ser praticado tanto oralmente quanto por escrito, e você pode recorrer a suportes e recursos como um caderno, uma pasta de anotações, cartas, fichas, dados, um programa de computador.

É importante ter em mente todos os mecanismos e técnicas que você utilizou para chegar a determinados resultados: isso vai ser útil por toda a sua vida. Vai inclusive fazer de você um bom aluno de matemática e, quem sabe, um especialista?

Veja alguns recursos básicos para ajudar nessa empreitada:

  • As tabuadas de adição e de multiplicação;
  • Conhecimento dos números quadrados até 15² (=225), bem como as potências;
  • A técnica de multiplicação por potências de 10 com expoentes negativos (é preciso andar a vírgula para a esquerda) e de expoentes positivos (deslocar a vírgula para a direita);
  • Usar a propriedade « dividir por um número = multiplicar pelo número inverso » (por exemplo, dividir por 0,25 é multiplicar por 4)
  • Aprender os produtos notáveis: (a+b) ² = a² + 2ab + b², (a – b) ² = a² – 2ab + b², (a+b) (a – b) = a² – b².
  • Aprender as regras de fatoração;
  • Conhecer as ordens de grandeza.

como contar de cabeça depressa Quais as técnicas básicas para aprimorar sua capacidade mental?

Na prática: dicas para calcular como Einstein

Observe o último algarismo dos números

Não importa qual número: olhe sempre com qual algarismo ele acaba. Se for par (0, 2, 4, 6, 8) ou se for um 5, é divisível seja por 2, seja por 5 ou por 10. 150 acaba com 0, portanto é divisível por 10.

Como saber que um número é divisível por 3 ou por 9? Faça a soma dos algarismos e veja se o resultado é divisível por 3 ou por 9. Na verdade, um número é divisível por 3 se a soma de seus algarismos é um número múltiplo de 3 (ex: 18 = 1 + 8 = 9, múltiplo de 3). Um número é divisível por 9 se a soma de seus algarismos é um número múltiplo de 9 (ex : 936, seja 9 + 3 + 6 = 18 = 1 + 8 = 9 que é portanto um múltiplo de 9). A saber: se a soma dos algarismos for divisível por 3 e se esses algarismos forem pares, o número é divisível por 6.

Nas adições

Aprenda a simplificar os números. Por exemplo: 1958 – 1907. O número 1900 é comum aos dois elementos, portanto faça apenas a subtração das dezenas e das unidades: 58 – 7 = 51.

Outras dicas de cálculos mentais

  • Faça agrupamentos inteligentes antes de efetuar a operação. Por exemplo: 1,2 / 1,8 = (12 / 18) / 10.
  • Agrupe as unidades que somam 10 para facilitar as adições mais longas: 1 + 9, 2 + 8, 3 + 7, etc.
  • Somar ou subtrair por 9, 19 ou 29 é a mesma coisa que somar ou subtrair por 10, por 20 ou por 30 – 1.
  • Dividir por um número é o mesmo que multiplicar pelo seu inverso.
  • Para somar duas frações, reduza ao mesmo denominador.

Siga sempre esses conselhos de matemática ao pé da letra!

Recursos online que ajudam no cálculo mental

Para evoluir em matemática com o cálculo mental, a Internet é também um recurso precioso e complementa perfeitamente suas aulas.

Existem muitos sites especializados que propõem videoaulas, explicações, quiz, textos complementares, exercícios, jogos e muito mais. Selecionamos alguns para você:

Khan Academy: ONG educacional criada e sustentada por Salman Khan. Com a missão de “fornecer educação de alta qualidade para qualquer um, em qualquer lugar”, oferece uma coleção grátis de vídeos de matemática entre outras matérias.

Olimpíada Brasileira de Matemática: com 30 anos de tradição, a OBM disponibiliza, em seu site, download de provas e gabaritos anteriores.

Calcule Mais: Videoaula de matemática e exercícios de matemática desde o ensino fundamental até o ensino superior e concursos públicos.

Site Mais: reúne de maneira organizada vários recursos educacionais multimídia disponíveis gratuitamente na internet para uso do professor e do estudante de Matemática.

Só Matemática: são mais de 3.000 páginas de conteúdo, onde você irá aprender Matemática de maneira descontraída, tanto na teoria como na prática.

Matematiquês: questões, provas, curiosidades, resumos e muito mais sobre Matemática!

Portal Matemática: o portal da matemática é um site que visa auxiliar alunos do ensino fundamental e médio, e o seu foco principal é o pré-vestibulando e os interessados que visam ingressar na carreira pública por meio de concursos.

Me Salva: O projeto tem a motivação de ajudar estudantes de todo país na compreensão da temida disciplina de cálculo diferencial e integral.

Kuadro: no kuadro, as pessoas aprendem com vídeos e exercícios, trocam conhecimento, tiram dúvidas… Enfim, um grande grupo de estudos.

ferramentas que ajudam a contar de cabeça O ábaco é um recurso que ajuda muito no treino da sua mente.

Percebemos que para evoluir em matemática e também em cálculo mental, a questão da memorização é essencial: lembre-se, mais uma vez, que é preciso decorar os princípios de base da matemática, como as tabuadas de adição e multiplicação. Refaça os exercícios, repita muitas vezes.

Quanto mais você preparar seu cérebro para se lembrar, mais os automatismos surgirão e sua capacidade de calcular mentalmente será multiplicada por 10! Para progredir, é preciso praticar, utilizar diferentes estratégicas para que os processos se tornem mais naturais.

Isso exige, claro, tempo, dedicação, trabalho, paciência e motivação, mas os resultados vão surpreender e você vai guardá-los pelo resto de sua vida!

Portanto, liberte-se! Divirta-se praticando a matemática e utilize todos os recursos que você dispuser, seja na Internet, seja em livros e revistas. Procure sempre buscar novos desafios e não se esqueça de ser rigoroso em seus estudos e durante os exercícios. Você em breve estará com todos os cálculos e operações em sua cabeça!

Nos précédents lecteurs ont apprécié cet article

Cet article vous a-t-il apporté les informations que vous cherchiez ?

Aucune information ? Sérieusement ?Ok, nous tacherons de faire mieux pour le prochainLa moyenne, ouf ! Pas mieux ?Merci. Posez vos questions dans les commentaires.Un plaisir de vous aider ! :) (Soyez le premier à voter)
Loading...
Fernanda
Apaixonada por educação, música e cinema, é especialista nos encontros e desencontros das línguas.

Commentez cet article

avatar
wpDiscuz