A revista que adora os profes, os alunos, as aulas particulares e o intercâmbio de saberes

Como ser um professor particular popular?

Par Carolina le 09/03/2017 Blog > Aulas particulares > Dar aulas particulares > Dicas para encontrar alunos e dar aulas particulares
Table des matières

Você está em frente ao seu computador e olha sua conta bancária…

Aí… O fim do mês promete ser difícil de novo?

Então, você pensa que seria bom achar um emprego para complementar sua renda e evitar mais uma vez de entrar no cheque especial…

Navegando na internet procurando uma ideia, você acaba encontrando o Superprof: torne-se um professor particular e dê aulas!

Pronto, solução encontrada.

Horários flexíveis, uma remuneração extra, além de poder compartilhar seus conhecimentos e ajudar alguém que precisa.

Pronto, você já decidiu, agora é partir para a prática!

Mas sem alunos, parece ser meio complicado…

Por isso, este post vai te ajudar a encontrar seus primeiros alunos e aumentar sua rede.

Então, pronto para se tornar um professor particular com muitos alunos?

Qual matéria você quer ensinar?

A primeira coisa a fazer antes de procurar os alunos é saber qual matéria ou quais matérias você quer ensinar.

Dar aulas particulares de matemática ou física não é a mesma coisa que dar aulas de português ou ainda de violão!

Qual era sua matéria preferida na escola e qual era a que você tinha as melhores notas?

Você tem sabe o bastante para dar aulas de alemão? Em qual nível? De economia? Ou ainda de história? Ou você quer dar somente reforço escolar?

Você pode ser apaixonado pela música, mas você tem as competências necessárias para dar aulas de música?

Pense bem antes de começar a dar aulas sob medida para os alunos!

Encontrar alunos para aulas particulares perto de você

Pronto, você já sabe, já decidiu que será professor de [insira a disciplina escolhida aqui]!

Como para qualquer trabalho, o network é essencial!

Você não conhece muita gente? Pense bem, isso é muito importante na hora de encontrar alunos. Uma rede profissional não é tão difícil de se encontrar assim, todo mundo tem uma!

As pessoas próximas

Não há tema que não mereça ser aprendido Até aulas de barman você pode dar e fazer bons drinks!

Comece anunciando a seus próximos que você quer dar aulas particulares: seus parentes, irmãos, irmãs, primos, primas, amigos, seus conhecidos…

Aquela sua prima ainda está no colégio?

Perfeito, ela poderá aproveitar de seus serviços ou avisar seus colegas de classe que podem estar precisando de suas aulas.

Sua melhor amiga é babá de crianças do primário? Ela poderá dizer duas palavrinhas sobre isso a seus pais.

Viu? Todo mundo tem uma rede de contatos e não podemos deixar de aproveitar! Seja popular sendo um bom professor particular!

Redes sociais

Outro meio perfeito para colocar sua rede em movimento: as redes sociais, como seu próprio nome diz.

Divulgue seu status no Facebook indicando que você é professor e procura alunos!

Use o twitter e, por que não, Snapchat? Todos os meios são bons para se tornar conhecido!

Você vai ver que só com isso, você encontrará uma boa parte de seus alunos. Você ainda pode escolher pela opção de dar aulas pela webcam!

Seus primeiros alunos

E claro, os alunos e os pais são suas melhores publicidades!

A partir do primeiro aluno, o boca a boca já funciona! Talvez você não vai precisar de fazer mais nada se seus alunos e seus responsáveis gostarem de seus serviços!

Prepare bem as suas aulas e permita que seus alunos avancem rapidamente, ou seja, seja bom! Não há segredo, isso é a chave para encontrar novos alunos!

Se os pais de seus alunos verem que seu filho está progredindo e suas notas estão melhorando, eles vão comentar com os outros pais e pronto, é o efeito « bola de neve »!

E os alunos, provas concretas das dificuldades de seus colegas de sala, poderão falar de suas melhorias e falarem de você para os outros.

Daqui a pouco você vai se perguntar: onde dar aulas particulares?

Sua vizinhança!

Não deixe de avisar para o pessoal do seu bairro sobre suas aulas A vizinhança está precisando de um professor como você!

Independente de onde mora, seja na capital ou no interior, você tem certamente várias pessoas que moram perto de você, seus vizinhos!

Se você tiver um tino comercial, você pode passar na casa deles e propor diretamente seus serviços. Alguns vão gostar da iniciativa, outros menos… Esteja preparado para os dois casos!

Se tudo der certo, você poderá conversar diretamente com seus futuros clientes e aumentar sua rede! Fácil, não?

Se você não se sentir a vontade para fazer o contato direto, você pode deixar um anúncio na caixa de correios.

Tente ser original (mas não muito) para chamar a atenção deles!

Por exemplo: « Seu filho poderá aproveitar as férias sem recuperação com a ajuda de minhas aulas particulares ».

Pense em comunicar:

  • Você dá aulas de quais matérias? (inglês, musculação, outros)
  • A possibilidade ou não de ajudar nos deveres de casa ou reforço escolar
  • Qual é o nível de estudos de seus alunos: primário, colégio, ensino médio, preparação para provas (recuperação, vestibular), Enem, adultos…
  • Sua experiência: « eu sou engenheiro », « sou bilíngue em inglês »
  • Sua pedagogia e metodologia
  • Você não precisa necessariamente explicitar isto, mas deixe claro que você é sério e disponível

Distribua pequenos anúncios, flyers nos comércios próximos de sua casa

Você já deve ter visto alguns anúncios na padaria, açougue ou outro comerciante perto de sua casa!

Pense também na mercearia da esquina, frequentado pelos pais, mas também pelos alunos do colégio e ensino médio para comprar refrigerante, salgado ou balas.

Quando fazemos a fila para comprar pão ou frango assado, a gente não faz grandes coisas. Por isso, é importante deixar seu anúncio ali para ser lido enquanto o pai de seu futuro aluno espera para ser atendido.

Então, não perca mais tempo e escreva logo o seu anúncio para dar aulas em domicílio!

Aqui, você não precisa ser original. É importante ser breve e conciso indicando:

  • Quais são as matérias que você leciona nas suas aulas particulares
  • Para qual nível de ensino você dá aulas (do colégio ao ensino médio)
  • Seu nível de estudos (graduado em história pela PUC-SP, por exemplo)
  • Seu número de telefone

Agora é só esperar!

Ache seus alunos nas escolas

Mas onde estão seus alunos na maior parte do tempo?

Em suas escolas, claro!

Pense em deixar seu anúncio nas instituições de ensino:

  • Escolas primárias: há sempre um painel para colocar avisos para os pais dos alunos perto do portão da escola. Eles podem dar uma olhada esperando seus alunos saírem da aula!
  • Colégios e ensino médio: na secretaria ou onde os alunos passam frequentemente
  • Faculdades e universidades: alguns painéis são destinados para os pequenos anúncios

Não tem problema se a matéria que você dá aula não tiver uma relação com o curso ou a escola.

Seja o professor do primeiro colocado no Enem! Muitos alunos querem ajuda para passar naquele vestibular!

Se você der aulas de canto, de piano, violão ou ainda de bateria, elas podem interessar aos pais e alunos.

Como você pode ver, seus alunos podem estar onde menos espera, ou podem saber de suas aulas nos lugares menos convencionais!

Inscrever-se em sites como o Superprof

Alunos e responsáveis utilizam internet, como todo mundo. Não há como fugir da web e não colocar seu anúncio em algum site especializado.

Vários sites e plataformas online colocam alunos e professores em contato. Às vezes, eles te dão o passo a passo para ser professor em domicílio!

Você pode utilizar do mesmo método que os anúncios no seu bairro e postar em sites como o Olx.

Ou, se o anúncio que você colocou no comércio permite encontrar alunos que moram perto de sua casa (no seu bairro, para ser mais preciso), o anúncio em alguns sites não especializados vão divulgá-lo para toda a sua cidade e estado.

Um pouco complicado de filtrar seus alunos, não é?

Então a gente aconselha, claro, que você coloque o seu anúncio no site Superprof.

Suas chances de encontrar seus alunos aumentam:

  • Bom posicionamento em motores de pesquisa (Google, Yahoo) de todos os professores inscritos no site: matemática, português, física, química, espanhol…
  • Pesquisa por aulas
  • Pesquisa geolocalizada (CEP, localização): seu aluno poderá encontrar seu professor a alguns quilômetros da sua casa, sem precisar sair da sua escrivaninha!

Criar seu site ou blog

Para ficar mais atualizado, por que não criar sua própria página na internet de aulas particulares?

É uma maneira de colocar seu currículo em dia e detalhar suas referências, experiências, coisa impossível em um simples anúncio.

Além disso, você pode colocar o link de sua página nos seus anúncios! Assim, os interessados poderão consultá-lo, se quiserem.

Anúncios no comércio funcionam, mas não a mensagem jogada no mar... O método da garrafa não serve para encontrar alunos…

Sim, mas como criar o nosso próprio site?

Você pode criá-lo através de várias ferramentas gratuítas na internet. Tudo vai depender do seu grau de conhecimento em web.

Se você não conhece muito, tente o Wix!

É um site para criar sites intuitivo e rápido: Wix oferece várias opções de estrutura para o seu site (empresa, loja online, fotografia, currículo, site pessoal…) e pronto!

Seu site será hospedado de forma segura, referenciada e será disponível em dispositivos móveis (smartphones e tablets).

Se você conhecer um pouco mais, você pode usar o WordPress!

Mesmo princípio, você pode criar seu site de uma maneira mais completa que no Wix e as vantagens continuam as mesmas.

Você pode integrar um formulário de contato para as pessoas pedirem mais informações sobre suas aulas, por exemplo.

Resumindo:

  • Suas qualidades como professor são sua melhor cartão de visita!
  • O boca a boca é seu melhor aliado para encontrar alunos
  • Pense em todos os meios, esteja presente em tudo, fale de seu trabalho como professor particular para pessoas próximas, site Superprof etc
  • Você também pode criar o seu próprio site para se tornar conhecido.

Viu? Não é tão difícil de encontrar alunos!

Nos précédents lecteurs ont apprécié cet article

Cet article vous a-t-il apporté les informations que vous cherchiez ?

Aucune information ? Sérieusement ?Ok, nous tacherons de faire mieux pour le prochainLa moyenne, ouf ! Pas mieux ?Merci. Posez vos questions dans les commentaires.Un plaisir de vous aider ! :) (moyenne de 5,00 sur 5 pour 1 votes)
Loading...
Carolina
Quero aprender italiano e espanhol, mas preciso mesmo é do inglês... Leio as plaquinhas nos museus, gosto de música e de cinema dos anos 70. De agora, só o Pablo do arrocha que serve.

Commentez cet article

avatar
wpDiscuz